Anúncios

Arquivo

Archive for the ‘NHL Game’ Category

10/12/2017 – Edmonton Oilers @ Toronto Maple Leafs

segunda-feira, 11 dezembro 2017 Deixe um comentário

Os jogadores da NHL são mesmo gladiadores! Após jogarem na noite anterior, contra os Penguins e Senators, os jogadores do Toronto Maple Leafs e Edmonton Oilers teriam mais uma batalha em 24 horas, sem muito tempo para descanso, ou até mesmo recuperação física e emocional.

O Edmonton Oilers, que foi uma das sensações da temporada passada, não está conseguindo obter bons resultados e hoje possui mais derrotas que vitórias na temporada. Já o Toronto Maple Leafs demonstra que possui uma equipe competitiva e que tem boas chances de chegar aos playoffs desse ano, repetindo o feito do ano passado!

Diferentemente das últimas semanas, os Leafs parecem ter acordado e estão começando as partidas muito mais ligados no jogo. Marcamos com Zach Hyman logo aos 00m34s, já desferindo um forte golpe no Edmonton Oilers que, mal iniciaram a partida, já estavam atrás no placar. Continuamos jogando, mas as melhores chances acabaram sendo do Edmonton Oilers.

Curtis McElhinney efetuou 41 defesas na partida para garantir a vitória dos Leafs. Muitos chutes não é um ponto favorável e realmente os Leafs têm deixado os times adversário muito à vontade para chutar em nossos goleiros. Já Laurent Brossoit, goleiro dos Oilers, defendeu 22 chutes durante a partida.

O importante é que não deixamos os Oilers empatarem a partida, segurando o placar até o final e especialmente, segurando McDavid, Nugent-Hopkins, Cammalleri e outros ótimos jogadores também!

Foram duas vitórias suadas em dois dias seguidos e o primeiro shutout de McElhinney na temporada. Agora nos prepararemos para visitar o Philadelphia Flyers na terça-feira!

Go Leafs Gooooooooo

Anúncios

09/12/2017 – Toronto Maple Leafs @ Pittsburgh Penguins

segunda-feira, 11 dezembro 2017 Deixe um comentário

Fomos visitar o Pittsburgh Penguins buscando continuar colecionando vitórias e, apesar de não jogarmos bem no terceiro período, tivemos o melhor primeiro período nosso na temporada.

O Toronto Maple Leafs abriu o placar aos 01m23s com Connor Brown e, apenas 19s depois, ampliamos com James Van Riemsdyk. Foi um início que abalou os Penguins e nos valemos disso para continuar pressionando o goleiro Tristan Jarry, que não possui muita experiência na NHL. Aos 12m55s, Tyler Bozak foi persistente e se aproveitou de um rebote, mas teve que dar uns três chutes para o puck finalmente entrar no gol!

Com três a zero no placar, a vitória parecia garantida, mas o time dos Penguins, atuais Bicampeões da Stanley Cup, é muito experiente e não se pode bobear com eles. Riley Sheahan diminuiu para os Penguins aos 14m24s do segundo período. Evgeny Malkin fez a distância do placar ficar ao alcance dos Penguins marcando o segundo da equipe aos 17m51s, mas dessa vez, nossa resposta foi muito rápida e Tyler Bozak, mas uma vez, marcou. Dessa vez ele desviou um chute de Jake Gardiner para nos colocar novamente com dois gols de vantagem, aos 18m13s.

O último período viu os Leafs manterem-se à frente do placar, com Frederik Andersen mais uma vez tendo ótimas defesas. Mas aos 17m12s, Sidney Crosby conseguiu vencer Andersen em uma ótima jogada dos Penguins. Veio a pressão contra os Leafs nos minutos finais. Apesar de um chute na trave de Olli Maatta, saímos com a valiosa vitória.

Na noite seguinte teríamos a visita do Edmonton Oilers em casa e a equipe necessitava já se ficar para receber Connor McDavid e Cia.

Go Leafs Go

06/12/2017 – Calgary Flames @ Toronto Maple Leafs

quinta-feira, 07 dezembro 2017 Deixe um comentário

Voltando pra casa após uma boa viagem ao oeste canadense, onde vencemos dois de três jogos, recebemos o Calgary Flames, um dos times que vencemos na semana passada.

Pra variar o Toronto Maple Leafs começou o jogo de forma preguiçosa e não conseguimos nos impor. Os Flames por sua vez, pressionavam e levavam muito perigo a Frederik Andersen. Numa penalidade cometida por Matt Martin, Mark Giordano e os Flames não desperdiçaram a oportunidade e abriram implicar aos 10m37s. Apesar de estarem atrás do placar, os Leafs não conseguiam reagir, mesmo em powerplays.

Voltamos melhor no segundo período e começamos num powerplay de quase dois minutos, mas que não aproveitamos. Jogávamos bem, mas quem também jogava bem era Mike Smith, goleiro dos Flames. Smith fez ótimas defesas impedindo o gol de empate, até que Morgan Rielly conseguiu chutar ao gol de Smith, após um desvio inesperado do puck, que deixou Smith e a defesa dos Flames fora de posição, marcando o tão esperado gol de empate aos 18m47s. O gol deu um alívio aos Leafs que ainda tinham o terceiro período para ganhar a partida em casa.

Entretanto o terceiro período foi dominado pelos Flames, que chutaram muito e exigiram muitas defesas de Freddie. Os Leafs até tiveram momentos bons, com Patrick Marleau acertando a trave, mas os últimos segundos do período viu os Leafs quase perderem a partida com a pressão exercida pelos Flames, mais uma vez, Freddie estava lá, sólido e bem posicionado.

A prorrogação entre duas equipes com jogadores habilidosos e rápidos sempre é emocionante e esta foi simplesmente “insana”. Com dois minutos de prorrogação já haviam chances das duas equipes terem definido a partida, mas ou os goleiros defendiam os bons chutes, como um de Johnny Gaudreau que driblou toda a defesa dos Leafs, quanto uma jogada dos Leafs que deixou Gardiner chutar à queima-roupa em Mike Smith. A decisão foi levada ao shootout.

Os Leafs começaram melhor, com Auston Matthews abrindo o placar e nos colocando à frente. Na segunda rodada, os Flames empataram com Hathaway. Marleau não conseguiu marcar na terceira rodada e deu a chance de vitória aos Flames, que também chutaram para fora. A decisão veio com William Nylander que marcou um belíssimo gol na quarta rodada!

Foi uma vitória suada, onde não jogamos bem, mas com uma performance invejável de Freddie, que defendeu o total de 47 chutes à gol e, atualmente é o goleiro que mais defesas realizou na temporada, o que mostra que os Leafs são uma equipe que permite aos adversários muitos chutes.

No sábado visitaremos Sidney Crosby e Phil Kessel em Pittsburgh, onde tentaremos manter nossas vitórias, contra os Penguins!

Go Leafs Goooo

02/12/2017 – Toronto Maple Leafs @ Vancouver Canucks

segunda-feira, 04 dezembro 2017 Deixe um comentário

No último jogo no oeste canadense, o Toronto Maple Leafs foi visitar o Vancouver Canucks. Vi dos de duas vitórias os Leafs esperavam conseguir vencer todos os jogos fora de casa, mas encontraram o goleiro dos Canucks, Jacob Markström muito inspirado na noite.

O primeiro período foi totalmente dominado pelos Canucks, com seu goleiro que fez defesas importantíssimas, com Auston Matthews não conseguindo chutar num gol vazio após um erro de Markström, com Frederik Andersen sem a mesma sorte e posicionamento do goleiro adversário. Os Canucks se aproveitaram e abriram dois gols de vantagem no placar em ótimos chutes de Markus Granlund, aos 04m52s, e de Alexander Edler, aos11m14s. Os Leafs, infelizmente não conseguiram reagir.

No segundo período o jogo foi totalmente outro e os Leafs passaram a jogar muito melhor, mas encontraram as defesas de Markström evitando a reação no placar. Essa reação e o ímpeto dos Leafs foi mantido até o final do terceiro período, quando Morgan Rielly teve chance de empatar, mas furou o chute. Na sequência, num outro chute de Rielly, James Van Riemsdyk desviou o chute, tirando o shutout do goleiro de Vancouver, faltando somente 02m52s para o final. Infelizmente para nós, não houve tempo parando empate e perdemos por 2 a 1.

Neste jogo houve uma comemoração no início da partida, para celebrar os 1000 pontos na NHL, marcados por Daniel Sedin no jogo anterior, em Nashville.

O próximo jogo dos Leafs será dia 6, quarta-feira, em casa, contra o Calgary Flames.

Go Leafs Goooooo

30/11/2017 – Toronto Maple Leafs @ Edmonton Oilers

sexta-feira, 01 dezembro 2017 Deixe um comentário

Continuando nossa saga no oeste canadense, após a vitória contra o Calgary Flames, fomos visitar o Edmonton Oilers de Connor McDavid.

O jogo mal começou e fomos brindados com um powerplay, que não desperdiçamos. Logo aos 02m15s, no primeiro chute à gol dos Leafs, Auston Matthews abriu o placar, após receber um passe de William Nylander e vencer o goleiro dos Oilers, Laurent Brossoit. Não muito tempo depois, aos 05m55s, Dominic Moore intercepta um passe na zona neutra e parte sozinho contra a defesa dos Oilers, chutando no canto direito de Brossoit, que não conseguiu defender, marcando o segundo dos Leafs. Aos 12m37s, os Oilers foram ao ataque e Jake Gardiner não conseguiu limpar o puck como devia. O puck acabou voltando para trás do gold os Leafs e Mark Letestu se posicionou bem à frente do gol de Frederik Andersen para receber o passe e marcar o primeiro gol dos Oilers. Para nossa sorte, William Nylander interceptou um passe dos Oilers antes da linha azul, mantendo os Leafs no ataque, e passou para Moore, que passou para Matt Martin marcar o terceiro dos Leafs aos 13m06s, mantendo a vantagem dos Leafs em dois gols.

O técnico dos Oilers deve ter dado uma bela bronca na equipe, que voltou melhor para o segundo período. Aos 06m38s, os Oilers diminuíram com outro erro de Jake Gardiner e com outro gol após um passe vindo detrás do gol de Freddie, esse marcado por Zach Kassian, jogador da mesma linha de Letestu. Para desespero dos Leafs, aos 17m32s, Connor McDavid empata ao desviar um passe de Kris Russel. Logo após o gol, fomos novamente agraciados com um powerplay e, mais uma vez, não desperdiçamos. Dessa vez foi William Nylander, aos 18m29s, que voltou a nos colocar em vantagem com um forte chute próximo à linha azul.

Veio o terceiro período e o jogo estava disputado, sem nada definido, quando Kris Russel marcou o segundo gol de empate da noite, aos 03m01s. Com o empate a partida estava se dirigindo à prorrogação, até que, Faltando menos de dois minutos, Patrick Marleau foi ao ataque, mas teve seu chute defendido por Brossoit, mas o puck voltou e o defensor Kris Russel ao tentar se virar para limpar o puck da área em frente ao gol, pressionado por Nazem Kadri, acabou chutando o puck no próprio gol, sem que Brossoit esperasse, marcando um gol contra, que foi registrado para Marleau aos 18m55s. Tentando voltar a empatar a partida, os Oilers retiraram o goleiro no último minuto de jogo, mas Nazem Kadri dominou o puck ainda na defesa dos Leafs e chutou à distância, acertando o gol vazio aos 19m59s, fechando o placar em Leafs 6 @ Oilers 4.

Essa foi mais uma importante vitória dos Leafs jogando fora de casa e agora partimos para Vancouver para enfrentar os Canucks no sábado!

Nylander teve um gol e duas assistências neste jogo e parece estar voltando a ter uma performance melhor ofensivamente. Matthews era dúvida no jogo, por ter se sentido meio febril/resfriado na manhã de ontem, mas jogou muito bem.

Os Oilers possuem um dos piores penalty killings da liga e nós nos aproveitamos disso, marcando dois gols nos dois powerplays cedidos por eles.

Go Leafs Gooooo

29/10/2017 – Toronto Maple Leafs @ Calgary Flames

quarta-feira, 29 novembro 2017 Deixe um comentário

Iniciando seu roteiro de visitas à equipes do Oeste Canadense, o Toronto Maple Leafs foi até Calgary, enfrentar o Calgary Flames.

Neste jogo os goleiros foram muito exigidos pois tratam-se de duas equipes muito jovem e rápidas. Tanto Frederik Andersen, quanto Mike Smith estiveram muito bem na partida, até que, aos 18m36s do primeiro período, logo após Mitch Marner ter seu chute defendido por Smith, Roman Polak chutou da linha azul e o puck conseguiu desviar em dois jogadores dos Flames antes de entrar, tirando qualquer chance de defesa. Foi um lance de muita sorte pois o taco de Polak quebrou no chute e o puck foi desviado para fora do gol para depois ser desviado novamente para o gol!

A disputa continuou no segundo período, mas os Leafs se mantiveram melhor, levando mais perigo à Mike Smith do que à Freddie. Nikita Zaitsev deu mais conforto à liderança dos Leafs com um gol aos 12m36s.

O último período teve mais ação. Os Leafs ampliaram a liderança com um gol de Nazem Kadri, após William Nylander dar um belo passe e Kadri aproveitar que Mike Smith estava com a visão obstruída! Kadri marcou aos 01m54s. Michael Stone, dos Flames, diminuiu aos 05m29s num chute em que, dessa vez, Freddie estava sem a visão total do chute por ter jogadores à sua frente. A reação dos Flames acabou por aí mesmo. Os Leafs ainda marcaram mais um gol, com Leo Komarov, aos 19m59s, com os Flames em empty net.

Foi uma importante vitória para os Leafs, jogando fora de casa. A equipe agora vai à Edmonton, enfrentar os Oilers, que não estão muito bem nessa temporada, amanhã.

Nesse jogo, Auston Matthews não teve nenhum chute ao gol pela primeira vez na NHL, mas teve uma assistência no gol de Zaitsev.

Go Leafs Goooooo

02/11/2017 – Toronto Maple Leafs @ Los Angeles Kings

sexta-feira, 03 novembro 2017 Deixe um comentário

Somente uma noite após a vitória contra o Anaheim Ducks, o Toronto Maple Leafs foi enfrentar o Los Angeles Kings. 

Nosso primeiro período foi um desastre e podemos dizer que demos um tiro no próprio pé.   E não foi culpa do Curtis McElhinney. O time estava jogando bem, mas Jake Gardiner acabou por tropeçar e cair perdendo o controle do puck, oportunidade que os Kings não desperdiçaram. Michael Amadio abriu o placar com o seu primeiro gol na NHL aos 02m34s do primeiro período. Pouco depois, aos 04m58s, Mike Cammalleri marcou o segundo dos Kings num powerplay. O terceiro gol dos Kings veio num erro triplo de Nazem Kadri que por três vezes teve a oportunidade de limpar o puck da área defensiva dos Leafs, mas acabou perdendo o puck, que foi cruzado para Trevor Lewis marcar aos 19m24s. Foi um período para esquecer.

O segundo período viu Tyler Toffoli marcar duas vezes aumentando o placar para 5 a 0. Somente no final do período, Auston Matthews venceu Jonathan Quick num penalty shot aos 17m50s. Morgan Rielly também marcou, faltando apenas 1,5s para o fim do período, dando uma esperança para os Leafs no terceiro período. Quick ficou muito irritado e quase quebrou seu taco no travessão após o gol de Rielly! 

O problema é que o terceiro período só tinha 20 minutos e, todos os erros que os Leafs cometeram no primeiro período, não conseguiram ser remediados. Somente Connor Brown marcou aos 08m00s.

Durante o jogo, Auston Matthews teve outra oportunidade de marcar num penalty shot, mas acabou chutando acima do gol de Jonathan Quick. 

O próximo jogo será amanhã, em St. Louis!

Go Leafs Gooooo 

%d blogueiros gostam disto: