Anúncios

Arquivo

Archive for the ‘Derrota’ Category

12/12/2017 – Toronto Maple Leafs @ Philadelphia Flyers

quarta-feira, 13 dezembro 2017 Deixe um comentário

Em ótima fase, o Toronto Maple Leafs foi à Philadelphia enfrentar os Flyers, buscando continuar somando pontos e se mantendo na parte superior da tabela de classificação.

No gol, Frederik Andersen, que tem sido muito sólido, enfrentou o veterano Brian Elliot.

O jogo começou bem, com chances para ambas equipes, mas foram os Flyers que abriram o placar com um gol de Claude Giroux aos 09m21s. Os Leafs foram rápidos na reação e Patrick Marleau cortou um passe na zona neutra e partiu ao ataque, chutando do círculo direito de Brian Elliot e marcando o gol de empate, também seus ponto de número 1100 em sua carreira na NHL. Com placar empatado, as equipes continuaram tentando, mas os goleiros conseguiram evitar qualquer tentativa no período.

O segundo período viu os Leafs chutando menos ao gol de Elliot, mas tomando a liderança da partida com um gol de James Van Riemsdyk, desviando um chute de Mitch Marner aos 16m50s, durante um powerplay para os Leafs.

Tudo parecia estar bem, mas os Leafs acabaram cometendo erros no terceiro período e Travis Konecny empatou quando seu chute acabou sendo desviado por Dominic Moore, tirando as chances de defesa de Freddie aos 05m36s. Infelizmente para os Leafs, aos 17m05s, Sean Couturier conseguiu marcar, após receber um excelente passe de costas, por entre as pernas, de Claude Giroux, para vencer Freddie por sobre a luva. Faltando menos de 3 minutos para o final, os Leafs ainda tentaram jogam em empty net, retirando Freddie, mas acabamos tomando mais um gol, de Scott Laughton, aos 19m44s.

Não foi um ótimo terceiro período para os Leafs e acabamos perdendo a partida por 4 a 2, no que foi a quarta vitória seguida dos Flyers.

Voltaremos ao gelo na quinta-feira, em Minnesota!

Go Leafs Gooooo

Anúncios

02/12/2017 – Toronto Maple Leafs @ Vancouver Canucks

segunda-feira, 04 dezembro 2017 Deixe um comentário

No último jogo no oeste canadense, o Toronto Maple Leafs foi visitar o Vancouver Canucks. Vi dos de duas vitórias os Leafs esperavam conseguir vencer todos os jogos fora de casa, mas encontraram o goleiro dos Canucks, Jacob Markström muito inspirado na noite.

O primeiro período foi totalmente dominado pelos Canucks, com seu goleiro que fez defesas importantíssimas, com Auston Matthews não conseguindo chutar num gol vazio após um erro de Markström, com Frederik Andersen sem a mesma sorte e posicionamento do goleiro adversário. Os Canucks se aproveitaram e abriram dois gols de vantagem no placar em ótimos chutes de Markus Granlund, aos 04m52s, e de Alexander Edler, aos11m14s. Os Leafs, infelizmente não conseguiram reagir.

No segundo período o jogo foi totalmente outro e os Leafs passaram a jogar muito melhor, mas encontraram as defesas de Markström evitando a reação no placar. Essa reação e o ímpeto dos Leafs foi mantido até o final do terceiro período, quando Morgan Rielly teve chance de empatar, mas furou o chute. Na sequência, num outro chute de Rielly, James Van Riemsdyk desviou o chute, tirando o shutout do goleiro de Vancouver, faltando somente 02m52s para o final. Infelizmente para nós, não houve tempo parando empate e perdemos por 2 a 1.

Neste jogo houve uma comemoração no início da partida, para celebrar os 1000 pontos na NHL, marcados por Daniel Sedin no jogo anterior, em Nashville.

O próximo jogo dos Leafs será dia 6, quarta-feira, em casa, contra o Calgary Flames.

Go Leafs Goooooo

02/11/2017 – Toronto Maple Leafs @ Los Angeles Kings

sexta-feira, 03 novembro 2017 Deixe um comentário

Somente uma noite após a vitória contra o Anaheim Ducks, o Toronto Maple Leafs foi enfrentar o Los Angeles Kings. 

Nosso primeiro período foi um desastre e podemos dizer que demos um tiro no próprio pé.   E não foi culpa do Curtis McElhinney. O time estava jogando bem, mas Jake Gardiner acabou por tropeçar e cair perdendo o controle do puck, oportunidade que os Kings não desperdiçaram. Michael Amadio abriu o placar com o seu primeiro gol na NHL aos 02m34s do primeiro período. Pouco depois, aos 04m58s, Mike Cammalleri marcou o segundo dos Kings num powerplay. O terceiro gol dos Kings veio num erro triplo de Nazem Kadri que por três vezes teve a oportunidade de limpar o puck da área defensiva dos Leafs, mas acabou perdendo o puck, que foi cruzado para Trevor Lewis marcar aos 19m24s. Foi um período para esquecer.

O segundo período viu Tyler Toffoli marcar duas vezes aumentando o placar para 5 a 0. Somente no final do período, Auston Matthews venceu Jonathan Quick num penalty shot aos 17m50s. Morgan Rielly também marcou, faltando apenas 1,5s para o fim do período, dando uma esperança para os Leafs no terceiro período. Quick ficou muito irritado e quase quebrou seu taco no travessão após o gol de Rielly! 

O problema é que o terceiro período só tinha 20 minutos e, todos os erros que os Leafs cometeram no primeiro período, não conseguiram ser remediados. Somente Connor Brown marcou aos 08m00s.

Durante o jogo, Auston Matthews teve outra oportunidade de marcar num penalty shot, mas acabou chutando acima do gol de Jonathan Quick. 

O próximo jogo será amanhã, em St. Louis!

Go Leafs Gooooo 

30/10/2017 – Toronto Maple Leafs @ San Jose Sharks

terça-feira, 31 outubro 2017 Deixe um comentário

No primeiro jogo dos Leafs na viagem que o time está fazendo pela Califórnia, fomos ao SAP Center, casa do San Jose Sharks, ex-equipe de Patrick Marleau que foi contratado pelo Toronto Maple Leafs nesta última pós-temporada.

Os Sharks fizeram um vídeo em tributo a todos os anos que Marleau dedicou suas habilidades à equipe e todos na Arena o aplaudiram e homenagearam. Foi um tributo mais que merecido para um jogador muito habilidoso e que se dedicou aos Sharks por muito tempo. Parabéns Patrick Marleau e Parabéns San Jose Sharks, pelo lindo tributo! 

No jogo em si, os Leafs, apesar de atacarem menos, saíram na frente no placar com um gol de Auston Matthews se aproveitando de um chute de Nikita Zaitsev. Quando Zaitsev ia chutar, Matthews fez um movimento, passando pelo defensor e cruzando em frente do gol, quando controlou o puck com seu patins e bateu sem chances para Martin Jones. Infelizmente para nós, torcedores dos Leafs, a equipe não jogou bem e, durante todo o jogo, fomos dominados pela defesa dos Sharks. 

O Shark Tank é um caldeirão e o time da casa faz o uso de toda a pressão e apoio da torcida contra os adversários. No segundo período, Joe Pavelski empatou, desviando inócuo bem em frente à Frederik Andersen, que não teve tempo de se mover para fechar o gol. Os Leafs simplesmente não conseguiam atacar e deram apenas dois chutes ao gol no segundo período. 

Com o placar empatado em 1 gol para cada equipe, o jogo foi ao terceiro período, quando os Sharks continuaram melhores. Tim Heed colocou os Sharks à frente, virando o placar aos 04m11s, num powerplay. Ele chutou de longe e acertou o canto superior direito do gol de Frederik Andersen. Mais para o final da partida, Joel Ward ainda marcou o terceiro dos Sharks com os Leafs em empty net. No finalzinho ainda deu tempo para Nazem Kadri marcar, mas com o total de 18 chutes à gol durante toda a partida, não houve como os Leafs saírem com a vitória. Os Sharks por sua vez, deram 39 chutes ao gol dos Leafs.

Essa foi a nossa quinta derrota nos últimos 5 jogos e a equipe que estava alegrando a torcida nos primeiros jogos da temporada já começa a deixar a todos preocupados. O problema é a defesa? É o goleiro? É a juventude e falta de experiência? Ainda não temos a resposta, mas temos confiança em Mike Babcock, que tem o conhecimento e experiência para arrumar a casa. Talvez leve um tempo, mas ele vai arrumar o time. 

Go Leafs Gooooooo

28/10/2017 – Philadelphia Flyers @ Toronto Maple Leafs

segunda-feira, 30 outubro 2017 Deixe um comentário

Infelizmente o time do Toronto Maple Leafs, que começou a temporada muito bem, vem tropeçando ultimamente e perdeu o terceiro dos último quatro jogos, não conseguindo impor seu jogo. Dessa vez a derrota veio contra o Philadelphia Flyers.

Brian Elliot jogou muito bem e impediu muitas chances dos Leafs voltarem ao jogo, mantendo sua equipe na liderança no placar até o final, já Frederik Andersen teve uma noite com boas defesas, mas também deixou entrar chutes defensáveis.

Muitos torcedores começam a achar que Andersen não consegue ser um goleiro número um e que os Leafs devem pensar em uma negociação, já outros colocam a culpa na equipe, que não vem mesmo jogando bem, principalmente defensivamente, não ajudando o goleiro. A verdade é que precisamos melhorar e Mike Babcock tem tudo pra arrumar essa equipe durante a temporada. 

Apesar de sairmos na frente, com um gol de Nazem Kadri aos 09m07s, recebendo assistências de Auston Matthews e Josh Leivo, em seu primeiro jogo na temporada, deixamos Flyers virarem o placar com 3 gols (Brandon Manning, Jakub Voracek e Valteri Fillpula). Mesmo com vantagem numérica de 5 contra 3, não fomos felizes e não conseguimos vencer Brian Elliot. 

Nazem Kadri marcou seu segundo gol da noite, segundo dos Leafs aos 13m02s do segundo período, mas Claude Giroux colocou os Flyers novamente a dois gols de distância dos Leafs.

A equipe, mais uma vez não jogou bem e não conseguiu manter um bom nível defensivo, além de acabar tomando gols que seriam, normalmente, defensáveis. Enfim, Babcock vai levar a equipe para a Califórnia nessa semana, e talvez os novos ares ajudem a equipe a voltar à coluna de vitórias. Os Leafs enfrentarão os Sharks, Ducks e Kings essa semana. Será a primeira visita de Patrick Marleau à San Jose, onde passou toda a sua carreira na NHL.

Go Leafs Gooooooooooo

26/10/2017 – Carolina Hurricanes @ Toronto Maple Leafs

sexta-feira, 27 outubro 2017 Deixe um comentário

Vindos de duas derrotas o Carolina Hurricanes foi à Toronto, enfrentar o Toronto Maple Leafs e com um jogo muito organizado e muita dedicação, saíram com a vitória.

Os Leafs começaram mal, se recuperaram, mas voltaram a jogar mal e não conseguiram manter o ritmo de jogo. Em menos de 3 minutos do primeiro período, os Canes estavam à frente no placar com dois gols, marcados por Josh Jooris e Teuvo Teravainen. A defesa dos Leafs parece ser o maior desafio de Mike Babcock nesta temporada. Auston Matthews diminuiu marcando seu nono gol na temporada aos 09m19s, mas aos 16m08s, Elias Lindholm venceu Frederik Andersen novamente e colocou dois gols de diferença no placar. 

Ainda bem que temos uma equipe que tem um poder de ataque muito bom e isso às vezes nos salva. Foi o que aconteceu no segundo período, quando Dominic Moore e Zach Hyman marcaram em Scott Darling e empataram a partida. Infelizmente, uma vez mais, os Canes conseguiram um gol, dessa vez marcado por Victor Rask.

No último período voltamos a não jogar bem e não conseguimos mais reagir. Os Canes, por sua vez, marcaram mais dois com Josh Jooris, seu segundo gol na partida e segundo gol pelos Canes, e Brock McGinn.

Foi a terceira derrota dos Leafs na temporada e o mais estranho disso é que todas foram pelo mesmo placar (6 a 3). 

Temos que arrumar a casa para voltar a jogar amanhã, contra os Flyers! Será mais um jogo em casa e temos que nos impor!

Go Leafs Goooooooo

Toronto Maple Leafs @ Ottawa Senators – 21/10/2017

segunda-feira, 23 outubro 2017 Deixe um comentário

Na primeira Batalha de Ontário da temporada, o Toronto Maple Leafs foi visitar o rival Ottawa Senators. Os Sens não haviam ganhado nenhum jogo em casa e os Leafs vinham de três vitórias, mas números não definem o vencedor na NHL.

Craig Anderson fez uma ótima partida e defendia todas as tentativas de gol dos Leafs. Frederik Andersen também estava bem na partida e, somente uma jogada muito disputada, sem que nenhum jogador dos Leafs conseguisse tirar o disco de perto do gol, com Andersen caído após fazer uma defesa acrobática, acabou em gol para os Senators. Nate Thompson marcou seu primeiro gol pelos Sens nessa bagunça na área dos Leafs aos 12m01s do primeiro período. A verdade é que os Leafs não conseguiram se impor e acabaram sendo dominados na partida, pelo menos durante o primeiro e segundo períodos.

Ryan Dzingel e Derrick Brassard marcaram mais dois gols pros Senators no segundo período, o que deixou os Leafs com uma escada cada vez mais alta para escalar, se quisessem vencer o jogo. 

Atendendo a todas as preces dos torcedores azuis e brancos os Leafs conseguiram melhorar no iniciando terceiro período, e cometer menos erros. James Van Riemsdyk desviou um chutes enganou Craig Anderson, abrindo o placar para os Leafs aos 06m00s. Auston Matthews mostrou mais uma vez sua velocidade e pontaria. Marcou o segundo dos Leafs aos 08m34s, colocando os Leafs a apenas um gol do empate. Infelizmente Nikita Zaitsev errou feio e teve seu passe interceptado por Mark Stone, que não desperdiçou. Não marcou no primeiro chute, mas aproveitou o próprio rebote para colocar dois gols de diferença no placar, apenas 7s após o gol de Matthews. O terceiro período foi alucinante. William Nylander marcou aos 12m52s se valendo de um powerplay para os Leafs, aliás, o primeiro powerplay dos Leafs na partida, o que demonstra quão bem os Senators jogaram. Apesar da esperança voltar aos torcedores dos Leafs, Derrick Brassard e Mark Stone mostraram que a equipe da casa não se abalou com os gols dos Leafs e fecharam o placar em 6 a 3.

Foi a segunda derrota dos Leafs na temporada e ambas pelo mesmo placar! 

Realmente nossa defesa não está bem, o que tem exigido muito de nossos goleiros. Neste jogo rifamos o disco diversas vezes e erramos muitos passes.

Hoje enfrentamos a ótima equipe do Los Angeles  Kings, que nos fará uma visita.

Go Leafs Goooooooo

%d blogueiros gostam disto: