Anúncios

Arquivo

Archive for the ‘Derrota Shootout’ Category

27/02/2018 – Toronto Maple Leafs @ Tampa Bay Lightning

terça-feira, 27 fevereiro 2018 Deixe um comentário

Após um dos dias mais esperados da temporada, o limite de trocas, o Toronto Maple Leafs foi à Amalie Arena enfrentar o líder da NHL, Tampa Bay Lightning.

Os Leafs contavam com a adição de Tomas Plekanec, recém negociado pela equipe, enquanto os Lightning ainda não contavam com Ryan McDonagh, uma vez que o jogador dos Rangers tinha sido negociado no mesmo dia e não houve tempo hábil dele se apresentar em Tampa.

O jogo, entre o primeiro e o segundo colocados na divisão do Atlântico, foi eletrizante e com chances para ambas equipes decidirem o placar. Chris Kunitz aos 01m41s, desviou o chute de Sustr e acabou acertando o “five hole”, o meio das pernas de Frederik Andersen, para abrir o placar. James Van Riemsdyk também acabou desviando o chute de Ron Hainsey, que resvalou em um dos jogadores dos Bolts e empatou para os Leafs aos 08m49s. Pouco mais de um minuto depois, Mitch Marner desviou outro chute, agora de Jake Gardiner, com a lâmina do patins, colocando os Leafs à frente no placar aos 09m52s. Nikita Kucherov deixou o gelo minoritário período sentindo uma contusão e não retornou mais para o jogo.

Os Leafs foram melhores no primeiro período, mas não voltaram tão bem parando segundo. Tyler Johnson, após erros da defesa dos Leafs, conseguiu marcar o gol de empate num Wrap-Around, quando o jogador dá a volta por trás do gol e marca o gol no lado oposto do goleiro, aos 03m52. Nesse gol, houve erros por parte de Morgan Rielly e Roman Polak. Um perdeu o puck na defesa e o outro não conseguiu chegar a tempo e bloquear o chute de Johnson. Adam Erne marcou o gol que colocou-nos time da casa à frente no placar novamente, aos 15m18s.

Tudo o que os Leafs podiam fazer era correr atrás do prejuízo no terceiro período, e foi isso o que fizeram. Tyler Bozak foi insistente e marcou o gol de empate em 3 a 3, aos 05m27s, num powerplay, vencendo Andrei Vasilevskyi. Houve uma jogada inusitada em que os Leafs quase viraram o placar novamente, mas o puck conseguiu passar por Vasilevskyi e simplesmente “rolou” por sobre a linha do gol e saiu, dando tempo da defesa dos Bolts chutarem o puck pra longe! Ainda tivemos chances em um breakaway de Mitch Marner, mas ele não conseguiu marcar, nem mesmo no penalty shot que teve devido à uma falta de um jogador dos Bolts, quando ele ia chutar ao gol.

A prorrogação foi impressionante, com as equipes e seus jogadores mais experientes e habilidosos fazendo de tudo para marcar prol da vitória e os goleiros, mais uma vez, defendendo tudo! Até mesmo Steven Stamkos teve uma chance e não conseguiu chutar ao gol por estar cansado!

A decisão ficou para o shootout, onde somente Brayden Point conseguiu marcar, dando a vitória e os dois pontos ao time da casa.

Foi um ótimo jogo é-nos Leafs mostraram que podem jogar de igual para igual com o atual melhor time da NHL. Plekanec estreou e vai precisar de tempo para se adaptar à nova equipe, mas nos auxiliou da melhor maneira possível, apesar de acabar o jogo com -1, ou seja, esteve no gelo quando os Leafs tomaram um gol e não esteve no gelo quando marcaram gols.

Hoje os Leafs continuam com a viagem pela Florida, visitando o Florida Panthers.

Go Leafs Gooooooo

Anúncios

02/03/2017 – Toronto Maple Leafs @ Los Angeles Kings

sexta-feira, 03 março 2017 Deixe um comentário

Após a derrota contra o San Jose Sharks, os Leafs foram à Los Angeles enfrentar o Los Angeles Kings.

Os Kings haviam acabado de receber Jarome Iginla numa troca com o Colorado Avalanche na trade deadline. 

O Toronto Maple Leafs começou melhor e abriu o placar com Tyler Bozak aos 02m04s do primeiro período. 

Os times jogavam com a intensidade de um jogo de playoffs e Nikita Zaitsev marcou o segundo gol dos Leafs aos 07m20s do segundo período, após receber um passe de Brian Boyle que ganhou o faceoff na zona ofensiva. Zaitsev chutou e o puck desviou em Jeff Carter, enganando Johnatan Quick. 

Nem bem o terceiro período começou e os Kings, aproveitando de um powerplay, marcou o seu primeiro gol com Anze Kopitar. Aos 00m27s, Kopitar chutou e o puck ia para fora, mas acabou acertando o capacete de Zaitsev e indo parar no fundo do gol, sem nenhuma culpa de Frederik Andersen. Aos 01m57s, Terence Pearson marcou o gol de empate, vencendo Andersen. Com o jogo empatado, ainda houve várias chances para os Leafs, mas que não foram aproveitadas. 

A prorrogação foi eletrizante, com chances claras de gol para ambas equipes. Houve uma chance para os Leafs, mas Bozak chutou para fora com o gol aberto. Andersen e Quick fizeram defesas importantes também.

A decisão foi aos pênaltis (shootout) e, somente Anze Kopitar marcou, dando a vitória aos Kings! 

Os Leafs conseguiram um ponto e isso os deixou fora da zona de classificação para os playoffs pois, apesar de empatados com os Islanders, possuem um jogo a mais. 

Hoje a disputa é contra o Anahein Ducks!

Go Leafs Goooooo

23/02/2017 – New York Rangers @ Toronto Maple Leafs

sexta-feira, 24 fevereiro 2017 Deixe um comentário

Jogar na NHL não é nada fácil e jogar contra um time que tem Henrik Lundqvist no gol também não ajuda! A noite foi, com certeza, dos goleiros. Lundqvist e Frederik Andersen fizeram defesas simplesmente decisivas! Espetaculares! 

Apesar de chutar mais ao gol dos Leafs, os New York Rangers ficaram atrás do placar praticamente o jogo inteiro! Connor Brown marcou o gol dos Leafs ainda no primeiro período, aos 10m56s. 

Tanto os Leafs quanto os Rangers tiveram muitas chances de gol, mas os goleiros estavam perfeitos! Houve todo o tipo de tentativa de ambas as partes, mas parecia que Andersen e Lundqvist não queriam deixar entrar mais nada! 

Até que, aos 10m50s do terceiro período, TJ Miller empata o jogo! A partida continuou disputado até os segundos finais do terceiro período. 

A prorrogação viu chances excelentes de gol para ambos os times. Novamente Andersen e Lundqvist fecharam seus gols. Lundqvist defendeu um contra ataque de Auston Matthews faltando apenas 10s para a prorrogação terminar! 

Infelizmente para os Leafs, no shootout, os Rangers foram melhores e marcaram com Zuccarello e Zibanejad, enquanto somente Auston Matthews marcou pelos Leafs. Nylander e Kadri não conseguiram marcar. 

Não foi um bom resultado paramos Leafs, que ganhavam a partida desde o primeiro período, e somente levaram mais um com a derrota no shootout, mas vamos sacudir a poeira e nos preparar para jogar amanhã, contra o Canadiens! 

Go Leafs Gooooo

21/01/2017 – Ottawa Senators @ Toronto Maple Leafs

segunda-feira, 23 janeiro 2017 Deixe um comentário

Em mais uma Batalha de Ontario, somente uma semana após a vitória em Ottawa, foi a vez dos Senators visitarem os Leafs no Air Canada Centre. 

O Toronto Maple Leafs está disputando ponto a ponto a classificação com os Senators e uma vitória sobre o rival seria importantíssima, mas não foi bem isso que conseguimos. Apesar de ainda ganharmos um ponto, pelo empate no tempo regulamentar, acabamos perdendo no shootout na quarta rodada. 

O Ottawa Senators começou muito melhor que os Leafs e dominou o primeiro período. Frederik Andersen teve muito trabalho e acabou sofrendo um único gol, marcado por Bobby Ryan aos 14m02s. Até que sair do primeiro período com uma desvantagem de somente um gol não foi tão ruim. Poderia ter sido pior! 

A conversa do intervalo no vestiário do Toronto Maple Leafs surtiu efeito e a equipe voltou melhor. Apesar da equipe cometer muitas penalidades, conseguimos empatar com Tyler Bozak aos 07m31s, num powerplay. O jogo ficou igual e a decisão ficou para o terceiro período. 

Os Leafs viraram o placar com um gol de Matt Martin, de um ângulo bem fechado, que venceu Mike Condon aos 07m00s. O restante do período foi disputado e quando faltavam menos de dois minutos para o final, com os Senators em powerplay e sem o goleiro, ou seja, com 6 jogadores no gelo, contra 4 dos Leafs, Mike Hoffman marcou o gol de empate aos 18m49s, levando o jogo pra prorrogação, que acabou sem gols.

A decisão mesmo ficou para o shootout, cobrança de pênaltis, onde Bobby Ryan marcou na primeira rodada, enquanto Auston Matthews teve sua tentativa defendida. Mitch Marner marcou para os Leafs na segunda rodada, numa bela jogada que até foi revista, pois pareceu que ele teria patinado para trás, o que é proibido, mas o gol acabou sendo confirmado. Após três rosadas, somente Bobby Ryan e Mitch Marner marcaram e fomos então para a quarta rodada onde Tyler Bozak teve sua tentativa salva e Tom Pyatt marcou, dando a vitória aos Senators! 

A rivalidade entre Leafs e Sens está voltando a ganhar força e isso é muito bom e só proporciona jogos mais acirrados e muita emoção! 

Os Leafs recebem o Calgary Flames hoje é vamos em busca de mais uma vitória! 

Go Leafs Gooooooo

15/12/2016 – Arizona Coyotes @ Toronto Maple Leafs

sexta-feira, 16 dezembro 2016 Deixe um comentário

Após a negociação que enviou Peter Holland para o Arizona Coyotes em troca de uma escolha condicional em 2018, os Toronto Maple Leafs recebeu Holland jogando pelos Coyotes pela primeira vez, somente uma semana depois da negociação.

Os Leafs começaram bem e Auston Matthews marcou o seu 14° gol da temporada em powerplay, faltando apenas 8s para o término do período, colocando os Leafs à frente no placar. O chute foi de longa distância, além do círculo de faceoff, próximo da linha azul. Foi um ótimo chute de Matthews que não deu chance para Mike Smith efetuar a defesa. Smith recebeu 20 chutes à gol no primeiro período e permitiu somente o gol de Matthews. 

O segundo período viu os visitantes voltarem mais foçados e isso resultou em dois gols em menos de 4 minutos. Aos 1m10s, Jordan Martinook empatou para os Coyotes aproveitando um rebote de Frederik Andersen. Aos 3m24s Oliver Ekman-Larsson colocou os Coyotes à frente com um gol enquanto Ben Smith e Zach Hyman estavam no banco de penalidades. Só aí os Leafs igualaram o jogo e, aos 13m56s, Mitch Marner marcou seu oitavo gol da temporada, empata do a partida.

No restante do jogo os times trocaram ótimas chances de gol, com ótimas defesas de Andersen e Smith. Na prorrogação, Smith fez a defesa do jogo, num contra-ataque onde William Nylander passou na medida para Auston Matthews que, à queima roupa chutou e Smith defendeu.

A decisão no shootout (cobrança de pênaltis), mais uma vez se mostrou ingrata aos Leafs. Todas as nossas três tentativas foram improdutivas. Quem definiu a vitória do Arizona Coyotes foi justamente Peter Holland na última cobrança. Mais uma vez um ex-jogador dos Leafs volta para nos assombrar! 

Parabéns a Peter Holland e aos Coyotes!!!

Mike Babcock disse que a equipe vem fazendo muita coisa boa e que estamos a caminho de colher boas coisas! 

Mike Smith elogiou Auston Matthews e sua grande habilidade! 

Um ponto é melhor que nada!!! 

Go Leafs Goooo

13/12/2016 – San Jose Sharks @ Toronto Maple Leafs

quarta-feira, 14 dezembro 2016 Deixe um comentário

O Toronto Maple Leafs recebeu a visita do San Jose Sharks, time que não sofre derrotas em Toronto desde 2002, e jogou muito bem até a metade do terceiro período.

Os Leafs começaram muito bem, pressionando os Sharks e controlando o puck. Zach Hyman abriu o placar aos 06m58s do primeiro período, pouco depois de ter saído do gelo após bloquear um chute dos Sharks. Hyman desviou um chute de Auston Matthews, vencendo o goleiro Martin Jones. 

O segundo período viu os Leafs se aproveitarem de uma penalidade dos Sharks e Auston Matthews aumentar o placar aos 07m46s. Matthews vem marcando gols em muitas partidas consecutivas e mostrando porque foi a primeira escolha do Draft deste ano. 

Tudo parecia muito bem e os Leafs administravam a vantagem, até com chances de ampliar, como dois contra-ataques onde Morgan Reilly  e Mitch Marner não conseguiram vencer Jones. O time dos Sharks conseguiu marcar com Justin Braun aos 12m43s e Joe Pavelski em powerplay aos 14m50s, empatando a partida. Parecia que os Leafs tinham parado, esperando o período terminar, ou o jogo, mas os Sharks foram atras do prejuízo e levaram a partida para a prorrogação, onde houve diversas chances de gol para cada equipe, nenhuma aproveitada.

Com a decisão indo para o shootout, os Sharks acabaram por garantir a vitória com um gol de Logan Couture na segunda rodada. Os Leafs não conseguiram marcar com nenhum de seus três jogadores. 

Segundo Mike Babcock, a equipe precisa se conscientizar de que sempre temos que jogar como se a partida estivesse indefinida, como se o próximo gol a definiria para o nosso lado, o que obviamente não aconteceu na noite de ontem. 

Os Leafs agora aguardam a visita do Phoenix Coyotes na quinta-feira, time para onde foi Peter Holland, que pode vir a jogar contra os Leafs.

Go Leafs Goooooo

03/12/2016 – Toronto Maple Leafs @ Vancouver Canucks

segunda-feira, 05 dezembro 2016 Deixe um comentário

No último jogo da viagem ao oeste canadense o Toronto Maple Leafs visitou o Vancouver Canucks. 

Foi o segundo e último jogo entre as equipes nesta temporada e os Leafs haviam ganhado o primeiro, em Toronto, por 6 a 3, numa partida onde até mesmo os goleiros acabaram se envolvendo em brigas e sendo expulsos da partida.

O Vancouver Canucks começou bem e abriu o placar aos 13m03s, com Daniel Sedin. Os Leafs conseguiam boas chances, mas que Ryan Miller defendia. 

No segundo período os Leafs retornaram pressionando, mas foram os Canucks que voltaram a aumentar o placar aos 02m37s, com Sven Baertschi. Os Leafs somente passaram a dominar o jogo após uma briga entre Matt Martin e Erik Gudbranson, que foi bem disputada e, ao final Martin venceu. Desta forma os Leafs conseguiram abrir o placar aos 11m30s num gol em powerplay de James Van Riemsdyk! 

O último período viu os Leafs tentarem de tudo para vencer, mas tudo que conseguiram foi um gol de Auston Matthews aos 01m56s, que empatou a partida e acabou levando a decisão para a prorrogação, que acabou sem gols. A partida seria decidida no shootout.

Infelizmente, no shootout, os Canucks venceram com gols de Mikael Granlund e Bo Horvat, enquanto Auston Matthews e Tyler Bozak tiveram suas tentativas negadas por Ryan Miller. Frederik Andersen somente defendeu a tentativa de Brent Sutter e somente Mitch Marner venceu Miller. 

Ok!! Shootouts são assim mesmo! São detalhes  que definem a partida! 

Como é bom ver Auston Matthews jogando! E ele tem jogado muito bem! Fez seu quarto gol nos últimos 5 jogos! 

Go Leafs Gooooo

%d blogueiros gostam disto: