Archive

Posts Tagged ‘Morgan Rielly’

18/02/2017 – Ottawa Senators @ Toronto Maple Leafs

domingo, 19 fevereiro 2017 Deixe um comentário

Tentando se manter na segunda posição de Wild Card, o Toronto Maple Leafs recebeu a visita do Ottawa Senators que está na frente na tabela de classificação. 

Foi um jogo emocionante com a disputa da vitória a cada lance é com os times jogando muito fisicamente. 

Craig Anderson estava no gol dos Senators e Frederik Andersen no dos Leafs e ambos fizeram defesas espetaculares ajudando as equipes a manterem as chances de vitória no jogo.

O primeiro período viu os Senators levarem a melhor e saírem na frente com gols de Chris Wideman aos 17m26s e de Ryan Dzingel aos 17m46s. Os Leafs chutaram mais à gol, tiveram powerplay de 5 contra 3 e nem assim conseguiram marcar em Craig Anderson. 

O segundo período teve os Leafs com a mesma vontade do primeiro e Andersen fazendo ótimas defesas, mantendo os Leafs no jogo, até que Morgan Rielly marcou aos 14m38s, após uma boa jogada de Zach Hyman em frente ao gol dos Sens, que fez com que Craig Anderson prestasse mais atenção em Hyman e na hora do chute de Rielly não estivesse pronto. Nazem Kadri marcou o gol de empate numa ótima jogada em que, detrás do gol dos Sens, tentou chutar o punk para frente do gol (crease) e o puck bateu na lateral do capacete de um jogador por Sens, que estava quase deitado no gelo, tentando proteger o gol, e foi pro fundo do gol de Craig Anderson, empatando a partida aos 17m52s.

O último período guardou emoção. Logo aos 02m04s, com os Leafs em powerplay, Wilian Nylander recebeu um passe de Auston Matthews e marcou o gol da virada. Os Senators continuaram levando perigo ao gol de Frederik Andersen até que aos 05m32s, Mike Hoffman voltou a empatar a partida. Menos de um minuto depois, Derick Brassard se aproveitou de um ouço perdido próximo a Frederik Andersen e marcou o gol da virada aos 06m26s. A partir desse momento a partida ficou disputado e os Leafs até tiveram chances de empatar, mas no finalzinho, com os Leafs já jogando sem goleiro (empate net), os Sens marcaram com Mark Stone aos 18m10s e Derick Brassard aos 19m15s. O placar de 6 a 3 não reflete o jogo parelho que as equipes tiveram. 

Hoje, os Leafs vão até Raleigh, enfrentar o Carolina Hurricanes enquanto os Senators recebem os Winnipeg Jets. 

Go Leafs Goooo

Anúncios

09/02/2017 – St. Louis Blues @ Toronto Maple Leafs

sexta-feira, 10 fevereiro 2017 Deixe um comentário

Esse será um mês muito ocupado para os Leafs que jogam 14 jogos em 28 dias. Não vai ter muita folga e ontem foi um dos dias de jogo, em casa, contra os St. Louis Blues. 

O Toronto Maple Leafs não conseguiu impor seu jogo e sua velocidade contra o experiente time dos Blues, que dominou o gelo e levou muito perigo ao gol dos Leafs, que viram uma ótima noite de Frederik Andersen, que realmente fechou o gol. Aos 04m15s do primeiro período, Patrik Berglund abriu o placar para os Blues. Houve outras oportunidades, mas Andersen fez defesas espetaculares para manter os Leafs no jogo.

Veio o segundo período e o domínio dos Blues continuou, mas numa ótima jogada, aos 18m56s, Morgan Rielly conduziu o puck, vindo da defesa, passou para Nazem Kadri, que em velocidade partiu ao ataque e, passou para a frente do gol dos Blues. O puck foi desviado e quem estava lá para aproveitar? Morgan Rielly, que chutou num gol aberto, pois o goleiro Jake Allen tinha senmovido para fechar a lateral do gol! 

Com o jogo empatado, as equipes foram ao terceiro período tentando decidir a partida, mas quem brilhou foram os goleiros, mais uma vez, inclusive numa jogada dos Leafs faltando menos de 5s para o final, quando Allen fez ótima defesa e impediu Leo Komarov de marcar o gol da vitória. 

A prorrogação acabou sendo decidida no primeiro chute ao gol, logo aos 20s, com Vladimir Tarasenko, que conduziu o puck desde a defesa, driblou um dos jogadores dos Leafs e chutou forte, vencendo Andersen. 

Não é um bom resultado, mas pela forma com que o time jogou, podíamos ter perdido, mas conseguimos mais um ponto, que pode ser a diferença entre ir aos playoffs ou não! 

No sábado enfrentaremos o Buffalo Sabres!

Go Leafs Gooooo

11/11/2016 – Philadelphia Flyers @ Toronto Maple Leafs

sábado, 12 novembro 2016 Deixe um comentário

Na noite onde as celebridades do mundo do Hockey, que farão parte do Hall da Fama do Hockey (Hockey Hall of Fame), foram homenageados no Air Canada Centre, dentre eles, Eric Lindros e Pat Quinn, o Toronto Maple Leafs recebeu o Philadelphia Flyers.

Lindros jogou pelos Flyers e também pelos Leafs! Pat Quinn foi um defensor dos Leafs, mas foi mais conhecido como técnico da equipe na era Sundin. 

No gol dos Leafs, Frederik Andersen, buscando recobrar a confiança e performance que teve nos Ducks e pelos Flyers, Steve Mason.

Os Leafs abriram o placar com Nazem Kadri aos 02m54s numa linda jogada onde ele interceptou um passe dos Flyers e partiu sozinho contra Mason. Os Flyers conseguiram se recuperar com um gol de Wayne Simmonds aos 03m59s, em powerplay, e Travis Konecny colocou os Flyers à frente aos 04m25s. Somente ao final do primeiro período, Morgan Rielly conseguiu empatar o jogo num powerplay para os Leafs, aos 19m08s.

Para o desespero dos Leafs, Wayne Simmonds colocou os Flyers à frente aos 02m53s com os Leafs em powerplay (vantagem numérica). 

O que os Flyers não esperavam é que os Leafs voltariam inspirados para o último período. Martin Marincin empatou com um chute fortíssimo da linha azul aos 04m03s. Zach Hyman marcou o gol que deu a vitória aos Leafs aos 08m34s. Leo Komarov marcou seu primeiro gol da temporada aos 11m32s, shorthanded (enquanto os Flyers estavam em vantagem numérica) e Mitch Marner fechou o placar em 6 a 3, com um gol aos 16m17s.

Mitch Marner marcou cinco pontos na noite e Morgan Rielly marcou quatro!!

Ótima vitória dos Leafs que nem tiveram tempo de comemorar, pois jogam hoje contra os Penguins em Pittsburgh.

Go Leafs Goooo

02/10/2016 – Montreal Canadiens @ Toronto Maple Leafs – Pré-temporada

segunda-feira, 03 outubro 2016 Deixe um comentário

Os Leafs enfrentaram os Canadiens pela primeira vez na pré-temporada, em casa. 

Foi o primeiro jogo dos Leafs com Auston Matthews. William Nylander e Mitch Marner também estavam no elenco e os Leafs saíram com a vitória na prorrogação. 

O Toronto Maple Leafs começou a partida atras no placar, após Jhonas Enroth sofrer um gol no primeiro período. 

A partir do segundo período os Leafs melhoraram e nossos defensores foram decisivos na partida. Nikita Zaitsev marcou um belíssimo gol, empatando e Morgan Rielly nos colocou à frente. Infelizmente os Canadiens encontraram um gol faltando 17s para o término da partida, vencendo Garret Sparks, levando a partida para a prorrogação.

Na prorrogação, Matt Hunwick, que vem jogando muito bem pelos Leafs, marcou o gol decisivo, recebendo um passe de James Van Riemsdyk, e nos dando a vitória.

Go Leafs Goooo

Nazem Kadri e Morgan Rielly ganharam novos contratos de seis anos

quinta-feira, 05 maio 2016 Deixe um comentário

Logo após o final da temporada regular, onde os Leafs não se classificaram aos playoffs e terminaram como a pior equipe da liga, Nazem Kadri e Morgan Rielly foram reconhecidos pelo que jogaram e também pelo que ainda podem desenvolver, com um contrato de seis anos. De acordo com informações, Kadri terá uma média de 4.5 milhões de dólares por ano e Morgan Rielly terá o equivalente a 5 milhões de dólares por ano.

Ambos jogadores, com certeza, são parte importante da reconstrução da equipe sendo planejada e implementada por Brendan Shanahan, Lou Lamoriello e Mike Babcock.

Boa sorte a ambos e que consigam se desenvolver ainda mais e dar aos Leafs a tão sonhada Stanley Cup!

Go Leafs Goooooo

17/03/2016 – Florida Panthers @ Toronto Maple Leafs

sexta-feira, 18 março 2016 Deixe um comentário

No dia de St. Patrick, o Florida Panthers visitou o Toronto Maple Leafs e saiu com a vitória, apesar de não ter jogado bem.

Os goleiros da partida foram Roberto Luongo, pelos Panthers e Jonathan Bernier, pelos Leafs. Bernier havia vencido os últimos dois jogos pela equipe de Toronto, o que o manteve no gol para essa partida. 

Quem voltava de contusão e teve uma ótima partida foi Jussi Jokinen, que marcou dois gols no segundo período, abrindo vantagem para sua equipe. Jokinen, que é finlandês, disse que não conhece muito o dia de St. Patrick, que não é comemorado em seu país, mas que se ele conseguir marcar gols como os desse jogo, com certeza ainda vai jogar por muitos St. Patrick’s Days! Jokinen marcou aos 00m24s do segundo período, durante um powerplay para os Panthers, quando seu chute ao gol foi desviado por Ben Smith, que tirou Bernier do posicionamento para defender o chute. O segundo gol foi ainda mais bizarro. Jokinen tentou cruzar o puck e seu chute desviou no taco de Connor Carrick, voou por cima do ombro de Bernier, acertando as costas do goleiro e entrando, aos 09m22s. Morgan Rielly conseguiu descontar para os Leafs aos 16m33s.

O terceiro período viu os Leafs tentando de tudo pra chegar ao empate e Roberto Luongo defendendo todas essas chances de gol! Quando os Leafs retiraram Bernier para colocar um atacante extra, os Panthers marcaram dois gols, bem no final do jogo, selando a vitória. Jaromir Jagr marcou o seu 746º gol da carreira aos 17m54s e Teddy Purcell marcou aos 19m37s.

A derrota acabou com a sequência de vitórias dos Leafs, mas o jogo marcou a estréia de Connor Brown jogando na NHL.

No sábado os Leafs recebem o Buffalo Sabres no Air Canada Centre.

Go Leafs Goooooo

09/03/2016 – New York Islanders @ Toronto Maple Leafs

quinta-feira, 10 março 2016 Deixe um comentário

Apesar de a sequência de jogos estar nos trazendo derrotas consecutivas, o Toronto  Maple Leafs e seus jogadores novatos têm jogado muito bem. Alguns erros são sempre esperados, mas Zach Hyman, William Nylander e Nikita Soshnikov têm impressionado Mike Babcock.

O New York Islanders foi ao Air Canada Centre vindo de uma sequência de vitórias, mas sem o seu goleiro titular, Jaroslav Halak, que sofreu uma contusão na noite anterior, num jogo contra o Pittsburgh Penguins. Halak ficará fora por até seis semanas! Em seu lugar jogou Thomas Greiss. Pelos Leafs, Garret Sparks defendeu o gol. 

John Tavares foi quem abriu o placar aos 08m08s, aproveitando o seu próprio rebote. Os Leafs empataram o jogo com Zach Hyman. O jogador que estava em seu quinto jogo na NHL, tem demonstrado uma vontade incrível de se manter na equipe dos Leafs e tem sido muito aplicado. Após um chute de Colin Greening, defendido por Greiss, Hyman estava no lugar certo na hora certa e aproveitou o rebote para marcar o seu segundo gol na NHL, aos 11m27s.

O segundo período vou novamente os Leafs e os Isles trocarem gols. O primeiro foi marcado por Morgan Rielly, aos 10m45s em um powerplay. Rielly acertou um belo chute que foi no ângulo do gol de Greiss. Aos 12m54s, Anders Lee empatou para os Isles, com um wrist shot, que Sparks não conseguiu defender. 

O jogo seguia empatado e muito disputado até que, aos 14m41s do terceiro período, Ryan Strome partiu num contra-ataque, onde um defensor dos Isles simplesmente limpou a jogada na zona defensiva, mas o puck acabou indo na direção de Strome, que aproveitou e foi pra cima de Sparks. O goleiro dos Leafs defendeu parcialmente o chute, mas o puck acabou deslizando lentamente e cruzou a linha de gol, colocando os Islanders à frente. Babcock então resolveu retirar Sparks e colocar um jogador de linha a mais, além do fato dos Leafs terem um powerplay a seu favor, o que os deixava com dois jogadores a mais no gelo. Quem estava no lugar certo agora foi William Nylander, que segundo Babcock teve seu melhor jogo na NHL. Nylander empatou para os Leafs faltando apenas 01m13s para o final. 

A prorrogação terminou sem gols e a decisão foi levada ao shootout, onde o único a marcar foi Nikita Soshnikov, o jovem jogador russo, que demonstra ter habilidade, velocidade e não se acanha frente aos jogadores já experientes da NHL. Ele venceu Greiss com um chute de backhand!

É isso aí! A vitória nos trás mais confiança e evitamos bater o recorde de derrotas consecutivas nesta temporada!

Parabéns a Nylander, Hyman e Soshnikov! 

Go Leafs Go

%d blogueiros gostam disto: