Anúncios

Arquivo

Posts Tagged ‘James Van Riemsdyk’

Toronto Maple Leafs @ Montreal Canadiens – 14/10/2017

domingo, 15 outubro 2017 Deixe um comentário

O Toronto Maple Leafs não vencia o Montreal Canadiens desde janeiro de 2014, ou uma sequência de 14 jogos. As equipes se encontraram em situações diferentes neste início de temporada, com os Leafs com 3 vitórias e uma derrota e os Canadiens com somente uma vitória. 

Jogar com os Canadiens, com Carey Price no gol, nunca é uma tarefa fácil, mas os Leafs têm demonstrado um grande poder ofensivo.

Jeff Petry abriu o placar aos 02m19s, num chute da linha azul! Frederik Andersen não conseguiu defender o puck, que bateu na trave e entrou. Os Leafs reagiram e Janes Van Riemsdyk empatou aos 07m32s. Auston Matthews conseguiu interceptar o puck na zona neutra e partiu ao ataque, virando o jogo aos 08m16s. Antes de terminar o período, Alex Galchenyuk se aproveitou de um powerplay e voltou a empatar a partida. 

No segundo período, Jonathan Drouin marcou o seu primeiro gol pelos Habs aos 11m33s, mas Patrick Marleau empatou a partida aos 12m40s. Foi um gol muito disputado, onde o puck entrou, mas foi retirado pelo jogados dos Habs e o juiz de linha não viu o puck entrar. A jogada foi revista e o gol foi validado, decretando o empate em 3 a 3.

Sem que as equipes chegassem a mais gols no terceiro período, a partida foi para a prorrogação. Após ótima defesa de Frederik Andersen, William Nylander partiu no contra-ataque e deu o passe perfeito para Auston Matthews mandar pro fundo do gol dos Habs aos 48s da prorrogação. 

Sempre é bom vencer fora de casa, ainda mais quando não se vencia a equipe a 14 jogos! 

Agora os Leafs vão a Washington, enfrentar Ovechkin e os Caps na terça-feira! 

Go Leafs Gooooooo

Anúncios

New Jersey Devils @ Toronto Maple Leafs – 11/10/2017

sexta-feira, 13 outubro 2017 Deixe um comentário

Com três vitórias na temporada e jogando muito bem o Toronto Maple Leafs recebeu o New Jersey Devils em busca de manter seus bons resultados.

O primeiro período viu ambas equipes buscando se impor na partida e os Leafs saíram na frente com um gol de James Van Riemsdyk aos 08m33s, durante um powerplay. Tudo parecia ir bem para a equipe de Toronto até que os Devils conseguiram virar a partida com dois gols de Miles Wood, em menos de dois minutos (09m07s e 10m45s). Aos 13m33s, Dominic Moore empatou para os Leafs mantendo as chances da equipe na partida.

No segundo período, Pavel Zacha colocou os Devils novamente à frente no placar, num powerplay. Mesmo com um powerplay em 5 contra 3 por dois minutos, os Leafs acabaram levando a pior e Brad Gibbons marcou o quarto gol dos Devils. Apesar de todo o esforço da equipe de Toronto em pressionar, parecia que essa era a noite de Corey Schneider. O goleiro fez defesas importantíssimas e se mostrou sólido a noite toda. 

Com 4 a 2 no placar em favor do time visitante, os Leafs tinham somente o terceiro período para colocar todas as suas cartas na mesa e tentar virar o jogo, mas outra vez quem se deu melhor foram os Devils. Blake Coleman acertou um belo chute à distância logo aos 03m35s, vencendo Frederik Andersen. Schneider continuou defendendo tudo e não deu muitas chances para os Leafs, a não ser em um powerplay aos 13m34s, quando William Nylander cruzou para Matthews marcar o terceiro dos Leafs com Schneider se movendo de um lado ao outro do gol. Mas já era muito tarde para uma reação contra um goleiro que estava inspirado na noite. Os Devils ainda viram Pavel Zacha marcar mais um aos 17m21s, fechando o placar em Devils 6, Leafs 3.

Foi a primeira derrota dos Leafs na temporada e, ok. Isso aconteceria mais cedo ou mais tarde e acabou acontecendo em grande parte por problemas defensivos dos Leafs e pela estelar performance de Corey Schneider que simplesmente pareceu ser um gigante fechando o gol dos Devils! 

Parabéns aos Devils pela vitória! Agora os Leafs partem para Montreal, enfrentar os Canadiens amanhã, sábado, 14/10/2017.

Go Leafs Goooooo

Chicago Blackhawks @ Toronto Maple Leafs – 09/10/2017

terça-feira, 10 outubro 2017 Deixe um comentário

As duas equipes com mais gols marcados nas primeiras duas rodadas da temporada de enfrentaram em Toronto, no Air Canada Centre, e tivemos um excelente jogo!

O Chicago Blackhawks, com sua equipe experiente e com várias Stanley Cups no currículo, veio visitar o Toronto Maple Leafs, uma equipe jovem, com muitos jogadores no segundo ano de suas carreiras na NHL. 

O jogo foi eletrizante do começo ao fim, com as equipes trocando períodos de domínio do gelo. Os Blackhaws saíram na frente em uma jogada até despretenciosa, quando Jan Rutta passou por trás do gol de Frederik Andersen e cruzou o disco para a frente do gol. O disco desviou no taco de Mitch Marner e acabou enganando o goleiro dos Leafs. Pouco tempo depois, foi a vez de Jonathan Toews marcar o segundo gol. Os Leafs até tentavam uma reação, mas esbarravam no goleiro Anton Forsberg, que não deixou nenhum chute dos Leafs no primeiro período, acabar nas redes dos Blackhawks. 

No segundo período os Leafs melhoraram e dominaram, mas ainda sim enfrentaram muitas dificuldades até que aos 10m20s, Nikita Zaitsev conseguiu quebrar a barreira no gol dos Blackhawks e diminuir para os Leafs.

Os Leafs estavam melhor, mas não se pode descuidar com uma equipe como a dos Blackhawks. Richard Panik ampliou para os Blackhawks se aproveitando de um chute de Brent Seabrook, num powerplay, que bateu no fundo e retornou para ele, sozinho mandar pro gol aos 07m52s do terceiro período. 

Um fator que mudou muito na equipe após a vinda de Mike Babcock é que os Leafs não desistem de nenhuma partida e isso ficou muito claro quando Connor Brown marcou aos 13m00s e James Van Riemsdyk desviou o disco com seu patins, sem chances para o goleiro dos Hawks, para empatar a partida aos 15m42s, num powerplay para os Leafs. 

Com o empate, a partida foi para a prorrogação e, aparentemente, os Blackhawks acabaram perdendo o gás após o gol de empate e os Leafs dominaram todas as melhores chances, até que, aos 03m43s, Auston Matthews dominou o puck na zona de defesa, cruzou a zona neutra levando o disco ao ataque e chutou certeiro, por sobre o ombro direito de Forsberg, dando a vitória aos Leafs, que comemoraram muito e se mantiveram invictos na temporada. 

Na quarta-feira receberemos o New Jersey Devils. 

Go Leafs Gooooooo

Toronto Maple Leafs @ Winnipeg Jets – 04/10/2017 – Season Opener 

quinta-feira, 05 outubro 2017 Deixe um comentário

Para começar a temporada regular 2017-18, os Leafs foram visitar seus rivais canadenses de Winnipeg, os Jets. 

O jogo estava simplesmente eletrizante no início do primeiro período, mas o Toronto Maple Leafs pecava ao cometer penalidades. Uma delas foi cometida por Leo Komarov e eu nunca havia visto esse tipo de penalidade antes: “Equipment Violation”. Leo estava com o capacete mas sem que a trava estivesse afivelada. Apesar das penalidades a equipe e Frederik Andersen se mantiveram fortes na defesa e evitaram todas as tentativas do Winnipeg Jets de abrir o placar. Aos 15m45s, Nazem Kadri venceu Steve Mason, num powerplay, para abrir o placar e marcar o primeiro gol da temporada da NHL. James Van Riemsdyk ampliou aos 17m40 e William Nylander chutou num gol aberto, após receber um passe de Jake Gardiner que enganou toda a defesa dos Jets, aos 18m23s. Steve Mason estava olhando para o outro lado, buscando encontrar quem estava com o puck e quando se deu conta que Nylander o tinha, foi tarde demais.

Com três a zero no placar os Leafs seguiram confiantes no segundo período e Patrick Marleau marcou seu primeiro gol em temporada oficial pelos Leafs após receber um passe de Auston Matthews que o deixou sozinho contra Mason, aos 08m32s. Foi um belo gol de Marleau, que driblou Mason para marcar seu gol de número 509 na carreira na NHL.

O terceiro período ainda viu os Leafs ampliarem o placar com mais um gol de Marleau aos 36s, fazendo os Jets retirarem Steve Mason e o substituírem por Connor Hellebuyck. Mitch Marner também marcou o seu aos 08m07s, num powerplay. Os Jets só chegaram a marcar aos  11m31s com seu capitão, Mark Scheifele, após receber passe de Patrick Laine. Os Leafs estavam tão bem na partida que não deixaram os Jets acharem momento e marcaram o sétimo gol da noite aos 11m57s, com Auston Matthews. E os Jets fecharam o placar de 7 a 2 com um gol de  Mathieu Perrault aos 12m57s. 

Cada uma das jovens estrelas dos Leafs marcou seu gol na noite: Marner, Matthews e Nylander. E também tivemos dois gols de Patrick Marleau em seu jogo de estreia! 

Andreas Borgman jogou bem na sua estreia na NHL e marcou um ponto numa assistência no gol de Auston Matthews. 

Uma vitória fora é sempre bem vinda e começar a temporada com um placar de 7 a 2 é realmente muito bom!

O próximo jogo será no sábado, contra o New York Rangers, no Air Canada Centre, no chamado “Home Opener”. 

Go Leafs Gooooooo

Toronto Maple Leafs @ Buffalo Sabres – 24/09/2017 – Pré-Temporada

terça-feira, 26 setembro 2017 Deixe um comentário

O Buffalo Sabres queria devolver a derrota sofrida na noite anterior aos Leafs, se aproveitando de um jogo em casa, mas não conseguiram obter um placar melhor para a equipe.

Os Leafs mais uma vez jogaram bem e venceram os Sabres por 3 a 1, com gols de James Van Riemsdyk, Kasperi Kapanen e Nikita Soshnikov. 

Os jogadores mais jovens dos Leafs estão mostrando seu valor e Andreas Borgman, assim como Josh Leivo e Kasperi Kapanen estão dando muito trabalho aos adversários. A luta por uma vaga na equipe está bem intensa.

A vitória deu aos Leafs mais confiança depois de duas derrotas seguidas contra os Senators. 

O próximo adversário são os Canadiens, que ainda não venceram na pré-temporada. 

Go Leafs Goooo

Ottawa Senators @ Toronto Maple Leafs – 19/09/2017 – Pré-temporada 

quarta-feira, 20 setembro 2017 Deixe um comentário

Continuando a preparação para a temporada 2017-18, na noite seguinte à derrota sofrida em Ottawa, o Toronto Maple Leafs recebeu o Ottawa Senators no Air Canada Centre.

Dessa vez os Leafs tinham Patrick Marleau, Nazem Kadri, Leo Komarov, Tyler Bozak, James Van Riemsdyk e Mitch Marner no gelo.

Os Leafs começaram melhor, pressionando muito os Sens, mas vendo Mike Condon fazer ótimas defesas. Numa bobeada de Martin Marincin, que perdeu o puck na saída da zona defensiva, os Senators aproveitaram e abriram o placar com um gol em Frederik Andersen. Apesar de começar por baixo, os Leafs melhoraram e chegaram ao empate com o estreante Patrick Marleau, que recebeu um passe de Leo Komarov e partiu sozinho contra Condon, marcando um belo gol de wrist shot! Foi o primeiro gol de Marleau jogando pelos Leafs! Logo após foi a vez dos Leafs se aproveitarem de um powerplay em 5 contra 3 e, numa jogada muito bem desenhado, ver o puck passando de taco em taco até chegar em JVR para marcar, sem chance de defesa de Mike Condon. 

Após o primeiro período os Leafs não conseguiram manter o ritmo e cederam o empate no segundo período. O terceiro período viu os Leafs indo mais ao ataque, mas sem efetividade. Os Senators por sua vez, marcaram mais 3 gols e fecharam o placar em 5 a 2.

Não começamos bem a pré-temporada, mas essa é exatamente a época do ano em que podemos perder, além do fato da equipe ainda ter muitas linhas diferentes, que não serão as que iniciarão a temporada. O próximo jogo será contra o Buffalo Sabres na sexta-feira, 22, no Air Canada Centre. 

Go Leafs Go

Contratações dos Leafs na abertura do mercado em 2017

terça-feira, 04 julho 2017 Deixe um comentário

Com o mercado agitado devido à entrada do Vegas Golden Nights e o Draft que essa equipe realizou, retirando bons jogadores de outras equipes, aqueles que não foram protegidos pelas equipes de acordo com a regra adotada pela NHL, o mercado para agentes livres irrestritos, os famosos UFAs, abriu em primeiro de julho e os Leafs se mexeram para cobrir suas deficiências e aqui vou citar as contratações que Lou Lamoriello, Brendan Shanahan e Mike Babcock negociaram para a equipe.

Goleiros

O primeiro a ser contratado foram os goleiros, Garret Sparks e Curtis McElhinney. Dessa forma, os Leafs garantiram um backup para Frederik Andersen e um possível backup para McElhinney, se este vier a se contundir. Sparks deve mesmo jogar pelos Marlies, junto com Kasimir Kaskisuo, já que Antoine Bibeau saiu da equipe, sendo contratado pelos San Jose Sharks.

Defesa

O próximo passo dos Leafs foi contratar Ron Hainsey, defensor que defendeu os Penguins na temporada passada e venceu a Stanley Cup. Hainsey tem 36 anos e possui a experiência para ajudar a defesa dos Leafs pelos próximos dois anos! 

Na defesa perdemos Matt Hunwick, que foi para os Penguins. 

Ainda estamos sem Roman Polak, que talvez volte a assinar com os Leafs. 

Ataque

Com a saída de Brian Boyle, que foi para o New Jersey Devils, os Leafs ficaram com uma posição aberta de central de terceira ou quarta linha. Para cobrir essa posição, os Leafs contrataram Dominic Moore. Moore já defendeu mais de 10 equipes na NHL e já foi parte dos Leafs também. Moore é mais um jogador que traz experiência à jovem equipe dos Leafs. 

Mas a contratação que gerou mais burburinho e discussões nas redes sociais foi a contratação de Patrick Marleau, por um período de três anos, mas ao preço de 6.25 milhões de dólares por temporada. Muitos acharam o valor muito alto, outros acharam que o jogador, que vai completar 38 anos em dois meses, não devia ter recebido um contrato de três anos, e outros, como eu, adoraram a ideia de ter Marleau para ajudar a dar consistência ao ataque dos Leafs e também desenvolver, dentro do gelo, nossos novatos e futuras lendas, Auston Matthews, Mitch Marner, William Nylander, Zach Hyman e Connor Brown. 

Marleau pode jogar como central ou ala e em todos os seus 20 anos com o San Jose Sharks, somente ficou de fora de pouco mais de 30 jogos, o que demonstra que é um jogador muito saudável e que mesmo com a idade já se aproximando dos 40, pode contribuir e muito com a equipe. 

Sejam muito bem vindos Hainsey, Moore e Marleau! A equipe, com certeza está melhor com vocês. 

Agora, o que se fala é que os Leafs podem acabar negociando Tyler Bozak ou James Van Riemsdyk, para reduzir os gastos totais, já que trouxeram Hainsey e Marleau a peso de ouro! Vamos ver os próximos movimentos da equipe, que com certeza estarão aqui no MapleLeafsBrasil! 

Go Leafs Gooooooo

%d blogueiros gostam disto: