Anúncios

Arquivo

Posts Tagged ‘Josh Leivo’

23/03/2017 – New Jersey Devils @ Toronto Maple Leafs

sexta-feira, 24 março 2017 Deixe um comentário

Parece que o Toronto Maple Leafs está jogando como os torcedores sempre rezaram e pediram! A equipe está na zona de classificação aos playoffs e joga os 60 minutos com a mesma atenção e intensidade. Ontem a vítima foi o New Jersey Devils, que foi ao Air Canada Centre.

Os Leafs não saíram na frente. John Moore acabou marcando num chute que, apesar de defendido por Curtis McElhinney, acabou indo por baixo de suas pernas e entrou no cantinho do gol aos 02m59s. Os Leafs não mudaram seu jogo  e aos 05m46s, em powerplay, Josh Leivo, que havia ficado 10 jogos sem ser escalado nos Leafs, aproveitou um puck perdido atrás de Keith Kincaid após um chute de Auston Matthews, num powerplay para os Leafs. Com o jogo empatado, os Leafs ganharam ainda mais confiança e William Nylander marcou um belíssimo gol aos 18m17s.

Nem bem o segundo período começou e os Leafs marcaram o terceiro com com James Van Riemsdyk aproveitando um rebote de Kincaid após um chute de Mitch Marner aos 02m04s. 

John Moore voltou a marcar para os Devils aos 09m04s, num powerplay para os Devils com dois jogadores a mais no gelo, após vários jogadores terem se envolvido em brigas. Isso deixou-nos time visitante a somente um gol do empate e os Devils pressionaram para igualar o placar, mas McElhinney e a defesa dos Leafs estavam bem. Connor Brown fechou o placar aos 19m14s, com um gol em Empty-Net. 

Com a vitória, os Leafs se distanciaram 3 pontos dos Boston Bruins e se aproximaram dos Senators. Esse jogo também viu Nylander quebrar o recorde de jogos consecutivos marcando pontos por um novato, conseguindo o feito em 10 jogos consecutivos. Marner empatou o recorde de Gus Bodnar, com 40 assistências em sua primeira temporada na NHL e Matthews conseguiu empatar o recorde de número de gols de um novato em sua primeira temporada nos Leafs, empatando com Wendel Clark, com 40 gols! Tanto Matthews quanto Marner ainda têm 9 jogos ainda por jogar, o que deve fazê-los quebrar esse recorde!

Josh Leivo jogou muito bem e deveria ser mantido no elenco! 

Nosso próximo jogo será contra o Buffalo Sabres e podemos simplesmente colar nos Senators. Hoje estamos a 3 pontos e podemos ficar a somente 1!!! 

Go Leafs Gooooooo

Anúncios

14/02/2017 – New York Islanders @ Toronto Maple Leafs

quarta-feira, 15 fevereiro 2017 Deixe um comentário

Após pouco mais de uma semana o Toronto Maple Leafs voltou a enfrentar o New York Islanders, dessa vez no Air Canada Centre.

O jogo começou com as equipes empenhadas em vencer pois os Isles estavam apenas um ponto atrás dos Leafs na classificação geral, e disputando diretamente a segunda vaga de Wild Card para os playoffs, portanto foi um jogo chave, valendo 4 pontos.

Frederik Andersen jogou muito bem e manteve os Leafs no jogo com suas defesas. Aos 11m36s, Josh Leivo interceptou um passe do defensor dos Isles e chutou no ângulo esquerdo do goleiro Thomas Greiss, abrindo o placar. O mesmo Leivo havia perdido um gol minutos antes, chutando por cima do gol aberto. Aos 19m28s, Nazem Kadri desviou o chute de Nikita Zaitsev para o gol, aumentando a liderança. 

Com dois gols à frente do placar, os Leafs iniciaram o terceiro período e William Nylander marcou o terceiro dos Leafs após Greiss defender um chute de Roman Polak e o puck bater em sua “caneleira” e ir ao gol aos 09m26s. Jason Chimera acabou recebendo um penalty shot numa jogada em que eu não vi tal penalidade sendo cometida e aproveitou a chance para marcar o gol dos Isles aos 16m55s. 

O último período viu os Leafs dominando e isso se refletiu no placar com gols de Auston Matthews aos 05m41s e 11m51s, Tyler Bozak aos 07m16s e Matt Hunwick aos 15m40s, fechando o placar em 7 a 1 para o Toronto Maple Leafs. Após o sexto gol dos Leafs, Thomas Greiss foi substituído por Jean-Francois Berube, que acabou levando o sétimo gol dos Leafs.

Conseguimos nos manter na zona de classificação aos playoffs e a vitória nos dá mais confiança para os próximos jogos! Hoje, sem muito descanso, recebemos a visita do Columbus Blue Jackets, uma equipe perigosa e bem classificada. 

Go Leafs Gooooo

21/03/2016 – Calgary Flames @ Toronto Maple Leafs

terça-feira, 22 março 2016 Deixe um comentário

Vindos de duas vitórias, o Toronto Maple Leafs recebeu a visita do Calgary Flames, que havia vencido o Montreal Canadiens na noite anterior.

Jonathan Bernier estava de volta ao gol dos Leafs e realizou uma ótima partida. Pelos Flames, Jonas Hiller estava no gol.

Os Leafs mais uma vez dominaram o jogo, apesar de, por muitas vezes, não estarem à frente no número de chutes a gol. O placar foi aberto aos 11m27s do primeiro período, quando Jonas Hiller cometeu um erro atrás do gol e passou o puck para William Nylander, que encontrou PA Parenteau livre em frente ao gol.

O empate dos Flames só veio no segundo período e em um powerplay com vantagem de 5 contra 3, quando Matt Stajan marcou o gol chutando de um ângulo bem fechado e vencendo Bernier por sobre o ombro aos 10m25s. Zach Hyman acabou por desviar um chute de Nylander aos 14m26s, colocando os Leafs novamente à frente no placar. A liderança não durou muito, pois Joe Colborne disputava espaço na frente do gol de Bernier e um chute de Mark Giordano acabou batendo em seu corpo e acabou no fundo do gol, aos 17m32s.

A decisão ficou para o terceiro período e o jogador decisivo foi William Nylander que marcou o gol num chute à distância, aos 00m29s. Nylander marcou o gol da vitória e duas assistências nos gols anteriores na primeira partida com três pontos na NHL. Quando o jogo estava no final, com o Calgary Flames em empty-net, sem goleiro, os Leafs marcaram com Colin Greening aos 18m39s e Josh Leivo aos 19m33s. 

Segundo Mike Babcock, Nylander é um jogador muito inteligente e que está se adaptando bem à NHL, e mais importante que os gols e assistências foi o seu jogo defensivo. Nylander, segundo Babcock, é um jogador que sabe o que fazer e o que o técnico vai pedir à ele. Parabéns ao Nylander pelo jogo com três pontos! Com certeza será uma das estrelas dos Leafs por muitos anos! 

Go Leafs Gooooo

Go Nylander Goooo

25/02/2016 – Carolina Hurricanes @ Toronto Maple Leafs

sexta-feira, 26 fevereiro 2016 Deixe um comentário

Buscando se aproximar da segunda vaga de Wild Card, hoje ocupada pelo Pittsburgh Penguins, o Carolina Hurricanes foi ao Air Canada Centre enfrentar o Toronto Maple Leafs. 

Os Leafs estão em meio a uma grande reconstrução e já negociou alguns de seus jogadores, com mais negociações ainda por vir até dia 29 de fevereiro, data limite de trocas na NHL. 

Os Leafs também anunciaram que dois de seus mais experientes jogadores ficarão fora de ação pelo restante da temporada: James Van Riemsdyk e Joffrey Lupul. A contusão de ambos não conseguirá ser totalmente curada a tempo de voltarem para essa temporada.

No gol dos Leafs, Jonathan Bernier fez uma ótima partida e foi decisivo em várias jogadas que poderiam ter deixado os Leafs em desvantagem no placar. Quem abriu o placar foi o time da casa, com Brad Boyes aproveitando um rebote de Cam Ward num chute de Morgan Rielly aos 10m12s, num powerplay para os Leafs após John-Michael Liles ter cometido penalidade. Liles se redimiu aos 16m01s, quando acertou um forte chute da linha azul, vencendo Bernier. 

Os Leafs jogaram muito melhor que os Hurricanes no primeiro período e levaram essa determinação para os outros. Josh Leivo marcou o segundo dos Leafs em um belíssimo contra-ataque. P.A. Parenteau partiu sozinho contra um defensor e Josh Leivo o acompanhou, recebeu o passe e colocou no fundo da rede aos 05m33s do segundo período. 

Para fechar a partida, os Leafs marcaram mais um, no terceiro período, aos 15m59s, desta vez marcado por P.A. Parenteau, um dos jogadores que podem receber o interesse de equipes ainda com possibilidade de disputar a Stanley Cup nessa temporada. Ele procura não pensar sobre isso, mas é quase certo que deverá ser trocado, já que possui contrato apenas por essa temporada. 

Os Leafs deixaram para trás uma sequência de 4 derrotas e vão à Montreal para enfrentar os Canadiens no sábado.

Go Leafs Gooooooo

11/02/2016 – Toronto Maple Leafs @ Edmonton Oilers

sexta-feira, 12 fevereiro 2016 Deixe um comentário

Continuando a série de jogos fora de casa os Leafs foram visitar Connor McDavid e os Edmonton Oilers.

Neste jogo o goleiro da equipe foi Jonathan Bernier, que enfrentou Cam Talbot pelos Oilers.

Infelizmente para os Leafs, Connor McDavid, que cresceu próximo à Toronto, em Richmond Hill, Ontario, e torceu pelos Leafs durante toda a infância, teve uma noite excepcional.

Aos 03m29s, o ataque dos Oilers fez uma rápida troca de passes e deixou McDavid sozinho contra Bernier. O jovem jogador dos Oilers se utilizou de sua velocidade e venceu o goleiro dos Leafs com um drible, abrindo o placar. Josh Leivo se aproveitou de um erro dos Oilers na zona neutra e empatou para os Leafs aos 08m06s. Foi o segundo gol de Leivo em jogos consecutivos, mas o jogador saiu do gelo com uma contusão e não retornou. 

O jogo estava disputado, mas os Oilers pareciam mais hábeis em aproveitar as oportunidades dadas pelos Leafs. Jordan Eberle voltou a colocar os Oilers à frente aos 06m25s. Num powerplay aos 18m36s, Eberle novamente marca e coloca os Oilers à frente com dois gols de vantagem. Felizmente Jake Gardiner conseguiu uma boa jogada e diminuiu para os Leafs faltando apenas 15s para o término do período.

Realmente a noite foi de McDavid e de Eberle e ambos marcaram no terceiro período, aos 13m55s e em Empty-net, faltando 54s para o final do jogo, respectivamente. McDavid anotou 5 pontos na partida com seus dois gols e três assistências, uma em cada gol de Eberle. 

Este foi o primeiro jogo de Colin Greening pelos Leafs, mas o jogador acabou com um rating plus/minus de -2, ou seja, enquanto estava no gelo, os Leafs sofreram dois gols. 

É isso … Os Leafs não jogaram mal, mas sentimos falta de alguns de nossos jogadores contundidos e demonstramos que ainda necessitamos contratar melhores jogadores para as próximas temporadas. Mas é como Mike Babcock disse: Haverá dor, antes de conseguirmos resultados! 

Go Leafs Gooooo

09/02/2016 – Toronto Maple Leafs @ Calgary Flames

quinta-feira, 11 fevereiro 2016 Deixe um comentário

O Toronto Maple Leafs iniciou um roteiro de jogos fora de casa, enfrentando o Calgary Flames, que acabou por não escalar dois de seus melhores atacantes, Sean Monahan e Johnny Gaudreau, pois eles haviam cometido erros em jogos anteriores. 

Pelos Leafs, o clima estava um pouco estranho após a divulgação de uma negociação envolvendo 9 jogadores com o Ottawa Senators, incluindo o capitão da equipe, Dion Phaneuf. Queira ou não, os jogadores sentem essas negociações pois tiveram relacionamentos de amizade com os jogadores que deixam a equipe. 

No Gol dos Leafs, James Reimer e, pelos Flames, Jonas Hiller.

Num powerplay para os Leafs, Markus Granlund, voltando à equipe dos Flames após alguns jogos sem atuar, marcou o primeiro gol da partida aos 10m40s, com sua equipe em desvantagem numérica, shorthanded, mas os Leafs revidaram em apenas 44s, no mesmo powerplay, aos 11m34s, com Peter Holland. Ao final do período, aos 18m03s, os Flames tiveram um powerplay e voltaram a marcar, dessa vez com Mikael Backlund.

Aos 04m06s, Micheal Ferland amplia para os Flames, no segundo período e Dougie Hamilton ainda marcou o quarto gol dos Flames aos 14m08s. Com 4 a 1 no placar, os Leafs não desistiram e ainda tentaram pressionar os Flames. Isso acabou trazendo resultados. Aos 17m17s, Josh Leivo diminuiu para os Leafs.

No terceiro período a equipe de Toronto voltou muito bem, mas somente conseguiu mais um gol, aliás, um belíssimo gol, marcado por Jake Gardiner que partiu com o puck da zona de defesa, passou pelos jogadores dos Flames e chutou forte, vencendo Jonas Hiller aos 08m37s. Infelizmente a reação dos Leafs acabou por aí e os Flames ficaram com a vitória. 

A equipe pode ter sentido a falta de Phaneuf, mas os Leafs também tiveram os desfalques de James Van Riemsdyk, Tyler Bozak, Joffrey Lupul e Shawn Matthias. 

Hoje, 11/02/2016, enfrentaremos o Edmonton Oilers!

Go Leafs Gooo

22/09/2013 – Buffalo Sabres @ Toronto Maple Leafs – Pré-temporada

segunda-feira, 23 setembro 2013 2 comentários

Na noite de ontem, os Leafs receberam a visita dos Sabres no Air Canada Centre. Estes mesmos times se enfrentaram no sábado, em Buffalo, e os Leafs saíram com a vitória após empatar por 2 gols no tempo regular e depois de disputarem 15 rodadas de pênaltis (shootout).

Para este jogo, os Leafs escalaram Jonathan Bernier no gol.

Phil Kessel marcou seus dois primeiros gols da pré-temporada e os Leafs conseguiram segurar um momento melhor para os Sabres no terceiro período, assegurando a vitória por 5 a 3.

Os Leafs também tiveram gols de Trevor Smith, Josh Leivo e Jake Gardiner enquanto Nikita Zadorov, Jamie McBain e Corey Tropp marcaram para Buffalo.

Kessel se envolveu na principal briga do jogo, quando aos 10m01s do terceiro período ele foi alvo do ataque do jogador John Scott dos Sabres, segundos após uma briga entre Jamie Devane dos Leafs e Corey Tropp dos Sabres.

Kessel fugiu de Scott enquanto desferiu duas tacadas nas pernas do forte jogador dos Sabres, antes que seus companheiros de equipe chegassem para segurar Scott, que em comparação com Kessel é muito mais alto e forte que o jogador dos Leafs.

Essa ação entre Kessel e Scott iniciou uma briga generalizada com David Clarkson, dos Leafs, saltando para o gelo, a partir do banco da equipe para se juntar aos outros jogadores, defendendo a integridade dística de Kessel, e uma briga entre os goleiros Ryan Miller dos Sabres e Jonathan Bernier dos Leafs.

Ao final do jogo, os bancos de ambas equipes estavam praticamente vazios após inúmeras penalidades aplicadas, com punição de 10 minutos fora do gelo.

Após o jogo, David Clarkson e Phil Kessel podem vir a ser punidos pelas brigas.

Foi muito bom ver Bernier brigando com Ryan Miller. Isso deu ao goleiro dos Leafs o apoio da torcida que sentiu que ele também quis defender Kessel e pode contar com ele.

Go Leafs Go!!!!!!!!!!!

%d blogueiros gostam disto: