Archive

Posts Tagged ‘Joffrey Lupul’

25/02/2016 – Carolina Hurricanes @ Toronto Maple Leafs

sexta-feira, 26 fevereiro 2016 Deixe um comentário

Buscando se aproximar da segunda vaga de Wild Card, hoje ocupada pelo Pittsburgh Penguins, o Carolina Hurricanes foi ao Air Canada Centre enfrentar o Toronto Maple Leafs. 

Os Leafs estão em meio a uma grande reconstrução e já negociou alguns de seus jogadores, com mais negociações ainda por vir até dia 29 de fevereiro, data limite de trocas na NHL. 

Os Leafs também anunciaram que dois de seus mais experientes jogadores ficarão fora de ação pelo restante da temporada: James Van Riemsdyk e Joffrey Lupul. A contusão de ambos não conseguirá ser totalmente curada a tempo de voltarem para essa temporada.

No gol dos Leafs, Jonathan Bernier fez uma ótima partida e foi decisivo em várias jogadas que poderiam ter deixado os Leafs em desvantagem no placar. Quem abriu o placar foi o time da casa, com Brad Boyes aproveitando um rebote de Cam Ward num chute de Morgan Rielly aos 10m12s, num powerplay para os Leafs após John-Michael Liles ter cometido penalidade. Liles se redimiu aos 16m01s, quando acertou um forte chute da linha azul, vencendo Bernier. 

Os Leafs jogaram muito melhor que os Hurricanes no primeiro período e levaram essa determinação para os outros. Josh Leivo marcou o segundo dos Leafs em um belíssimo contra-ataque. P.A. Parenteau partiu sozinho contra um defensor e Josh Leivo o acompanhou, recebeu o passe e colocou no fundo da rede aos 05m33s do segundo período. 

Para fechar a partida, os Leafs marcaram mais um, no terceiro período, aos 15m59s, desta vez marcado por P.A. Parenteau, um dos jogadores que podem receber o interesse de equipes ainda com possibilidade de disputar a Stanley Cup nessa temporada. Ele procura não pensar sobre isso, mas é quase certo que deverá ser trocado, já que possui contrato apenas por essa temporada. 

Os Leafs deixaram para trás uma sequência de 4 derrotas e vão à Montreal para enfrentar os Canadiens no sábado.

Go Leafs Gooooooo

Anúncios

23/01/2016 – Montreal Canadiens @ Toronto Maple Leafs

terça-feira, 26 janeiro 2016 Deixe um comentário

Jogar contra os Canadiens é sempre revigorante e motivante para os Leafs, ainda mais quando o jogo é em casa, no Air Canada Centre, e com os Canadiens vindos de cinco derrotas seguidas! 

Os Leafs entraram muito mal no jogo e não conseguiram dar um chute ao gol de Mike Condon até os 11m35s do primeiro período, quando os Canadiens já haviam chutado 12 vezes ao gol de James Reimer. Um desses 12 chutes abriu o placar para os Habs aos 01m41s, com David Desharnais. Aos 18m33s, Tomas Fleischmann marcou o segundo gol dos Habs deixando os torcedores dos Leafs preocupados, pois a equipe não jogava bem.

O intervalo fez bem aos Leafs que voltaram com mais aplicação à estratégia desenhada por Mike Babcock. Aos 08m14s, num belíssimo contra-ataque, Morgan Rielly conduziu o puck ao ataque e passou na medida para Nazem Kadri diminuir para os Leafs. Um pouco antes, Daniel Carr dos Habs teve um gol revisto e anulado, pois o puck não chegou a cruzar a linha do gol. 

Os Leafs voltaram bem para o terceiro período e Joffrey Lupul empatou aos 04m37s. O time da casa mostra mais uma vez um alto poder de reação. Os goleiros fizeram uma ótima partida e acabaram levando a decisão ao Shootout, após uma emocionante prorrogação! 

No Shootout, Peter Holland abriu o placar no primeiro chute, mas nenhum jogador dos Leafs voltou a marcar o que permitiu que Max Pacioretty empatasse pra os Habs no terceiro chute da equipe e dois chutes depois, Lars Eller marcasse mais um para dar a vitória aos Canadiens! 

Os Leafs necessitam melhorar no Shootout e não dá pra culpar Reimer dessa derrota! 

Segundo Babcock, os Leafs tiveram um dia de descanso na sexta-feira antes do jogo, mas isso não deve se repetir tão breve. 

Os Leafs vão à Flórida enfrentar os Panthers hoje à noite!

Go Leafs Gooooo

19/01/2016 – Toronto Maple Leafs @ Philadelphia Flyers

quarta-feira, 20 janeiro 2016 Deixe um comentário

Tentando espantar a má fase o Toronto Maple Leafs foi à Philadelphia enfrentar os Flyers, que não perdiam uma partida no tempo regular a sete jogos! 

As equipes encontram-se em fases totalmente opostas mas os Leafs vêm perdendo jogos devido a detalhes. O esforço e raça emitem estado presente nos Leafs, mas a equipe não tem brilhado, especialmente no ataque.

No gol dos Leafs, James Reimer fez uma ótima partida, defendendo muitos chutes e mantendo os Leafs no jogo e, pelo Philadelphia Flyers, Steve Mason também fez o que pode. 

No início do jogo os Leafs simplesmente foram dominados pelos Flyers e a diferença em chutes a gol chegou ao patamar de 11 a 1 para o time da Phildelphia. Aos 11m06s, Matt Read abriu o placar para os Flyers num powerplay. Só então parece que os Leafs acordaram e, aos 13m19s, num contra-ataque, Roman Polak conseguiu visualizar a jogada e o espaço aberto na defesa dos Flyers e se aproveitou de um rebote de Steve Mason para empatar a partida. Foi uma ótima jogada de Roman Polak! 

Joffrey Lupul, que não marcava gols a 12 partidas, voltou a marcar aproveitando um passe com o patins dado por Dion Phaneuf. Lupul estava na hora certa no local certo e não desperdiçou, colocando os Leafs à frente do placar aos 15m10s do segundo período.

Após cinco derrotas consecutivas, estar à frente no placar é algo motivador para os Leafs e eles mantiveram a pressão sobre os Flyers no terceiro período, até que aos 12m59s, Shaybe Gotisbehere fez uma excelente jogada e conseguiu bater Reimer, empatando o jogo. Os Leafs chegaram a marcar o terceiro, com Peter Holland, mas a revisão da jogada identificou que ele entrou na zona de ataque dos Leafs impedido, o que acabou invalidando o gol. Mesmo assim as equipes foram ao ataque e tanto Mason quanto Reimer tiveram trabalho. Faltando apenas 7,5s para o término do período, Matt Hunwick acertou um forte chute que desviou no joelho de Michael Del Zotto e tirou qualquer chance de Steve Mason defender. Foi o gol da vitória dos Leafs que encerraram a sequência de cinco derrotas!

Go Leafs Gooooo

21/12/2015 – Toronto Maple Leafs @ Colorado Avalanche

terça-feira, 22 dezembro 2015 Deixe um comentário

A vitória por shutout no jogo anterior, contra o Los Angeles Kings foi excelente para o Toronto Maple Leafs e, principalmente para Jonathan Bernier. O goleiro dos Leafs estava muito confiante e fez excelentes defesas na visita dos Leafs ao Colorado Avalanche.

O Colorado é uma equipe jovem e com uma excelente primeira linha composta por Nathan McKinnon, Gabriel Landeskog e Matt Duchene e a equipe vinha de quatro vitórias consecutivas. Os Leafs estão fazendo um campeonato aos trancos e barrancos, mas conseguindo pontos importantes em muitos de seus jogos! 

Jogando fora de casa os Leafs se deixaram pressionar pelos Avs e aos 02m27s, numa bela troca de passes, permitiram Jack Skille receber o puck sozinho próximo ao crease, área do goleiro, com tempo para dominar o puck e chutar. Apesar de começar áreas do placar, os Leafs não se abateram e viraram o placar desfavorável ainda no primeiro período, com gols de Leo Komarov e Joffrey Lupul, ambos em powerplay, aos 13m34s e 17m42s, respectivamente.

Mal o segundo período começou e John Mitchell empatou para os Avs aos 01m07s. Leo Komarov, que está numa ótima fase é muito confiante, marcou o terceiro gol dos Leafs, seu segundo da noite, aos 12m03s, em outro powerplay. Komarov já tem 15 gols marcados nesta temporada e está sendo o membro mais importante dos Leafs no ataque. Infelizmente aos 18m43s, Erik Johnson empata novamente para os Avs. O que não chega a ser um mal resultado para os Leafs: entrar no último período de jogo, fora de casa, empatado com a equipe da casa. 

O terceiro período pode receber o nome de Tyler Bozak, que simplesmente marcou três gols no período, um hat-trick. O primeiro veio aos 00m49s, o segundo aos 06m47s e o terceiro em empty-net, com os Avs sem o goleiro Semyon Varlamov, aos 16m20s. O período ainda ciu os Leafs marcarem com James Van Riemsdyk que desviou um chute de Jake Gardiner aos 10m40s e o segundo gol de Jack Skille, dos Avs, aos 17m31s, fechando o placar em Leafs 7 X Avs 4.

Tá bonito de ver o time jogar! Parece que estamos num momento em que todos os rebotes vêm em nossa direção e todos os chutes encontram o caminho do fundo do gol! Vamos continuar assim! Fazer uma temporada em que não fomos bem no começo, mas podemos finalizar muito bem, ao contrário das últimas temporadas! 

Hoje a equipe entra de novo no gelo, em Glendale, Arizona, contra o Arizona Coyotes!

Go Leafs Go

23/11/2015 – Boston Bruins @ Toronto Maple Leafs

sexta-feira, 27 novembro 2015 Deixe um comentário

Em jogos de ida e volta o Toronto Maple Leafs recebeu a visita do Boston Bruins após ter sido derrotado em Boston. 

Mais uma vez no gol dos Leafs estava James Reimer. Pelos Bruins, Tuuka Rask estava no gol.

Os Bruins começaram melhor e Brad Marchand abriu o placar aos 04m58s do primeiro período, num powerplay para os Leafs. Aos 12m39s Zac Rinaldo amplia para os Bruins. Parecia que os Leafs estavam destinados a mais uma derrota.

Mas no segundo período a equipe mostrou poder de reação e empatou a partida com gols de Joffrey Lupul, aos 11m54s, e de Dion Phaneuf, aos 12m56s. Mas Brad Marchand conseguiu encontrar um espaço minúsculo entre a luva e o protetor de luva de James Reimer, para colocar os Bruins à frente novamente aos 14m40s. Este período ainda viu Tyler Bozak empatando novamente para os Leafs aos 16m09s.

Não houveram mais gols no terceiro período e na prorrogação e a partida foi para a decisão por pênaltis (Shootout), onde os Bruins acabaram levando a melhor.

Foi um bom jogo e mais uma vez, por detalhes não ganhamos, mas para uma equipe em reconstrução estamos mostrando mitos valores, como raça, não se deixar abater por placares adversos, jogar os 60 minutos, etc.

Go Leafs Gooooo

20/11/2015 – Toronto Maple Leafs @ Carolina Hurricanes

sábado, 21 novembro 2015 Deixe um comentário

Os Leafs estão jogando muito bem e têm tido um ótimo conjunto, principalmente no gol, onde James Reimer tem sido espetacular! Após a vitória contra o Colorado Avalanche, o Toronto Maple Leafs foi a Raleigh, visitar o Carolina Hurricanes. 

O jogo estava bem ruim para os Leafs que estavam sendo dominados pelos Canes, jogando mal e não consegui do muitas chances e chutes ao gol de Cam Ward. Ao final do segundo período, os Canes lideravam com 22 chutes ao gol contra apenas 12 dos Leafs.

O jogo só começou a ser decidido no terceiro período, quando Brad Malone marcou para os Canes aos 07m47s, abrindo o placar. Tudo parecia difícil para os Leafs é uma luz no fim do túnel começou a aparecer num powerplay para a equipe no final do período. Nazem Kadri conseguiu empatar para os Leafs aos 16m27s, garantindo um ponto aos Leafs, pelo menos, e levando o jogo à prorrogação.

Na prorrogação, mesmo com um powerplay para os Leafs, a equipe não conseguiu definir a partida e a decisão foi levada à disputa de pênaltis (Shootout). Peter Holland marcou para os Leafs já no primeiro chute, mas os Canes conseguiram empatar na terceira rodada e a decisão ficou para Joffrey Lupul na quinta rodada, sem mais ninguém ter conseguido vencer os goleiros! 

Foi mais uma vitória para os Leafs, uma que foi buscada nos últimos minutos do tempo regular e mantida até o final do Shootout!

Go Leafs Go!  

15/11/2015 – Toronto Maple Leafs @ New York Rangers

segunda-feira, 16 novembro 2015 Deixe um comentário

Sem descanso o Toronto Maple Leafs foi a New York enfrentar os Rangers que estão em uma ótima fase tendo vencido os últimos oito jogos! 

Para dar um descanso a James Reimer que jogou na noite anterior, Mike Babcock escala Jonathan Bernier no gol. Foi o primeiro jogo após a sua recuperação de uma lesão. Bernier precisava de uma chance para recuperar a sua confiança, mas não respondeu à altura. 

Os Leafs abriram o placar com um gol de Peter Holland aos 17m57s do primeiro período. Holland se aproveitou de um puck que sobrou livre e chutou sem chance ao goleiro Antti Raanta, que estava caído.

O segundo período viu os Rangers empatarem num gol de Ryan McDonaugh aos 00m44s e virarem com um gol de Derek Stepan aos 13m55s. Este gol foi marcado mais por uma falha de Bernier do que pelo mérito de Stepan, que apenas “rifou” o puck da zona neutra para mandar seu time ao ataque, o puck foi em direção ao gol e Bernier não conseguiu realizar uma defesa simples. O puck passou por entre suas pernas e entrou. Ao final do período Joffrey Lupul ainda conseguiu devolver o empate aos Leafs com um gol aos 17m38s. 

O terceiro período foi bem disputado e Derek Brassard colocou o time da casa à frente logo aos 03m37s. Dion Phaneuf chutou forte aos 05m15s pra dar mais uma chance dos Leafs não terminarem com a sequência de vitórias da equipe. A equipe batalhou mas faltando somente 54s, aos 19m06s, quando todos estavam se preparando para a prorrogação, Mats Zuccarello matou a partida num contra-ataque, se aproveitando de um rebote de Bernier para a frente do gol e vencendo o goleiro por baixo das pernas.

Zuccarello foi o melhor jogador da partida e posso dizer que Bernier foi o pior. 

Mas estamos jogando melhor e conseguindo competir com equipes consideradas melhores e que podem concorrer à Stanley Cup já nesta temporada. 

Go Leafs Go

%d blogueiros gostam disto: