Arquivo

Posts Tagged ‘Matt Read’

20/02/2016 – Philadelphia Flyers @ Toronto Maple Leafs

segunda-feira, 22 fevereiro 2016 Deixe um comentário

Os Leafs, após a derrota para os Rangers, receberam a visita do Philadelphia Flyers com Jonathan Bernier no gol, contra Steve Mason. 

O jogo começou muito bem para o Toronto Maple Leafs, que abriu o placar com Shawn Matthias em sua primeira atuação da noite no gelo, aos 01m29s. Os Leafs continuaram pressionando até por volta dos 07m00s, quando começaram a jogar realmente mal. Essa queda de qualidade proporcionou as chances que os Flyers acabaram por aproveitar. Aos 08m56s, Sam Gagner empatou para os Flyers. Apenas 39s depois os Flyers viraram o placar com um gol de Jakub Voracek aos 09m35s.

O ataque dos Flyers estava muito bem na noite e Brayden Schenn encontrou o caminho do gol de Bernier aos 00:57s do segundo período, vencendo Bernier por sobre a luva. Este gol acabou por retirar Bernier da partida, trazendo ao gol dos Leafs, James Reimer. Finalmente parece que as coisas melhoraram para os Leafs e aos 11m57s, Nick Spaling marcou seu primeiro gol pelos Leafs com uma assistência de Nazem Kadri. 

Kadri, aliás, estava jogando muitíssimo bem na noite e o gol de empate foi todo criado em uma jogada onde Kadri conduziu o puck a partir da zona defensiva dos Leafs, passou por três jogadores dos Flyers e, no último segundo, passou para Peter Holland marcar o gol de empate, aos 03m16s do terceiro período. Esse gol trouxe ainda mais energia aos Leafs que, logo após um gol anulado dos Flyers por interferência em Reimer, marcou o quero gol, aos 04m32s, com Byron Froese. Os Flyers chegaram a trocar o goleiro, pois Steve Mason sentia dores, e quem passou a defender o gol dos Flyers foi Michal Neuvirth. Infelizmente os Flyers chegaram ao gol de empate com Matt Read aos 05m04s, levando a decisão à prorrogação, que terminou em apenas 29s, quando os Flyers se aproveitaram de um contra-ataque e Shayne Gotisbehere deu o gol da vitória ao time visitante.

Os Leafs jogaram bem, e continuam demonstrando que jogam pela vitória até o fim, muito diferente das últimas temporadas. Esse é o jeito Babcock de jogar e, com certeza, vai trazer muitas alegrias em um futuro próximo!

Go Leafs Gooo

19/01/2016 – Toronto Maple Leafs @ Philadelphia Flyers

quarta-feira, 20 janeiro 2016 Deixe um comentário

Tentando espantar a má fase o Toronto Maple Leafs foi à Philadelphia enfrentar os Flyers, que não perdiam uma partida no tempo regular a sete jogos! 

As equipes encontram-se em fases totalmente opostas mas os Leafs vêm perdendo jogos devido a detalhes. O esforço e raça emitem estado presente nos Leafs, mas a equipe não tem brilhado, especialmente no ataque.

No gol dos Leafs, James Reimer fez uma ótima partida, defendendo muitos chutes e mantendo os Leafs no jogo e, pelo Philadelphia Flyers, Steve Mason também fez o que pode. 

No início do jogo os Leafs simplesmente foram dominados pelos Flyers e a diferença em chutes a gol chegou ao patamar de 11 a 1 para o time da Phildelphia. Aos 11m06s, Matt Read abriu o placar para os Flyers num powerplay. Só então parece que os Leafs acordaram e, aos 13m19s, num contra-ataque, Roman Polak conseguiu visualizar a jogada e o espaço aberto na defesa dos Flyers e se aproveitou de um rebote de Steve Mason para empatar a partida. Foi uma ótima jogada de Roman Polak! 

Joffrey Lupul, que não marcava gols a 12 partidas, voltou a marcar aproveitando um passe com o patins dado por Dion Phaneuf. Lupul estava na hora certa no local certo e não desperdiçou, colocando os Leafs à frente do placar aos 15m10s do segundo período.

Após cinco derrotas consecutivas, estar à frente no placar é algo motivador para os Leafs e eles mantiveram a pressão sobre os Flyers no terceiro período, até que aos 12m59s, Shaybe Gotisbehere fez uma excelente jogada e conseguiu bater Reimer, empatando o jogo. Os Leafs chegaram a marcar o terceiro, com Peter Holland, mas a revisão da jogada identificou que ele entrou na zona de ataque dos Leafs impedido, o que acabou invalidando o gol. Mesmo assim as equipes foram ao ataque e tanto Mason quanto Reimer tiveram trabalho. Faltando apenas 7,5s para o término do período, Matt Hunwick acertou um forte chute que desviou no joelho de Michael Del Zotto e tirou qualquer chance de Steve Mason defender. Foi o gol da vitória dos Leafs que encerraram a sequência de cinco derrotas!

Go Leafs Gooooo

29/03/2012 – Philadelphia Flyers @ Toronto Maple Leafs

sábado, 31 março 2012 Deixe um comentário

A maré de azar continua sobre a equipe dos Leafs. Após a derrota por 3 a 0 no Air Canada Centre, contra os Hurricanes, os Leafs estavam no aquecimento para receber o Philadelphia Flyers quando Clarke MacArthur chutou ao gol onde estava Jonas Gustavsson e o puck bateu na lateral do joelho do goleiro dos Leafs, que caiu ao chão com fortes dores. Gustavsson foi atendido e levado ao vestiário e ficou a dúvida sobre se ele retornaria para o jogo, se Jussi Rynnas seria o goleiro, se Gustavsson conseguiria ficar no banco e caso negativo, quem os Leafs chamariam, pois os goleiros dos Marlies, Ben Scrivens e Mark Owuya estavam muito longe, pois os Marlies jogariam na mesma noite.

Ao final a decisão foi a de manter Rynnas no gol e Gustavsson acompanhou o jogo do Banco.

Infelizmente para Rynnas, os Leafs não tiveram energia suficiente para enfrentar os poderosos Flyers e sucumbiram, mais uma vez, por um placar bem elástico.

No primeiro período Brayden Schenn marcou aos 05m34s e aos 11m01s, este último em powerplay. Os Leafs somente conseguiram o gol de honra aos 14m16s com Mikhail Grabovski, usando todo seu talento e vencendo o goleiro Sergey Bobrovsky.

O segundo período viu Wayne Simmonds marcar aos 03m55s e Matt Read aos 12m03s, enquanto os Leafs estavam com vantagem numérica. Ou seja Matt Read marcou um gol enquanto sua equipe estava com um jogador a menos no gelo.

No último período, os Flyers não diminuíram o ritmo. Eric Welwood ampliou o placar a favor dos Flyers aos 05m49s. Jakub Voracek marcou aos 07m51s e Wayne Simmonds marcou seu segundo gol da partida aos 11m44s. Placar final Flyers 7 x 1 Leafs.

Foi a primeira vez na história em que os Flyers “varreram” os Leafs, vencendo todos os quatro jogos entre as equipes durante a temporada regular.

E vamos logo rumo ao término da temporada, afinal, teremos uma loooonga pós-temporada para analisar o que Burke fará para melhorar a equipe.

GO Leafs GO e  Desculpe Rynnas … seu primeiro jogo na NHL foi uma derrota devastadora … não deveria ter sido assim!

%d blogueiros gostam disto: