Anúncios

Arquivo

Posts Tagged ‘Kyle Dubas’

John Tavares aceita uma proposta menor pra jogar no time dos seus sonhos de infância

quinta-feira, 05 julho 2018 Deixe um comentário

Dia 1 de Julho é sempre muito esperado por todos os torcedores da NHL por ser o dia em que as negociações de contratos de jogadores podem ser realizadas. Este ano o jogador que estava chamando mais atenção era John Tavares que, desde que foi draftado jogou no New York Islanders.

Tavares estava analisando propostas na última semana de junho, quando decidiu ouvir as propostas do Toronto Maple Leafs, entre outras equipes interessadas. Ele tinha até meia noite do dia 30 de junho para fechar contrato com os Isles, que podia oferecer oito anos de contrato a ele, mas veio o fim de junho e nada de decisão de Tavares. De acordo com a imprensa que cobria o caso, Tavares estava analisando as opções com a família.

No dia 1 de julho, ainda levou um tempo após a abertura do mercado para que Tavares divulgasse que ao final do processo, decidiu realizar um sonho de infância, já que Tavares passou sua infância na Grande Toronto e cresceu assistindo aos jogos e ídolos do time de Toronto e torcendo pelos Leafs!

Tavares vai receber 77 milhões de dólares por 7 anos de contrato, sendo que a maior parte está em Bônus, que é uma parte que o jogador recebe, mesmo se houver lockout, que é a paralisação da temporada por falta de acordo entre a NHL e a associação dos jogadores, a NHLPA.

Com a decisão, Tavares enviou uma foto em seu Twitter, de quando era jovem e estava dormindo em sua cama, toda com o tema dos Leafs, dizendo que estava realizando um sonho de infância.

O articulador dessa decisão foi Kyle Dubas, o novo gerente geral dos Leafs, que criou a estratégia de mostrar a Tavares, não uma camiseta dos Leafs com seu nome e número, mas os jogadores com quem ele pode vir a jogar, especialmente Mitch Marner, que segundo Mike Babcock, possui um perfil que combina muito com o de John Tavares. O que deixou o jogador muito entusiasmado em fazer parte de um grupo tão jovem e com tanto talento nos Leafs.

Durante o processo de decisão, Tavares recebeu ligações de Mitch Marner, Auston Matthews e Patrick Marleau, o que também o fez pensar na qualidade geral da equipe.

Provavelmente Tavares terá como parceiros de linha, Mitch Marner e Zach Hyman, e a segunda linha seria composta por Auston Matthews, William Nylander e Patrick Marleau, deixando a terceira minha para Nazem Kadri, Andreas Johnsson e Kasperi Kapanen ou Connor Brown.

Com certeza o ShanaPlan está dando frutos e vemos jogadores como John Tavares aceitando toda a atenção da mídia em Toronto e um salário menor que o oferecido por outros times, para poderem jogar pelo time que cresceram vendo jogar e com jogadores de qualidade que podem levar a equipe à tão sonhada Stanley Cup.

Seja muito bem vindo John Tavares! Com certeza seu sonho de jogar pelos Leafs é alinhado ao sonho dos torcedores de terem uma equipe competitiva e, mais do que isso, com chances reais de chegar à Stanley Cup! Que suas qualidades e experiências possam ser compartilhadas com nossos jovens jogadores e os façam crescer ainda mais ao seu lado!

Go Leafs Goooo – Muito ansioso pelo início da temporada regular!

Anúncios

Kyle Dubas é o novo General Manager dos Leafs

sábado, 12 maio 2018 Deixe um comentário

Ontem, 11 de maio de 2018, Brendan Shanahan anunciou Kyle Dubas como o novo Gerente Geral (General Manager – GM) do Toronto Maple Leafs. Dubas vai tomar obligation que foi ocupado por Lou Lamoriello nos últimos três anos.

O nome de Dubas já era cogitado após o término do contrato de Lou, mas sua idade podia ser um fator limitante, já que Dubas tem apenas 32 anos. Mas o novo jovem GM dos Leafs tem muita experiência apesar de sua idade, já tendo experiência como GM em equipes da OHL e AHL, e vivendo no mundo do hóquei desde seus 11 anos de idade.

Dubas também é visto como um prodígio em análises estatísticas, que auxiliam em suas decisões, de forma a encontrar jogadores com muito potencial, mas com valores não exorbitantes. Ele também tem se desenvolvido em todos os outros aspectos da administração de uma equipe e Brendan Shanahan não quis perder a oportunidade de manter esse talento gerenciando a equipe de Toronto que está mais perto de voltar a ser uma equipe com chances de disputar a tão sonhada e esperada Stanley Cup, que não vence desde 1967.

Nesta decisão, Shanahan acabou por não promover Mark Hunter, outro excelente profissional na administração dos Leafs, o que, talvez, possa fazer com que ele deixe a equipe atrás de uma oportunidade de se tornar GM em outra organização. Espero que não, e que Dubas consiga contornar a situação e manter Hunter como seu braço direito!

Desejo a Kyle Dubas muito sucesso e que consiga vencer todos os desafios que estão à sua frente, que é tornar uma equipe boa em uma equipe que traga a SC de volta à Toronto!

Go Leafs Goooooo

Kyle Dubas é contratado como Gerente Geral Assistente

terça-feira, 22 julho 2014 Deixe um comentário
Conforme o MapleLeafs.com, Brendan Shanahan começou a colocar a sua marca nos Leafs contratando Kyle Dubas, de 28 anos, como Gerente Geral Assistente.

Dubas passou os últimos três anos como Gerente Geral do Sault Ste. Marie Greyhounds da Ontario Hockey League; ele usou dados analíticos e outras métricas avançadas para desenvolver sistemas e criar um elenco que levou os Greyhounds do último ao primeiro lugar na Divisão Oeste da OHL em apenas três anos. E ele fez tudo isso sendo o mais novo Gerente Geral da OHL e segundo mais novo na história da liga.

Este feito foi suficiente para atrair a atenção e interesse de Shanahan, que foi contratado como presidente do time em Abril.

“Eu não ligo para a idade de uma pessoa,” afirmou Shanahan durante uma conferência no Air Canada Centre. “Ele trabalha de maneira ética. Eu somente estou procurando por pessoas talentosas, e quanto mais eu conheço ao Kyle, mais eu tenho certeza de que é alguém com muito talento.”

Shanahan indicou que quando ele foi contratado, ele queria encontrar novas idéias para ajudar a melhorar uma franquia que chegou aos playoffs somente uma vez desde 2004. Dubas se encaixa nesta descrição.

“Ele trabalha duro. Ele é alguém que aplicou seus conhecimentos de uma forma prática,” atestou Shanahan. “Ele gerenciou uma equipe. Ele aceitou os desafios. Mas ele não está atado a velhas idéias. Ao mesmo tempo, eu acho ele uma pessoa muito respeitosa e aberta a outras idéias; uma das primeiras coisas que ele disse para mim foi que ele sentiu que essa é uma grande oportunidade para aprender ainda mais.”

Dubas disse que mesmo depois que Shanahan o contatou, que “isso não foi como uma oferta sem escolha, que seria somente aceitar”, mas que aceitou a proposta pois vê a oportunidade de fazer a diferença.

“Eu fiquei entusiasmado com minhas conversas com Brendan, e ainda mais com minhas conversas com Dave sobre como ele vê o jogo evoluindo,” disse Dubas. “Aquela foi uma das mais excitantes partes do processo, saber que eu ingressaria e seria ouvido e ajudaria o máximo possível e ainda aprenderia com o Dave, que também foi um gerente geral assistente muito jovem quando começou sua carreira.”

Shanahan disse que a estratégia analítica da franquia necessitava melhorar, e que Dubas será a pessoa chave para dosar e misturar as novas e velhas idéias em uma nova fórmula vencedora.

“Sem querer criticar a antiga gestão, mas eu acho que ele traz uma nova perspectiva,” disse Shanahan. “O que é mais importante para mim é que ele não apenas fala sobre isso, ele vive isso.”

“Ele tem uma grande apreciação e conhecimento de análises de jogo. Mas ele também tem conhecimento das complexidades e instintos que viverem que ter quando coca um produto no gelo. Nós trouxemos Kyle para influenciar toda a organização de uma forma positiva. Esse não é apenas um cargo ou trabalho específico para ele; eu acho que ele é alguém que quer estar envolvido em muitas coisas.”

Os Leafs também anunciaram a saída de Dave Poulin e Clause Loiselle. Ambos foram contratados por Brian Burke e permaneceram quando ele foi substituído por Nonis em 2013.

Poulin foi o vice presidente de operações de Hockey nos Leafs, e Loiselle foi vice president e gerente geral assistente. Shanahan disse que ainda está buscando outras contratações com potencial de “nos fazer tão eficientes quanto podemos ser como clube.”

———————————————————————-
Parece ter sido uma boa adição aos ameaça, já que une juventude, idéias novas e uma certa experiência a um time de gestão experiente. Desejo boa sorte a Dubas e que seus métodos de análise ajudem nossa equipe a montar uma melhor equipe, que nos leve de volta ao topo da liga e à tão sonhada e aguardada Stanley Cup!!

Obrigado a Loiselle e Pulin pelo trabalho desenvolvido até então!

Go Leafs Gooooooo

%d blogueiros gostam disto: