Anúncios

Arquivo

Posts Tagged ‘Matt Hunwick’

14/02/2017 – New York Islanders @ Toronto Maple Leafs

quarta-feira, 15 fevereiro 2017 Deixe um comentário

Após pouco mais de uma semana o Toronto Maple Leafs voltou a enfrentar o New York Islanders, dessa vez no Air Canada Centre.

O jogo começou com as equipes empenhadas em vencer pois os Isles estavam apenas um ponto atrás dos Leafs na classificação geral, e disputando diretamente a segunda vaga de Wild Card para os playoffs, portanto foi um jogo chave, valendo 4 pontos.

Frederik Andersen jogou muito bem e manteve os Leafs no jogo com suas defesas. Aos 11m36s, Josh Leivo interceptou um passe do defensor dos Isles e chutou no ângulo esquerdo do goleiro Thomas Greiss, abrindo o placar. O mesmo Leivo havia perdido um gol minutos antes, chutando por cima do gol aberto. Aos 19m28s, Nazem Kadri desviou o chute de Nikita Zaitsev para o gol, aumentando a liderança. 

Com dois gols à frente do placar, os Leafs iniciaram o terceiro período e William Nylander marcou o terceiro dos Leafs após Greiss defender um chute de Roman Polak e o puck bater em sua “caneleira” e ir ao gol aos 09m26s. Jason Chimera acabou recebendo um penalty shot numa jogada em que eu não vi tal penalidade sendo cometida e aproveitou a chance para marcar o gol dos Isles aos 16m55s. 

O último período viu os Leafs dominando e isso se refletiu no placar com gols de Auston Matthews aos 05m41s e 11m51s, Tyler Bozak aos 07m16s e Matt Hunwick aos 15m40s, fechando o placar em 7 a 1 para o Toronto Maple Leafs. Após o sexto gol dos Leafs, Thomas Greiss foi substituído por Jean-Francois Berube, que acabou levando o sétimo gol dos Leafs.

Conseguimos nos manter na zona de classificação aos playoffs e a vitória nos dá mais confiança para os próximos jogos! Hoje, sem muito descanso, recebemos a visita do Columbus Blue Jackets, uma equipe perigosa e bem classificada. 

Go Leafs Gooooo

Anúncios

02/10/2016 – Montreal Canadiens @ Toronto Maple Leafs – Pré-temporada

segunda-feira, 03 outubro 2016 Deixe um comentário

Os Leafs enfrentaram os Canadiens pela primeira vez na pré-temporada, em casa. 

Foi o primeiro jogo dos Leafs com Auston Matthews. William Nylander e Mitch Marner também estavam no elenco e os Leafs saíram com a vitória na prorrogação. 

O Toronto Maple Leafs começou a partida atras no placar, após Jhonas Enroth sofrer um gol no primeiro período. 

A partir do segundo período os Leafs melhoraram e nossos defensores foram decisivos na partida. Nikita Zaitsev marcou um belíssimo gol, empatando e Morgan Rielly nos colocou à frente. Infelizmente os Canadiens encontraram um gol faltando 17s para o término da partida, vencendo Garret Sparks, levando a partida para a prorrogação.

Na prorrogação, Matt Hunwick, que vem jogando muito bem pelos Leafs, marcou o gol decisivo, recebendo um passe de James Van Riemsdyk, e nos dando a vitória.

Go Leafs Goooo

30/09/2016 – Toronto Maple Leafs @ Buffalo Sabres – Pré-temporada

segunda-feira, 03 outubro 2016 Deixe um comentário

Após a derrota nos pênaltis (shootout), os Leafs foram visitar os Sabres e a equipe conseguiu uma vitória indiscutível!

Os Leafs dominaram a partida inteira e terminaram com uma vitória por um placar de 8 a 1! 

Peter Holland e Matt Hunwick marcaram dois gols cada e, William Nylander, Kasperi Kapanen, Jake Gardiner e Rich Clube também marcaram! Frank Corrado teve uma noite muito boa, marcando três pontos, todos assistências! 

Os Leafs continuam se preparando para a temporada e as peças parecem estar encaixando.

Go Leafs Go

27/02/2016 – Toronto Maple Leafs @ Montreal Canadiens

segunda-feira, 29 fevereiro 2016 Deixe um comentário

No quarto jogo da temporada contra o rival, tanto os Leafs quanto os Canadiens tinham equipes diferentes, após trocas ocorridas nos últimos dias. Mas a rivalidade é tão grande que as equipes, membros dos Original Six, possuem toda uma história de 99 anos de confrontos.

No gol dos Leafs estava Jonathan Bernier e pelos Habs, Mike Condon. 

Apesar de jogar fora de casa os Leafs começaram bem a partida e abriram o placar aos 05m29s, com Matt Hunwick. Mal deu tempo de comemorar pois Alex Galchenyuk empatou apenas 92s depois, aos 07m01s. Com o jogo empatado, P.A. Parenteau sentiu uma contusão e deixou a partida próximo aos 10 minutos do primeiro período e não retornou. 

No segundo período, os Habs conseguiram virar o placar com Devante Smith-Pelly aos 10m39s. Apenas 3 minutos depois, Byron Froese saiu da partida após bloquear um chute a gol de P.K. Subban, que acabou quebrando a mão do jogador dos Leafs. 

Mesmo sem dois jogadores o Toronto Maple Leafs ainda tinha muita chance de empatar amparada no terceiro período, mas acabou sofrendo dois gols do capitão do Montreal Canadiens, Max Paccioretty, aos 06m23s e 08m07s. O terceiro gol dos Habs acabou desestabilizando a equipe de Toronto, que não conseguiu mais reagir. 
O Montreal Canadiens ganhou o décimo jogo seguido enfrentando o Toronto Maple Leafs e igualou o recorde histórico de sequência de vitórias sobre o rival obtido em 1958. O recorde de sequência de vitórias dos Leafs sobre os Canadiens é de 12 jogos. 

Os Leafs continuam a temporada hoje à noite, recebendo o Tampa Bay Lightning de Steven Stamkos, que pode vir a assinar com os Leafs na pós-temporada.

Go Leafs Gooo – Modo reconstrução ligado! 

19/01/2016 – Toronto Maple Leafs @ Philadelphia Flyers

quarta-feira, 20 janeiro 2016 Deixe um comentário

Tentando espantar a má fase o Toronto Maple Leafs foi à Philadelphia enfrentar os Flyers, que não perdiam uma partida no tempo regular a sete jogos! 

As equipes encontram-se em fases totalmente opostas mas os Leafs vêm perdendo jogos devido a detalhes. O esforço e raça emitem estado presente nos Leafs, mas a equipe não tem brilhado, especialmente no ataque.

No gol dos Leafs, James Reimer fez uma ótima partida, defendendo muitos chutes e mantendo os Leafs no jogo e, pelo Philadelphia Flyers, Steve Mason também fez o que pode. 

No início do jogo os Leafs simplesmente foram dominados pelos Flyers e a diferença em chutes a gol chegou ao patamar de 11 a 1 para o time da Phildelphia. Aos 11m06s, Matt Read abriu o placar para os Flyers num powerplay. Só então parece que os Leafs acordaram e, aos 13m19s, num contra-ataque, Roman Polak conseguiu visualizar a jogada e o espaço aberto na defesa dos Flyers e se aproveitou de um rebote de Steve Mason para empatar a partida. Foi uma ótima jogada de Roman Polak! 

Joffrey Lupul, que não marcava gols a 12 partidas, voltou a marcar aproveitando um passe com o patins dado por Dion Phaneuf. Lupul estava na hora certa no local certo e não desperdiçou, colocando os Leafs à frente do placar aos 15m10s do segundo período.

Após cinco derrotas consecutivas, estar à frente no placar é algo motivador para os Leafs e eles mantiveram a pressão sobre os Flyers no terceiro período, até que aos 12m59s, Shaybe Gotisbehere fez uma excelente jogada e conseguiu bater Reimer, empatando o jogo. Os Leafs chegaram a marcar o terceiro, com Peter Holland, mas a revisão da jogada identificou que ele entrou na zona de ataque dos Leafs impedido, o que acabou invalidando o gol. Mesmo assim as equipes foram ao ataque e tanto Mason quanto Reimer tiveram trabalho. Faltando apenas 7,5s para o término do período, Matt Hunwick acertou um forte chute que desviou no joelho de Michael Del Zotto e tirou qualquer chance de Steve Mason defender. Foi o gol da vitória dos Leafs que encerraram a sequência de cinco derrotas!

Go Leafs Gooooo

07/10/2015 – Montreal Canadiens @ Toronto Maple Leafs – Season Opener

sexta-feira, 09 outubro 2015 Deixe um comentário

Depois de muita ansiedade proveniente da pós-temporada, a Leafs Nation esteve presente em massa no Air Canada Centre para o jogo de abertura da temporada 2015-16, um jogo contra o rival “Original Six”, Montreal Canadiens.

Este jogo marcou a estréia de muitas caras novas nos Leafs, começando pelo técnico Mike Babcock, considerado o melhor técnico da NHL, e passando por nomes como Shawn Mathias, Brad Boyes, Matt Hunwick, P. A. Parenteau, Nick Spaling, Mark Arcobello, Scott Harrington e outros! É o início do processo de reconstrução da equipe que, segundo o próprio Mike Babcock, vai ser um processo doloroso.

No gol dos Leafs estava Jonathan Bernier, enfrentando o melhor goleiro da liga da temporada passada, Carey Price. 

O jogo começou quente, com os Leafs pressionando os Habs e jogando muito bem. Somente aos 03m09s, Max Pacioretty desferiu o primeiro chute ao gol de Bernier, mas o goleiro dos Leafs acabou por não bloquear o disco totalmente. O puck (disco) resvalou em seu ombro direito, caiu atrás de Bernier e lentamente foi escorregando para dentro do gol de Toronto. Morgan Rielly ainda tentou salvar, mas o puck já havia cruzado a linha do gol! Foi um início frustrante para Bernier e um gol que considero totalmente evitável. Mesmo com um gol atrás no placar os Leafs continuaram pressionando mas não chegaram ao empate no primeiro período, obra da extraordinária qualidade de Carey Price.

Logo no comecinho do segundo período os Leafs foram agraciados com uma oportunidade de vantagem numérica (powerplay) e, aos 00m19s, James Van Riemsdyk desvia o puck com a lâmina do patins e empata para os Leafs! Ainda no segundo período, os Habs marcaram mais um gol e foi a hora de Mike Babcock fazer uso de uma nova regra é pedir a revisão da jogada, pois tinha indícios de que houve interferência em Jonathan Bernier. O questionamento de Babcock se mostrou correto e o gol acabou sendo anulado! 

Com o jogo empatado com um gol para cada equipe, fomos ao terceiro e decisivo período e os Leafs estavam jogando bem, sempre pressionando os Habs, mas muitas vezes sem levar perigo ao gol de Price. Somente aos 12m02s, Alex Galchenyuk colocou os Habs à frente! Os Leafs bem que tentaram o empate e até mesmo retiraram Bernier faltando dois minutos para o final da partida, visando jogar com vantagem numérica no ataque, mas após a perda de um faceoff no ataque, P.K. Subban deu um passe perfeito, colocando Max Pacioretty sozinho contra o gol vazio da equipe da casa, fechando o placar por 3 a 1.

O placar não demonstra a superioridade dos Leafs na partida. Se formos analisar a partida em números, os Leafs foram melhor, entretanto a diferença e a vitória foram conseguidas com Carey Price, sempre muito sólido no gol de Montreal.

Começar a temporada perdendo não é um bom sinal, mas temos que ter muita paciência nesta reconstrução da equipe! Hoje temos jogo contra os Red Wings, ex-equipe de Mike Babcock. Perdemos dois jogos na pré-temporada para eles, mas cada jogo é um jogo!

Go Leafs Go

Leafs contratam Matt Hunwick por 2 anos

terça-feira, 07 julho 2015 Deixe um comentário

O Toronto Maple Leafs iniciou o período de agentes livres, free agency, com uma contratação pequena, sem maiores estardalhaços, contratando os serviços do defensor veterano Matt Hunwick.

A negociação, de acordo com o site Sportsnet, tem o valor total de $2.4 milhões de dólares e impacta o Cap anualmente com $1.2 milhão de dólares.

Hunwick, 30 anos, marcou 11 pontos em 55 jogos pelos Rangers no ano passado e jogou seis jogos nos playoffs. O jogador já jogou pelos Bruins e Avalanche, antes de jogar pelos Rangers.

Seja bem-vindo aos Leafs!

%d blogueiros gostam disto: