Arquivo

Posts Tagged ‘Mats Sundin’

Fim da temporada 2019-20 para os Leafs

sábado, 22 agosto 2020 Deixe um comentário

Todos podemos ter uma grande certeza sobre a temporada 2019-20, ela será inesquecível!

Essa temporada da NHL foi marcada pela pandemia global do Coronavírus, que congelou a temporada regular faltando apenas 12 jogos por jogar, fez com que a liga, as equipes e os jogadores ficassem totalmente parados, incluindo o fato de ficarem sem treinar por praticamente 3 meses, e pela decisão de voltar a temporada já nos playoffs, mas com um calendário alterado e contando com 24 equipes, oito a mais. A razão para isso foram exatamente os 12 jogos restantes a serem disputa dos na temporada regular. Uma vez que haviam equipes disputando as últimas posições da classificação em cada conferência, seria injusto simplesmente escolher os oito times mais bem classificados de cada conferência. Imagina uma equipe que estivesse na nona posição, com diferença de somente um ponto para o oitavo e dois para o sétimo. Como dizer que ela não estaria classificada se jogasse os 12 últimos jogos?

O que foi criado como parte dos playoffs deste ano foi uma série de playoff de qualificação (Qualifier’s). Neste caso, os Leafs enfrentaram o Columbus Blue Jackets em uma série melhor de 5 jogos.

Como meu último post foi do terceiro jogo, em que os Blue Jackets viraram o placar de 3 a 0 dos Leafs, vencendo com um gol na prorrogação, acabei não informando aqui os dois últimos jogos da série.

O quarto jogo da série foi indescritível! O Toronto Maple Leafs estava jogando muito mal, sem levar perigo ao gol de Joonas Korpisalo, e estavam com um placar de 3 a 0 faltando quatro minutos para o jogo acabar e a equipe ser desclassificada. Posso aqui deixar registrado que desliguei a TV pra nem ver o final do jogo e, quando três minutos depois liguei meu iPad para saber se o jogo já havia terminado, vi a equipe dos Leafs marcar o gol de empate com Zach Hyman, levando o jogo à prorrogação. Na prorrogação vencemos o jogo , dando o troco exatamente como havia sido a nossa derrota anterior. A vitória nos levou ao jogo 5!

Infelizmente, apesar da vitória histórica do jogo 4, que demonstrou que a equipe tem raça pra continuar buscando a vitória, mesmo atrás no placar e faltando muito pouco tempo pro jogo acabar, os Leafs não conseguiram se impor e perderam para os Blue Jackets por 3 a 0, deixando mais uma vez os playoffs na primeira rodada, a quarta vez nos últimos 4 anos!

Obviamente que, com a equipe e os jogadores que temos, a torcida fica frustrada, mas já sabíamos que a equipe não tinha conseguido manter o nível de jogo durante a temporada regular, com muitos altos e baixos, com uma defesa que deixa a desejar e alguns jogadores que por vezes não aparecem. Esse foi um ano em que vimos o técnico mais caro da Liga, Mike Babcock, ser demitido dos Leafs por não estar conseguindo evitar que a equipe tivesse um padrão de jogo muito aquém das possibilidades, vimos Sheldon Keefe chegando aos Leafs e dando uma esperança de corrigir o time. Também vimos a chegada de Jack Campbell e de Kyle Clifford, dois jogadores dos Los Angeles Kings e que trouxeram mais qualidade e experiência à equipe.

Claro que houve muitas críticas aos 4 jogadores mais bem pagos da equipe: Auston Matthews, que jogou muito toda a temporada e com 47 gols, ficou a um gol da disputa pelo troféu Maurice Richard, para o artilheiro da temporada, que ficou entre Ovechkin e Pastrnak; John Tavares, que por muitas vezes fica apagado nas partidas, mas que é muito importante e tem uma atuação pra equipe; William Nylander, que essa temporada jogou demais, mas tem uma boa parte da torcida pegando no pé dele por todo o imbróglio da renovação do seu contrato (eu gosto muito de ter o Nylander na equipe e o acho um dos melhores jogadores conduzindo o puck); e Mitch Marner, que teve uma boa temporada, mas que nos playoffs cometeu erros e não rendeu o que se esperava dele.

Para a próxima temporada, que se tudo der certo só iniciará em Dezembro, os Leafs deverão ter algumas mudanças, principalmente em sua defesa, se Kyle Dubas e Brendan Shanahan encontrarem os jogadores que necessitam a um preço dentro das possibilidades dos Leafs, ou negociando alguns jogadores em troca de uma melhor equivalência entre ataque e defesa. Já sabemos que Tyson Barrie não deve retornar à equipe após não ter uma atuação de acordo com o que esperávamos dele. Eu diria que Muzzin e Rielly são os defensores que continuam e todos os outros, incluindo Justin Holl e Travis Dermott, podem ser negociados. No ataque, gostaria muito de ver o retorno de Jason Spezza, que demonstrou ser torcedor dos Leafs e vibrou com as vitórias da equipe!

Outro nome que devemos ver nos Leafs na próxima temporada é Nick Robertson, o rookie que veio da OHL e jogou algumas partidas dessa série contra os Blue Jackets e, inclusive marcou gol! Robertson foi muito bem e não vejo ele ficando de fora na próxima temporada.

Freddie também jogou bem, mas com uma defesa fraca à sua frente não teve como ajudar mais a equipe. Jack Campbell também mostrou que é um bom goleiro e que também gosta de fazer parte do elenco.

Adicionamos um ano mais na fila, agora com 53 anos desde a nossa última Stanley Cup, mas a equipe continua promissora e ganhando cada vez mais experiência. Temos que manter a esperança, pois temos a possibilidade de termos a melhor equipe dos Leafs desde quando Mats Sundin era o capitão e levou o time à final de conferência em 2002!

Go Leafs Gooooo sempre!!!

E obrigado a todos que seguiram meus posts neste ano! Sei que não tenho tido posts tão atualizados, mas vou sempre tentar manter todos vocês informados de tudo que acontece com o Toronto Maple Leafs! Aguardo vocês na próxima temporada!

Atingimos o marco de 10 anos de Maple Leafs Brasil! Parabéns pra gente!

sexta-feira, 08 fevereiro 2019 Deixe um comentário

Nem havia me dado conta, mas hoje completamos 10 anos de Maple Leafs Brasil!

É um marco na história desse blog, que comecei apenas para compartilhar informações do Toronto Maple Leafs em português para possíveis torcedores dos Leafs no Brasil. Por muito tempo tive muitos poucos page views, ainda continuo tendo, mas nunca pensei em abandonar o blog. Sei que torcedores de hóquei já são difíceis no Brasil, e torcedores dos Leafs é ainda mais difícil, principalmente devido ao time não ser campeão da Stanley Cup desde 1967. Mas estamos aqui para ver eles vencerem novamente e destruírem a cidade de Toronto nas comemorações!

As gerações que começaram a acompanhar a NHL no Brasil vieram dos jogos de videogame ou de transmissões da NHL pela ESPN e quem se interessou por esse esporte, que os meios de comunicação no Brasil insistem em rotular como violento, somente dando importância às brigas, sem explicar o esporte, viram os Penguins, Red Wings, Blackhawks, Kings, Bruins, etc., vencendo a Stanley Cup. Então os torcedores acabam por se identificar com tais equipes, claro.

No início, minha idéia foi apenas a de representar esse time que tanto amo já que haviam blogs de outras equipes (New York Rangers, Montreal Canadiens, Pittsburgh Penguins, Detroit Red Wings, Boston Bruins, entre outros), mas não havia um dos Leafs!

Cada ano que passa fica mais difícil conseguir manter esse blog atualizado devido a compromissos profissionais, mas sigo postando tudo sobre os Leafs, quando posso! HEHEHEHEHEHE

Quando comecei, a equipe tinha Mats Sundin, Darcy Tucker, Tie Domi, Brian McCabe, Tomas Kaberle, Eddie Belfour e outras lendas! Muita coisa mudou e, apesar de seguirmos na seca pela Stanley Cup, estamos cada vez mais perto dela com a chegada de Brendan Shanahan, Mike Babcock, Kyles Dubas e com Auston Matthews, Mitch Marner, John Tavares, William Nylander, Morgan Rielly e cia. Agora voltamos a ter uma equipe competitiva, como quando comecei o blog!

Não cobri momentos de glória como o gol de número 500 de Mats Sundin em 14 de outubro de 2006, mas cobri a saída dele da equipe, quando a Leafs Nation se dividiu entre os que apoiaram a decisão dele de não ser negociado e outros achavam que ele devia ter aceitado ser negociado para que os Leafs recebessem algo em troca. Eu, como fã do Sundin obviamente apoiei a decisão de um jogador que quis se manter na equipe até o término do seu contrato! Também vimos quando ele teve o seu número imortalizado no teto do então Air Canada Centre!

Tivemos também momentos tristes com a equipe sendo a pior da NHL! Bom … esse não é um post para lembrar de momentos tristes!!! HEHEHE Deixa pra lá!

Aqui deixo o link para o primeiro post deste blog como forma de comemorar esses 10 anos! Que venham muitos mais, e com a tão sonhada Stanley Cup em nossas mãos! (Que os deuses do hóquei me ouçam!!!!)

GO Leafs Gooooooooooooo

 

My history in the Leaf’s Centennial

domingo, 11 setembro 2016 Deixe um comentário

Brendan Shanahan announced the start of the Toronto Maple Leafs Centennial Season with an special exhibition at NHL Hockey Hall of Fame in Toronto. This made me think in writing about how I became part of the Leafs Nation, mainly because I’m not even born in North America or Europe, the biggest markets for ice hockey, I was born in Brazil, a country with no knowledge or culture of hockey.

This is my history and it is also part of the 100 years history of this franchise as it is not only the history of the team located in the center of hockey universe, but a team that developed a Leafs Nation all around the world!

Back in January 2002, just months after the 9/11 terrorist attack took place, I worked for a consulting company in Sao Paulo, Brazil, and as I grew up playing basketball and watching Los Angeles Lakers games, Magic Johnson Era, I was excited to have my first travel to US to a one week training, when I would also go to Philips Arena and watch a Los Angeles Lakers @ Atlanta Hawks. It was just amazing! At that time, it wasn’t possible to buy tickets in internet, so just after one friend and I got to Atlanta on a Saturday, we went directly to Philips Arena and bought tickets for the game of our dreams! It would be played on Tuesday. The game was awesome! Watch players as Shaquile O’neal and Kobe Bryant on the court was great! That was an unbelievable night!

You may be asking why am I writing about basketball, but this fact will take me to the beginning of my love for Hockey.

Unfortunately we had nothing to do on Wednesday night and started to search what was available to do in Atlanta. At the same venue, Philips Arena, there would be an NHL game and all information I had ever had about hockey was that they played on ice, there were fights and it was an sport Canada loves. I didn’t even know the teams or the rules. At the end we bought tickets to Toronto Maple Leafs @ Atlanta Thrashers on January 30th, 2002. At least I was expecting a good game since a team from Toronto should be a good team, based in my sparce hockey knowledge.

We went to Philips Arena and although the seats were far from ice (we bought cheap tickets as we were not hockey fans at that time), but the experience was amazing for me! I saw a team on the ice with players I have never heard of as Mats Sundin, Curtis Joseph, Alexander Mogilny, Tie Domi, Gary Roberts, Brian McCabe, Darcy Tucker, Mikael Renberg, Jonas Hoglund and Tomas Kaberle. Hockey fans were also amazing, passionate and I just became one of them right in my first game! There was a lot of energy in the air! It was an awesome feeling! The score was a shutout by 6 goals for the Leafs. I was so amazed that I started to look for more information about the Toronto Maple Leafs in the Internet e it was when I got to the NHL website and the mapleleafs.com. It was love at first sight and I became a Maple Leafs fan.

I returned to Brazil and unfortunately there were no NHL game broadcasts here on that time, so the only way to follow the team was through the Internet. I was always looking for the Leafs’ game scores and I just consumed all NHL content I could. After some years, I guess in 2005, there were some NHL games broadcasted by ESPN, but they were not live and usually only were transmitted at 02:00am. It was almost no TV coverage.

There was the lockout in 2004/05 and it was very said to have the season totally cancelled and no hockey at all, even through websites. After that, the Leafs started a period where the team did not even classified for the playoffs, but at least the team had Mats Sundin, my Leafs legend of all time, playing for the team, and his 500th goal, in overtime while short-handed, completing a hat-trick, was awesome! It just shows the kind of captain he was to the Leafs and the rock solid effort he had in every game he played! I will still have a Leafs jersey autographed by him! I know the list of Leafs Legends are endless, but as I’m a Leafs fan for the last 14 years, he was the only I was fortunate to watch playing! Obviously Johnny Bower, Wendel Clark, Darryl Sittler, Doug Gilmour and Curtis Joseph were stellar players and I’m proud for everything they did for the Leafs’ history.

I was fortunate to go to Toronto on vacation (October 2008) and watch a Senators @ Leafs game, the famous Battle of Ontario. From the begging it was just amazing to be at Air Canada Centre and feel how it is to be in a place where everybody knows the game you love and shares the same love for the team! Even before the game, I was coming from the Union Station and getting to the Air Canada Centre and I saw a place to buy the game program (a Leafs Magazine). It was being offered by CAD 5.00 and for my luck, when you bought one you would win an autograph from Darryl Sittler! Yes!! He was just there! Obviously I got it and also took a picture! That was unbelievable! For me, a fan from Brazil, to have the opportunity to get an autograph from a Leafs legend, it was a dream come true! It was the first time I felt I was part of the Leafs Nation!

In the beginning of 2009, I knew various blogs in Brazil focused on NHL hockey teams and there was even an online magazine for all information about hockey (www.theslot.com.br). They were all created by fans that got to know the NHL by very different ways, from NHL video games to vacations in North America. The guys were very well informed and followed their teams with passion. They were sharing their passion for the sport, news about the legends of the game and explaining the rules.

There was not a blog for the Maple Leafs, so I decided to start one, to provide all information I could about the Leafs. In February 2009 it was created the MapleLeafsBrasil.com, a blog to the Portuguese speaking fans of the Toronto Maple Leafs. And counting back, it is seven years covering every Leafs game, player negotiation, draft, history, change in the management, change in the coach and its staff. During these seven years of the blog I also used Twitter (@mapleleafsbr), that allowed me to get in contact with very special Leafs fans all around the World and understand that I was part of a Leafs Nation that truly has fans from Brazil, Croatia, Great Britain, Germany and so on!

Here in Brazil, I’m always trying to get my friends and colleagues to watch games on TV! My wife became a NHL fan, but cheering for the Blackhawks (I can say she is 99.9% perfect! Hehehehehehe). I’m always trying to explain NHL rules, the NHL teams and Leafs history to my friends, but at the end, I feel that I’m an apple in a basket of bananas! This is the soccer country and I’m a NHL fan, owner of a Leafs blog!

I thank God everyday I was fortunate to go to Toronto and New York and I have been able to buy tickets and watch the game and the team I love! I even have a canvas of James Reimer I got during one of my vacations in Toronto. He was just outside the Hockey Hall of Fame store, signing the canvas and I could not let this opportunity pass away! Reimer was very kind and to have a picture of a guy I just have seen on TV playing for the Leafs was a gift I was not even hoping for! I was able to visit the Legends Row and it was also amazing! Of course I took a picture besides Sundin’s statue!! Hehehehe

Nowadays, ESPN has the rights to broadcast live NHL games to Brazil and I also sign the NHL Centre Ice, so I can watch every Leafs game in the season! It would be awesome to have the opportunity to sign Leafs TV, as I would love to watch it’s contents, but it is not possible, not even through the Internet.

This is my history. A history of how a Brazilian guy became a Leafs fan! A history that is a little part of the 100 years history of this team! A history to be shared!

Centenário dos Leafs começa com remoção dos Banners antigos

sexta-feira, 22 julho 2016 Deixe um comentário

O Toronto Maple Leafs começou a utilizar banners para homenagear jogadores que se tornaram lenda jogando pela equipe, em 1993. No total são 18 banners com nomes como Ace Bailey e Bill Barilko ( dois jogadores que morreram em acidentes enquanto jogando nos Leafs), Syl Apps, Tim Horton, Doug Gilmour, Johnny Bower, Borje Salming, Ted Kennedy, Darryl Sittler, Wendel Clark e Mats Sundin, o banner mais recente. 

Ontem todos os 18 banners foram baixados para serem enviados às cidades natal de cada um dos jogadores nela homenageados! Os Leafs vão subir novos banners no Air Canada Centre como parte das comemorações do centenário da equipe. 

Wendel Clark estava presente ontem e citou que ver seu banner sendo retirado não teve a mesma emoção de quando ele foi homenageado em 2008, mas que sua cidade natal vai ficar muito feliz em receber esse presente do Toronto Maple Leafs e que a comunidade toda se reúne no rink de hóquei e curling no inverno! 

Que comecem as celebrações do centenário dos Leafs!!! 

Mats Sundin terá sua estátua fazendo parte da Legends Row

sexta-feira, 11 setembro 2015 2 comentários

Os Leafs revelaram ao mundo a criação da Legends Row, um tributo com estátuas em bronze dos principais jogadores de sua história, localizado na Maple Leafs Square, do lado de fora do Air Canada Centre, em Toronto. Este monumento ao hóquei foi inaugurado na temporada passada com as lendas Darryl Sittler, Ted Kennedy e Johnny Bower. A esses serão adicionados Borje Salming, Syl Apps e George Armstrong.

Ontem o presidente dos Leafs, Brendan Shanahan gravou um vídeo onde anuncia a Mats Sundin que sua estátua fará parte deste monumento. A reação de Sundin é de total surpresa e felicidade! A estátua de Sundin será a quarta a fazer parte da Legends Row e Borje Salming a quinta.

As estátuas serão adicionadas e reveladas ao público em novembro de 2015 no final de semana do Hall da Fama.

É muito merecido ter Sundin, um dos melhores jogadores que já vi jogar, a fazer parte da Legends Row, após ser o líder da história dos Leafs e número de pontos e gols marcados, além de ser membro da equipe por 13 temporadas, em muitas levando o time nas costas! 

Parabéns Mats Sundin! É um orgulho tê-lo como parte da história do Toronto Maple Leafs!

Parabéns Brendan Shanahan por considerar Mats Sundin como o principal líder da equipe em tempos recentes e já incluí-lo na Legends Row!

%d blogueiros gostam disto: