Archive

Arquivo por Autor

17/01/2017 – Buffalo Sabres @ Toronto Maple Leafs 

quarta-feira, 18 janeiro 2017 Deixe um comentário

A equipe do Toronto Maple Leafs está muito bem neste momento da temporada e isso foi provado ontem recebendo a visita do Buffalo Sabres.

O primeiro período, apesar de ter o número de chutes à gol igualado, nove para cada equipe, viu os Sabres levarem vantagem no placar com um gol de Kyle Okposo aos 10m16s, após um erro de Frederik Andersen que simplesmente devolveu um puck controlado ao adversário, que não desperdiçou e abriu o placar. No último minuto do primeiro período, foi a vez de Evander Kane ampliar com um forte chute num contra-ataque aos 19m27s.

O segundo período viu os Leafs voltarem mais agressivos e Leo Komarov precisou de apenas 32s para diminuir a liderança dos Sabres no placar, vencendo Robyn Lehner depois de receber um passe de Nazem Kadri. Matt Martin empatou a partida aos 08m29s com um chute de um ângulo bem difícil, mas que passou por Lehner. E Auston Matthews marcou o gol da virada aos 09m45s, depois de Connor Brown vencer uma disputa atras do gol de Lehner, passar para Zach Hyman que passou para Matthews sozinho em frente ao gol! Nesse momento o técnico dos Sabres, Dan Bylsma, retirou Lehner da partida, substituindo-o por Anders Nilsson. Lehner não gostou, encarou o técnico, chegou ao banco de reserva e, enfurecido, jogou sua mascara no chão. Mesmo assim, uma fã que estava ao lado do banco o estava filmando e ele deu tchau para ela, se mostrando simpático! Hehehehehe

O terceiro período viu os Leafs ampliarem com um gol de James Van Riemsdyk aos 13m04s, comprovando que o powerplay dos Leafs está perigoso nessa temporada! Mesmo assim, os Sabres ainda conseguiram o terceiro gol antes do fim do jogo, com William Carrier, mas já não dava tempo para engrenar uma reação maior e o placar acabou em Buffalo 3 @ Leafs 4.

Nesta partida Morgan Rielly saiu contundido e não retornou ao gelo, o que pode ser uma preocupação para o técnico Mike Babcock. Com isso Jake Gardiner ficou quase 30 minutos no gelo, para cobrir a falta do companheiro. 

Go Leafs Gooooo

Amanhã, quinta-feira 19 de Janeiro, os Rangers, que perderam de nós na semana passada, nos farão uma visita! 

14/01/2017 – Toronto Maple Leafs @ Ottawa Senators

terça-feira, 17 janeiro 2017 Deixe um comentário

Vencer fora sempre é bom, mas vencer fora em noites consecutivas é ainda melhor!! E se for contra o seu rival de província? A matéria só vai melhorando! 

Após a vitória contra o New York Rangers, os Leafs voltaram ao Canadá, para visitar o Ottawa Senators na famosa Batalha de Ontario! 

Para dar un descanso a Frederik Andersen, Curtis McElhinney tomou conta do gol dos Leafs e seu desempenho foi simplesmente brilhante! McElhinney simplesmente fechou o gol e fez defesas espetaculares! O Toronto Maple Leafs é o sexto time por onde McElhinney passa em sua carreira! Somente ele e Chad Johnson são goleiros ainda ativos e que jogaram e venderam jogos por seis equipes diferentes! 

Os Leafs abriram o placar com Nazem Kadri aos 06m26s do primeiro período, reforçando a qualidade dos times especiais dos Leafs, pois o gol foi marcado num powerplay dos Leafs. 

O segundo período viu os Leafs avançarem no placar com um gol de Tyler Bozak aos 01m07s, mas viu os Senators empatarem com Dion Phaneuf aos 09m15s e com Kyle Turris aos 18m10s. O Toronto Maple Leafs tem sofrido com vantagens se tornarem nada durante a partida. Isso ainda não foi endereçado por Mike Babcock ou seus assistentes. 

Os Leafs voltaram melhor no terceiro período e fecharam o placar com gols de Nazem Kadri e Connor Brown aos 02m31s e 07m52s, garantindo a vitória dos Leafs!

Hoje, terça-feira, 17/01/2017, enfrentamos o Buffalo Sabres. 

Go Leafs Gooooo

13/01/2017 – Toronto Maple Leafs @ New York Rangers

segunda-feira, 16 janeiro 2017 Deixe um comentário

Depois de um belo descanso o Toronto Maple Leafs foi até o Madison Square Garden visitar o New York Rangers. 

A equipe demostrou muita vontade de vencer e  controlou o jogo dos Rangers. Frederik Andersen fez uma ótima partida e Henrik Lunqvist sofreu com a velocidade do ataque dos Leafs. 

Os Leafs começaram bem e William Nylander abriu o placar aos 04m49s. Antes de finalizar o período, aos 17m28s, com os Leafs em powerplay, James Van Riemsdyk marcou o segundo. Os Rangers bem que tentavam, mas paravam nas defesas de Frederik Andersen. O total de chutes à gol no período foi de 11 para cada equipe. 

No segundo período os Rangers voltaram tentando pressionar e Chris Kreider conseguiu diminuir para o time da casa aos 09m08s. Isso deu mais moral para os Rangers, que voltaram para o jogo, mas Connor Brown voltou a dar vantagem de dois gols aos Leafs aos 14m27s.

O terceiro período viu os Rangers com ainda mais vontade de retomar a partida, mas sofreram o quarto gol dos Leafs com Connor Carrick em powerplay aos 13m20s. Os Rangers conseguiram mais um gol, com J.T.Miller aos 18m35s, mas já não dava mais tempo pra nenhuma reação.

Uma boa vitória dos Leafs fora de casa e que ainda enfrentaria seu rival de divisão e província, o Ottawa Senators na noite seguinte.

Go Leafs Gooooo

Enroth diz Adeus e McElhinney vem para os Leafs

sexta-feira, 13 janeiro 2017 Deixe um comentário

Essa semana foi movimentada quanto à negociações com goleiros na equipe do Toronto Maple Leafs.

Foi anunciado pela equipe que Jhonas Enroth, o goleiro backup no início da temporada, foi negociado com o Anaheim Ducks por uma escolha de sétima rodada em 2018. Enroth acabou não mostrando bons números nas poucas vezes em que iniciou partidas pelos Leafs. Essa baixa performance levou o jogador a ser enviado aos Toronto Marlies. Antoine Bibeau também não mostrou que poderia se solidificar como o backup de Frederik Andersen.

Com a saída de Enroth, os Leafs acabaram chamando Curtis McElhinney, que foi colocado na lista de dispensa (waivers) pelo Columbus Blue Jackets. 

Bem vindo Curtis McElhinney e boa sorte nos Leafs como backup de Frederik Andersen. 

Boa sorte a Jhonas Enroth no Anaheim Ducks ou no time da AHL, afiliado aos Ducks!

Os Leafs ainda tem Karri Ramo, ex-goleiro dos Calgary Flames, que está nos Marlies, mas sem mostrar bons números.

Go Leafs Goooooo

07/01/2017 -Montreal Canadiens @ Toronto Maple Leafs

segunda-feira, 09 janeiro 2017 Deixe um comentário

Vindos de um ótimo jogo e vitória contra os Devils, em New Jersey, os Leafs receberam o forte time do Montreal Canadiens, no Air Canada Centre. Os Habs deram fim a uma sequência de 7 jogos pontuando dos Leafs.

Carey Price foi simplesmente espetacular na partida e, embora os Leafs tentassem, os chutes eram todos bloqueados ou defendidos por Price, mesmo quando havía muito tráfego em frente a ele. Era como se a luva dele tivesse um imã que atraía o puck!

Antes dos quatro minutos do primeiro período, os Habs já tinham marcado dois gols em Frederik Andersen. O primeiro foi marcado por Max Pacioretty, logo aos 00m20s, recebendo um passe vindo de tras do gol de Andersen e chutando de primeira. O segundo gol dos Habs foi aos 03m47s, quando Artturi Lehkonen venceu Andersen entre o braço e a perna. Os Leafs não desistiram e foram atrás do prejuízo. Aos 08m25s, Tyler Bozak recebeu passe de Mitch Marner e mandou pro fundo da rede de Carey Price. Aos 16m01s, foi a vez de Nazem Kadri marcar o gol de empate, com um toque sutil no puck, para que ele passasse por cima de Carey Price. Ambos gols dos Leafs foram em powerplays. Infelizmente para os Leafs, a última jogada no período viu Nikita Scherbak marcar o seu primeiro gol na NHL, num powerplay para os Habs, num lance muito bonito. Scherbak recebeu um passe na frente do gol de Frederik Andersen e fez um movimento rápido com o taco, tirando o puck do alcance de Andersen e chutando ao gol, aos 19m58s.

O gol dos Habs desestabilizou os Leafs e, aos 00m36s do segundo período, Alexander Radulov ampliou o placar, também em powerplay. No finalzinho do período, aos 18m15s, depois de muitas tentativas, James Van Riemsdyk conseguiu vencer Carey Price, reduzindo a diferença do placar para somente um gol, o que criou esperança para a torcida dos Leafs para o terceiro período.

Apesar de todos os esforços, os Leafs esbarraram no, talvez, melhor goleiro da liga na atualidade. Price defendia tudo! A pressão acabou não dando resultado aos Leafs que ainda sofreram mais um gol, dessa vez marcado por Michael McCarron aos 03m51s. O restante do período viu os Leafs tentarem, tentarem sem sucesso, vencer Price. Nem mesmo com 6 jogadores contra 4, já jogando sem goleiro, os Leafs obtiveram sucesso e acabaram sendo derrotados em casa.

Nos três gols dos Leafs, Mitch Marner anotou assistências o que demonstra que o jogador tem uma ótima visão do gelo e deixa seus companheiros em ótimas situações para marcar.

O próximo jogo será somente em 13 de janeiro, contra o New York Rangers no Madison Square Garden.

Go Leafs GO

 

06/01/2017 – Toronto Maple Leafs @ New Jersey Devils

segunda-feira, 09 janeiro 2017 Deixe um comentário

Jogando bem, mas ainda aguardando seus jogadores novatos ganharem experiência, o Toronto Maple Leafs foram até o Prudential Center visitar o New Jersey Devils.

Neste jogo os Leafs conseguiram uma bela vitória devido ao ótimo nível de jogo do primeiro período e acabaram por aparecer na classificação, dentro da zona dos playoffs, tendo 3 jogos menos que os Bruins e um a mais que os Senators. A classificação está bem embolada, com equipes um ou dois pontos acima ou abaixo dos Leafs e, até o final da temporada, muita disputa ainda vai rolar. A equipe tem demonstrado qualidades e levado muito perigo aos adversários, mas ainda necessita saber manter a segurança de um placar a seu favor.

O primeiro período dos Leafs foi “destruidor” com a equipe pressionando muito os Devils até que Nazem Kadri abriu o placar aos 09m26s, em vantagem numérica (powerplay). Os Devils tiveram a oportunidade de empatar com um powerplay concedido pelos Leafs, mas Connor Brown marcou o segundo gol dos Leafs, numa jogada embaraçosa para Cory Schneider aos 13m17s (shorthanded). Connor Brown foi atrás do puck dominado pelo goleiro dos Devils, mas o goleiro se atrapalhou e permitiu Brown levantar seu taco e chutar o puck para o gol. Auston Matthews foi o próximo a marcar para os Leafs aos 14m40s, retirando Schneider do gelo. Keith Kincaid substituiu o goleiro titular dos Devils que sofreu 3 gols em 5 chutes e não estava bem na noite, mas não conseguiu defender Mitch Marner em um outro powerplay, aos 15m15s.

Com 4 gols de vantagem o jogo chegou ao terceiro período, onde mais uma vez, a equipe dos Leafs não souberam como segurar a pressão do time da casa. Frederik Andersen fez uma ótima partida, mas não conseguiu parar todos os chutes que sofreu no terceiro período, permitindo gols de PA PArenteau, ex-jogador dos Leafs, aos 16m36s, num powerplay para os Devils e outro de Jon Merrill aos 17m31s.

Mais uma vitória e dois pontos para os Leafs que estão na luta por uma vaga nos playoffs.

Acredito que a equipe ainda amadurece mais na temporada e, se não houver nenhuma contusão importante, consegue chegar aos playoffs este ano.

GO Leafs GO

03/01/2017 – Toronto Maple Leafs @ Washington Capitals

quarta-feira, 04 janeiro 2017 Deixe um comentário

Após cinco vitórias seguidas, o Toronto Maple Leafs buscava manter a sequência contra o Washington Capitals. Até jogamos bem, mas o terceiro período tem sido nosso calcanhar de Aquiles e, ao final, acabamos perdendo na prorrogação. 

O jogo mal começou e concedemos um powerplay para os Capitals, que não desperdiçaram. Justin Williams abriu o placar logo aos 01m14s. Nazem Kadri empatou aos 06m39s também em powerplay e jos colocou de volta na partida. Estávamos jogando bem e Braden Holtby, o ótimo goleiro dos Capitals, parecia não estar em sua melhor noite, permitindo 3 gols em apenas 8 chutes no primeiro período. Connor Brown virou o placar aos 11m44s. T.J. Oshie empatou aos 16m00s, mas Frederik Gauthier voltou a colocar os Leafs à frente aos 18m06s. 

Braden Holtby acabou sendo substituído por Philipp Grubauer logo no início do segundo período. Numa jogada espetacular de Auston Matthews, que levou o puck para trás do gol de Grubauer e passou, de costas, para Leo Komarov marcar num powerplay aos 13m33s, dando uma liderança de dois gols no placar aos Leafs no início do terceiro período. 

Mais uma vez a “lentidão” do terceiro período veio para atacar os Leafs. Não sei se os jogadores jovens já pensam que o jogo esta ganho e diminuem o ritmo, ou se eles se aplicam tanto nos dois primeiros períodos que chegam ao terceiro mais cansados, mas a equipe simplesmente parou no gelo e sofreu com a pressão dos Capitals, que empataram o jogo com gols de Evgeny Kuznetsov aos 02m20s e Dimitri Orlov aos 03m39s. Os jogadores jovens dos Leafs estão muito bem e Mitch Marner recebeu o puck em ótima posição e partiu sozinho num contra-ataque, vencendo Grubauer aos 11m08s. Voltamos a respirar, mas por poucos minutos pois aos 13m55s, John Carlson voltou a empatar a partida. Só não perdemos no tempo regulamentar pois Frederik Andersen fez excelentes defesas no terceiro período. 

A decisão foi para a prorrogação e, dessa vez, a sorte não ficou ao lado dos Leafs, que deixaram ninguém mais, ninguém menos, que Alexander Ovechkin livre para desferir um potente chute, sem defesa para Andersen, fechando a partida e dando a vitória aos Capitals. 

Essa lentidão do terceiro período é algo em que Babcock precisa atuar, mas também pode ser devido à pouca experiência de muitos jogadores. Mas não podemos reclamar, afinal pontuamos nos últimos seis jogos, vencendo cinco deles!

Go Leafs Gooooo 

%d blogueiros gostam disto: