Anúncios
Início > Derrota, NHL Game > 10/11/2010 – Toronto Maple Leafs @ Florida Panthers

10/11/2010 – Toronto Maple Leafs @ Florida Panthers

quinta-feira, 11 novembro 2010 Deixe um comentário Go to comments

Eu gostaria de postar notícias melhores aqui, mas na atual situação, venho apenas formalizar que, mais uma vez, os Leafs perderam. Desta vez foi quase que por shutout (sem fazer nenhum gol no adversário), como no jogo contra o Tampa, na noite anterior.

Os Leafs estão a 7 jogos sem vencer, sequência que já é maior que o início da temporada passada (2009-10), quando perderam 6 e venceram 1 partida na prorrogação. Dos últimos 11 jogos, os Leafs venceram somente 1, exatamente contra os Panthers, mas em Toronto. E só para vocês verem como são as coisas, não tive tempo de escrever um post sobre esta vitória e apenas a citei num post do jogo contra os Bruins. Ou seja, os Leafs estão indo mal e quando ganham, não tenho tempo de escrever!!!

Ontem os Leafs tiveram a iniciativa de realizar uma reunião entre os jogadores, que durou mais de uma hora, para conversarem à respeito dos problemas da equipe. Foi um ato pró-ativo de tentar resolver os problemas, mas que pelo resultado da partida de ontem, não surtiu efeito.

Logo aos 7m42s de jogo, Bryan Allen, marcou para os Panthers em um slap shot. Mas são coisas do jogo e os Leafs estavam jogando de igual para igual, tanto que tiveram mais chutes à gol que os Panthers (7 contra 6).

No segundo período veio o segundo gol dos Panthers, marcado por Steven Reinprecht, em vantagem numérica (powerplay). Os Leafs estão mal em várias coisas, mas posso citar aqui que o powerplay da equipe de Toronto está muito ruim. Os Leafs converteram apenas 3 gols em 39 powerplays! O time está chegando no gol adversário, porém não tem tido qualidade em seus chutes à gol!! Desta vez Tomas Vokoun é que foi o goleiro da vez, dando segurança ao gol dos Panthers.

Eu não considerava esta uma partida perdida, afinal os Leafs já tiveram um jogo em que marcaram 3 jogos em 7 minutos e, marcar 2 gols em um mesmo período não é nenhum feito heróico. Ontem mesmo o Boston Bruins marcou 5 gols no terceiro período para ganhar a partida contra os Penguins por 7 a 4.

No terceiro período, logo aos 2m44s, Shawn Matthias, aumentou para 3 a 0. Neste período os Leafs foram muito ao ataque, mas nada surtia efeito e, 10 minutos após o 3º gol, Michael Frolik marcou mais um para os Panthers, o segundo gol em powerplay. Somente aos 13m25s os Leafs conseguiram um gol salvador, marcado por Mikhail Grabovsky, cancelando o shutout. E foi isso …

Michael Frolik saiu da partida com 1 gol e 2 assistências e foi o principal jogador.

Os times especiais dos Leafs, para powerplays e penalty killings, nem deveriam ser chamados por este nome, pois não têm nada de especial. Não conseguem marcar gols e também não conseguem evitar que os adversários marquem!!!

Mais uma vez Phil Kessel não conseguiu marcar nada, nem sequer uma assistência e Jonas Gustavsson não conseguiu parar o ataque dos Panthers, apesar de que não foi falha dele em todos os gols.

Nós como torcedores ficamos aqui, suportando a equipe e torcendo, mas com o nível de jogo que os Leafs têm demonstrado, o time está se dirigindo para a ponta da tabela, se a olharmos de cabeça para baixo.

Ou Brian Burke e Ron Wilson tomam alguma atitude que chacoalhe a equipe, ou então que se inicie as trocas para que os Leafs consigam “peças” de reposição que possam gerar mais gols!

Agora só podemos esperar por sábado, quando os Canucks vão à Toronto, e torcer para não ser uma carnificina com os Sedins, Burrows, Luongo e cia. E que os Leafs acordem deste estado de letargia em que se encontram!!!

GOOO Leafs GOOOO sempre …

Anúncios
  1. João Neves
    quinta-feira, 11 novembro 2010 às 13:41

    Boa tarde amigos Leafs!
    Mais um jogo sofrível…. para nossa tristeza.
    Sem garra e sem vontade.
    Kessel vale muito… em termos de troca e de libertação do cap!!! Grabovski = ZERO…
    O melhor mesmo era trazer Alain Vignault dos Canucks, e sem entrar em grandes sensacionalismos porque as melhores equipas não trocam assim os craques, acho que baterem-se no mercado por Halak, Byfuglien e Getzlaf seria perfeitamente aceitável em termos de trocas e daria muito mais competitividade à equipa (quase valia a pena tentar ir buscar o Lidstrom (patrulha melhor a linha azul que muitos de 25 anos e marca muitos golos com aquela idade).
    São jogadores acessíveis e de muito valor. E uma coisa que se nota muito nesta equipa técnica: os Maple Leafs devem ser das equipas que têm menos canadianos no plantel. Ora sendo um clube mítico e apoiado por todo o país, com mais canadianos com certeza haveria mais paixão dos próprios jogadores. A maior parte das equipas dos U.S.A. têm uma percentagem maior de canadianos. Parece que Burke quer americanizar os Leafs.
    A ver se ganhamos finalmente um jogo para levantar a moral.

  2. Andre
    quinta-feira, 11 novembro 2010 às 14:07

    Ontem, assistindo e comentando o jogo pelo forum da center ice, tive que assumir que o time ia perder no fim do primeiro periodo.
    O time está bambo, comete erros incríveis, está disperso, erra gols claros, ou seja, ta um desastre.
    Está longe daquele leafs empolgado das primeiras partidas.
    Algo aconteceu nesse meio termo.

  3. cnbeiro
    quinta-feira, 11 novembro 2010 às 16:03

    É … concordo com vários pontos que foram comentados pelo João e pelo André.
    O time está apático, não tem o gol como objetivo … fico muito P quando eles “leiloam” o puck … para trocar as linhas !!!! Pelo menos dá um shoot no gol … ou algo que possa ter algum perigo para o adversário e não joga o puck, sem qualquer direção …

    O time realmente está um desastre … acho que para o pessoal acordar eu traria Nazem Kadri e Jerry D’amigo para uma partida … asim ía mostrar aos outros jogadores a vontade deles jogarem no time principal … que essa mesma vontade tinha que ser demonstrada por todos …

    Bom … que os Canucks não estejam em uma noite inspirada no sábado … aliás, que eles estejam numa péssima noita … pelo menos assim temos a chance de ganhar … E, quem sabe, ter o time das 4 primeiras partidas de volta.

    HEHEHEHEHE

  4. Lucas
    quinta-feira, 11 novembro 2010 às 16:26

    Manda todo mundo embora e contrata um time novo.
    Tá loko, o que aconteceu com o time das primeiras rodadas?
    Não entendo como um time com uma torcida e um nome tão grandes não consegue monta um time decente todo ano.

    • cnbeiro
      quinta-feira, 11 novembro 2010 às 16:41

      É Lucas …

      Acho que o meior problema não é os torcedores não saberem o que aconteceu com o time das primeiras rodadas … mas o Ron Wilson não saber … HEHEHEHEHE

      Vamos aguardar … e ir para cima dos Canucks …

      Li num tweet que as novas linhas sendo testadas por Ron Wilson são: Kulemin, Grabovsky, Kessel; e MacArthur, Bozak, Versteeg.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: