Arquivo

Arquivo do Autor

Sejam bem vindos Jimmy Vesey, Aaron Dell, Joe Thornton e Ilya Mikheyev!

terça-feira, 20 outubro 2020 Deixe um comentário

Desde 10 de Outubro Kyles Dubas vem trabalhando muito! Após trazer T. J. Brodie, Wayne Simmonds, Travis Boyd, Joey Anderson e Zach Bogosian, Kyle Dubas ainda continuou buscando jogadores para ajudar os Leafs a não só chegar aos playoffs, mas a ter condições de disputar a Stanley Cup!

Dubas foi atrás de Jimmy Vesey, que havia jogado no Buffalo Sabres na temporada passada e não tinha se dado muito bem por lá, mas que é um jogador que foi muito disputado quando entrou na NHL, vindo da equipe de hóquei de Harvard, onde ganhou o Hobey Baker Award como o melhor jogador da NCAA em 2015-16. Vesey é jovem e pode ser um jogador muito promissor nos Leafs!

Para nos dar mais estabilidade no gol, Dubas contratou Aaron Dell, antigo goleiro backup do San Jose Sharks! Com Dell no elenco, temos qualidade no gol, seja com Freddie, com Campbell, ou com Dell e não ficaremos desfalcados, após a saída do Kaskisuo!

Outro contrato muito festejado foi anunciado no dia 16 de Outubro! Os Leafs contarão com a presença e experiência de Joe Thornton, o Jumbo Joe, que foi draftado pelo Boston Bruins e depois trocado com o San Jose Sharks, onde permaneceu até o ano passado e se tornou o capitão assistente da equipe, jogando ao lado de Patrick Marleau! Joe vem aos Leafs por considerar que pode ser a sua chance de ganhar a Stanley Cup, já no final de sua carreira! Vai ser um membro muito importante da equipe, no gelo ou fora dele, e vai chegar com vontade de finalmente poder levantar a tão sonhada Stanley Cup!

Todos esses jogadores fecharam contrato de um ano com os Leafs, por 900 mil, 800 mil e 700 mil dólares anuais, respectivamente! Ter Joe Thornton jogando pela piso salarial da NHL demonstra que ele realmente não veio por dinheiro, mas pela oportunidade!

Hoje, foi a vez do Restricted Free Agent, Ilya Mikheyev fechar a renovação de seu contrato com os Leafs por mais 2 anos!

Com todas essas chegadas, ficamos aguardando notícias de novas saídas da equipe, pois o teto salarial não vai permitir manter todos os jogadores que já temos no elenco. Travis Dermott também precisa renovar seu contrato!

Espero que tenhamos uma temporada muito competitiva em 2021 e que possamos nos valer de todos esses reforços que contratamos!

Go Leafs Gooooooo

Negociações dos Leafs na pós-temporada – Edição 1

domingo, 11 outubro 2020 Deixe um comentário

Acabou de terminar o NHL Draft de 2020, onde os Leafs selecionaram: Rodion Amirov (LW), Roni Hirvonen (C), Topi Niemela (D), Artur Akhtyamov (G), William Villeneuve (D), Dmitri Ovchinnikov (LW), Veeti Miettinen (RW), Axel Rindell (RD), Joe Miller (RW), John Fusco (LD), Wyatt Schingoethe (C) e Ryan Tverberg (C), mas Kyle Dubas e os gerentes dos Leafs não pararam nem pra respirar, pois dois dias depois, ontem, 09 de outubro, abriu o mercado para contratação de Unrestricted Free Agents (UFAs)!

O Toronto Maple Leafs não ofereceu renovações para vários de seus Restricted Free Agents (RFAs), entre eles, Frederik Gauthier. Somente Ilya Mikheyev e Travis Dermott receberam propostas para renovarem seus contratos. Ainda não sabemos os valores e acredito que os jogadores ainda não aceitaram a renovação e talvez a levem para arbitragem, mas não tivemos notícias sobre isso.

Com a abertura do período de contratação, os Leafs necessitavam cobrir suas necessidades na defesa e Dubas já havia dito que a equipe dos Leafs tem que ser muito mais difícil para os outros times jogarem contra. Com essa filosofia, Dubas contratou na sexta-feira, 09 de outubro: Wayne Simmonds, por uma temporada no valor de 1,5 milhões de dólares (https://twitter.com/mapleleafs/status/1314604211246694402?s=21); e TJ Brodie, com um contrato de 4 anos no valor de 20 milhões de dólares (https://twitter.com/mapleleafs/status/1314708573021261826?s=21).

Hoje, 10 de outubro, Dubas e os Leafs continuaram com o trabalho e contrataram: Travis Boyd, por um ano, num contrato de 700 mil dólares (https://twitter.com/mapleleafs/status/1315045819914104832?s=21); e no final do dia, anunciaram a contratação de Zach Bogosian num contrato de um ano por 1 milhão de dólares (https://twitter.com/mapleleafs/status/1315084790018846721?s=21). Também houve uma negociação que enviou Andreas Johnsson ao New Jersey Devils em troca de Joey Anderson (https://twitter.com/mapleleafs/status/1315063434942308352?s=21).

Sendo assim, o elenco dos Leafs tem mais 2 defensores, em Brodie e Bogosian, além de 3 atacantes em Simmonds, Boyd e Anderson. Com isso, Dubas liberou um pouco de espaço no teto salarial, uma vez que Johnsson tinha contrato de 3,4 milhões de dólares. Com certeza vamos ver mais jogadores deixando o time para gerar espaço no teto salarial.

Agora é aguardar por novas negociações! De qualquer forma, as mudanças e possibilidades que esses jogadores trazem à equipe, já demonstram que os Leafs deverão realmente ser um time mais difícil de enfrentar!

Go Leafs Goooo – Go Dubas Goooooo

Primeiras mudanças dos Leafs na pós-temporada

sábado, 03 outubro 2020 Deixe um comentário

Os Leafs anunciaram a contratação de dois auxiliares técnicos para Sheldon Keefe, Manny Malhotra, que já foi jogador na NHL e estava como assistente no Vancouver Canucks, e Paul MacLean, que possui muita experiência na NHL e inclusive já foi o técnico do Ottawa Senators.

Fica aqui minhas boas vindas a Malhotra e MacLean!! Que tragam suas experiências para somar e criar esquemas táticos que nos levem além nos playoffs!

Outra contratação anunciada ontem foi a de Denis Malgin. O jogador assinou com os Leafs por uma temporada no valor de 700 mil dólares, o piso salarial da NHL, o que ajuda os Leafs no Teto salarial! Denis Malgin vejo aos Leafs após jogar pelo Flórida Panthers!

Seja bem vindo Denis Malgin! Que suas habilidades sejam de grande valor ao nosso time!

O draft está se aproximando, será na próxima terça-feira, 6 de outubro e no dia 9 começa o período de Free Agency! Essa semana promete muito movimento e negociações, principalmente para os Leafs que precisam melhorar na defesa e não tem muito espaço livre no teto salarial! Vamos ver o que Kyle Dubas e Brendan Shanahan tirar da cartola!!

Kasperi Kapanen retorna ao Pittsburgh Penguins

sábado, 05 setembro 2020 Deixe um comentário

Kasperi Kapanen foi draftado pelo Pittsburgh Penguins na primeira rodada, escolha geral 22, em 2014 e, em 2015 foi usado para a troca que envolveu a saída de Phil Kessel dos Leafs.

Os Leafs anunciaram em 25 de agosto de 2020 que Kapanen retorna aos Penguins numa troca envolvendo vários jogadores e uma escolha de primeira rodada deste ano. Os Leafs recebem a escolha de primeira rodada de 2020, escolha de número 15, os atacantes Evan Rodrigues e Filip Hallander e o defensor David Warsofsky em troca de Kasperi Kapanen, Pontus Aberg e o defensor Jesper Lindgren.

Essa troca acaba dando uma maior chance para Kapanen nos Penguins, onde ele poderá jogar mais tempo nas linhas mais altas do ataque do time de Pittsburgh, afinal nos Leafs era difícil competir com Nylander, Marner, Matthews, Tavares, e Kapanen acabava sem muito espaço no elenco.

Para os Leafs podemos considerar que Nick Robertson pode ser um substituto mais barato para os 3.2 milhões de dólares de salário de Kapanen e os Leafs ainda conseguiram abrir espaço no Teto Salarial (Cap) além de trazerem Hallander, um jogador que pode vir a se desenvolver e fazer parte do time principal! Evan Rodrigues já tem quase 200 jogos na NHL e pode ajudar o elenco dos Leafs de alguma forma. Warsofsky deve acabar mesmo ajudando o Toronto Marlies.

Essa foi a primeira negociação de Kyle Dubas após a derrota dos Leafs que encerraram a temporada 2019-20! Existem ainda muitos outros rumores, como o interesse do Carolina Hurricanes por Frederik Andersen e a necessidade dos Leafs de melhorarem sua defesa! Assim, ainda veremos muitas outras negociações de Dubas nesta off-season!

Go Leafs Goooooo

Fim da temporada 2019-20 para os Leafs

sábado, 22 agosto 2020 Deixe um comentário

Todos podemos ter uma grande certeza sobre a temporada 2019-20, ela será inesquecível!

Essa temporada da NHL foi marcada pela pandemia global do Coronavírus, que congelou a temporada regular faltando apenas 12 jogos por jogar, fez com que a liga, as equipes e os jogadores ficassem totalmente parados, incluindo o fato de ficarem sem treinar por praticamente 3 meses, e pela decisão de voltar a temporada já nos playoffs, mas com um calendário alterado e contando com 24 equipes, oito a mais. A razão para isso foram exatamente os 12 jogos restantes a serem disputa dos na temporada regular. Uma vez que haviam equipes disputando as últimas posições da classificação em cada conferência, seria injusto simplesmente escolher os oito times mais bem classificados de cada conferência. Imagina uma equipe que estivesse na nona posição, com diferença de somente um ponto para o oitavo e dois para o sétimo. Como dizer que ela não estaria classificada se jogasse os 12 últimos jogos?

O que foi criado como parte dos playoffs deste ano foi uma série de playoff de qualificação (Qualifier’s). Neste caso, os Leafs enfrentaram o Columbus Blue Jackets em uma série melhor de 5 jogos.

Como meu último post foi do terceiro jogo, em que os Blue Jackets viraram o placar de 3 a 0 dos Leafs, vencendo com um gol na prorrogação, acabei não informando aqui os dois últimos jogos da série.

O quarto jogo da série foi indescritível! O Toronto Maple Leafs estava jogando muito mal, sem levar perigo ao gol de Joonas Korpisalo, e estavam com um placar de 3 a 0 faltando quatro minutos para o jogo acabar e a equipe ser desclassificada. Posso aqui deixar registrado que desliguei a TV pra nem ver o final do jogo e, quando três minutos depois liguei meu iPad para saber se o jogo já havia terminado, vi a equipe dos Leafs marcar o gol de empate com Zach Hyman, levando o jogo à prorrogação. Na prorrogação vencemos o jogo , dando o troco exatamente como havia sido a nossa derrota anterior. A vitória nos levou ao jogo 5!

Infelizmente, apesar da vitória histórica do jogo 4, que demonstrou que a equipe tem raça pra continuar buscando a vitória, mesmo atrás no placar e faltando muito pouco tempo pro jogo acabar, os Leafs não conseguiram se impor e perderam para os Blue Jackets por 3 a 0, deixando mais uma vez os playoffs na primeira rodada, a quarta vez nos últimos 4 anos!

Obviamente que, com a equipe e os jogadores que temos, a torcida fica frustrada, mas já sabíamos que a equipe não tinha conseguido manter o nível de jogo durante a temporada regular, com muitos altos e baixos, com uma defesa que deixa a desejar e alguns jogadores que por vezes não aparecem. Esse foi um ano em que vimos o técnico mais caro da Liga, Mike Babcock, ser demitido dos Leafs por não estar conseguindo evitar que a equipe tivesse um padrão de jogo muito aquém das possibilidades, vimos Sheldon Keefe chegando aos Leafs e dando uma esperança de corrigir o time. Também vimos a chegada de Jack Campbell e de Kyle Clifford, dois jogadores dos Los Angeles Kings e que trouxeram mais qualidade e experiência à equipe.

Claro que houve muitas críticas aos 4 jogadores mais bem pagos da equipe: Auston Matthews, que jogou muito toda a temporada e com 47 gols, ficou a um gol da disputa pelo troféu Maurice Richard, para o artilheiro da temporada, que ficou entre Ovechkin e Pastrnak; John Tavares, que por muitas vezes fica apagado nas partidas, mas que é muito importante e tem uma atuação pra equipe; William Nylander, que essa temporada jogou demais, mas tem uma boa parte da torcida pegando no pé dele por todo o imbróglio da renovação do seu contrato (eu gosto muito de ter o Nylander na equipe e o acho um dos melhores jogadores conduzindo o puck); e Mitch Marner, que teve uma boa temporada, mas que nos playoffs cometeu erros e não rendeu o que se esperava dele.

Para a próxima temporada, que se tudo der certo só iniciará em Dezembro, os Leafs deverão ter algumas mudanças, principalmente em sua defesa, se Kyle Dubas e Brendan Shanahan encontrarem os jogadores que necessitam a um preço dentro das possibilidades dos Leafs, ou negociando alguns jogadores em troca de uma melhor equivalência entre ataque e defesa. Já sabemos que Tyson Barrie não deve retornar à equipe após não ter uma atuação de acordo com o que esperávamos dele. Eu diria que Muzzin e Rielly são os defensores que continuam e todos os outros, incluindo Justin Holl e Travis Dermott, podem ser negociados. No ataque, gostaria muito de ver o retorno de Jason Spezza, que demonstrou ser torcedor dos Leafs e vibrou com as vitórias da equipe!

Outro nome que devemos ver nos Leafs na próxima temporada é Nick Robertson, o rookie que veio da OHL e jogou algumas partidas dessa série contra os Blue Jackets e, inclusive marcou gol! Robertson foi muito bem e não vejo ele ficando de fora na próxima temporada.

Freddie também jogou bem, mas com uma defesa fraca à sua frente não teve como ajudar mais a equipe. Jack Campbell também mostrou que é um bom goleiro e que também gosta de fazer parte do elenco.

Adicionamos um ano mais na fila, agora com 53 anos desde a nossa última Stanley Cup, mas a equipe continua promissora e ganhando cada vez mais experiência. Temos que manter a esperança, pois temos a possibilidade de termos a melhor equipe dos Leafs desde quando Mats Sundin era o capitão e levou o time à final de conferência em 2002!

Go Leafs Gooooo sempre!!!

E obrigado a todos que seguiram meus posts neste ano! Sei que não tenho tido posts tão atualizados, mas vou sempre tentar manter todos vocês informados de tudo que acontece com o Toronto Maple Leafs! Aguardo vocês na próxima temporada!

%d blogueiros gostam disto: