Início > Air Canada Centre, Derrota, Derrota OT, NHL, NHL Game, Toronto Maple Leafs > 09/03/2015 – New York Islanders @ Toronto Maple Leafs

09/03/2015 – New York Islanders @ Toronto Maple Leafs

terça-feira, 10 março 2015 Deixe um comentário Go to comments

Com o New York Islanders lutando para manter a liderança da divisão Metropolitan, o Toronto Maple Leafs sabia que teria um jogo muito difícil pela frente e, qualquer erro nos levaria a uma nova derrota. 

Com isso em mente os Leafs entraram no gelo determinados a mostrar que em casa, no Air Canada Centre, ele pode e vai fazer de tudo para dificultar a vida dos adversários. O primeiro período foi muito disputado e os Isles não conseguiram impor seu jogo. Aos 18m23s, David Booth partiu com o puck para o ataque e num esforço para alcançar o puck, conseguiu desferir um belo chute que venceu Michal Neuvirth por sobre o ombro direito, abrindo o placar do jogo. Foi o quarto gol de David Booth na temporada e o atacante parece ter encontrado o caminho, pois marcou um gol em cada um dos últimos três jogos! 

No segundo período os Leafs, apesar de darem menos chutes ao gol de Neuvirth, controlavam a partida e Jonathan Bernier estava em uma ótima noite, sempre bem posicionado e defendendo tudo. Peter Holland ampliou para os Leafs aos 10m27s. Com dois gols de vantagem, tudo nos levava a crer que os Leafs manteriam o ritmo e sairiam com uma boa vitória contra uma forte equipe.

Mas veio o terceiro período e os Leafs voltaram a apresentar o “defeito” que tiveram por toda a temporada: não conseguir segurar a liderança no placar. Aos 01m32s Tyler Kennedy finalmente conseguiu vencer Bernier e este gol deu aos Isles a esperança e confiança para pressionar os Leafs. Mesmo com um gol de James Van Riemsdyk aos 06m06s, os Isles foram pra cima e não desistiram. A pressão deu frutos e aos 09m58s, Frans Nielsenmarcou o segundo dos Isles num powerplay, após penalidade cometida por David Booth. Os Leafs pareceram sentir o golpe e apenas 30s depois, aos 10m28s, concederam o gol de empate, marcado por Casey Cizikas. O restante do período até viu os Leafs tentarem recuperar a liderança da partida, mas foi a vez de Neuvirth salvar os Islanders. 

Com a partida já na prorrogação, os Leafs pressionaram muito, mas faltando apenas 21,8s para que a decisão fosse levada aos pênaltis, John Tavares, o capitão dos Islanders, partiu com o puck dominado para cima da defesa dos Leafs, numa atitude que hoje falta na equipe de Toronto, e protegeu bem o puck até conseguir chutar fraco, mas já com Bernier um pouco fora de posição. Foi o gol da vitória dos Isles, que mereceram pelo controle e esforço, ou raça em virar um placar de 3 a 1.

A jogada de John Tavares, que definiu a partida, me traz muita saudade dos tempos em que tínhamos o “Captain Clutch”, Mats Sundin, em nossa equipe. Sundin com certeza iria para cima e tentaria de tudo para nos levar às vitórias! 

Parabéns aos Islanders! Parabéns a John Tavares que mostrou o que um capitão deve fazer por sua equipe! 

Aos Leafs deixo apenas a frase: “Melhor um ponto na mão do que dois! Assim podemos ainda competir pela escolha de draft que nos daria direito a selecionar Connor McDavid!” 

Go Leafs Go

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: