17/10/2022 – Coyotes @ Leafs

terça-feira, 18 outubro 2022 Deixe um comentário Go to comments

Com duas vitórias e uma derrota, o próximo visitante no Scotiabank Arena foi o Arizona Coyotes, que vai começar a temporada com uma longa lista de jogos fora de casa!

No gol dos Leafs, após a contusão de Matt Murray, que vai deixar o goleiro fora de ação por lê-lo menos 4 semanas, Erik Kallgren foi o convocado, dando um descanso a Ilya Samsonov.

O time dos Coyotes é o segundo mais novo da NHL e a maior experiência dos Leafs deveria se sobressair. Apesar dos Leafs terem mais chutes ao gol e mais tempo de controle do puck no ataque, foram os Coyotes que abriram o placar no primeiro período com um gol de Nick Ritchie, que já jogou nos Leafs, sem muito resultado. Foi o terceiro gol de Ritchie na temporada, em três jogos. Os Leafs ainda não parecem entrosados e os jogadores parecem não saber onde os outros estão no gelo. O time parece perdido, sem uma coordenação.

No segundo período, os Leafs continuam sem se impor e após uma batalha pelo puck atrás do gol dos Leafs, onde três jogadores dos Leafs, incluindo Morgan Rielly e Justin Holl, perdem o puck e Christian Fischer marca ao receber um passe de Nick Bjugstad e chutar forte, à queima roupa. Os Leafs tentam, mas sem uma estrutura de jogo, são sempre bloqueados pelos jogadores dos Coyotes. É frustrante para os jogadores e ainda mais para nós, torcedores. A equipe não consegue sequer levar perigo nos powerplays! E comete penalidades básicas, como “Too Many Men” , ou seja falta de atenção.

Veio o terceiro e último período e, durante os primeiros 13 minutos de jogo, os Leafs não fizeram nada e, se não fosse Erik Kallgren, os Coyotes teriam um placar mais elástico. Entretanto, como estamos falando dos Leafs, a equipe teve uma faísca de esperança quando William Nylander marcou aos 12m54s, e poucos segundos depois, quando Mitch Marner empatou a partida aos 13m18s. O jogo continuou eletrizante após o empate, até que, num powerplay após Calle Jarnkrok cometer interferência em Shayne Gotisbehere, Gotisbehere marcou para os Coyotes! A jogada desse gol foi um resumo da partida. Justin Holl tentou sair jogando e pressionado tentou passar o puck, que foi interceptado na zona de ataque dos Coyotes, que marcaram o gol.

Quando parecia que os Leafs iam ser derrotados, o que seria até justo após a partida horrível que teve essa noite, sendo inclusive vaiado pela torcida que não via organização na equipe, faltando 39s, Alexander Kerfoot conseguiu marcar o gol de empate, se aproveitando de um rebote do chute de John Tavares! Muita alegria e comemoração, mas o técnico dos Coyotes pediu revisão no lance é, após muito analisar, os árbitros disseram ter identificado que Morgan Rielly em sua tentativa de segurar o puck com a mão, acabou cometendo um “hand pass” e anulou o gol!

Morgan Rielly tentou segurar o puck com sua luva, mas um jogador dos Coyotes, disputando a jogada, acertou a mão dele com o taco, o puck resvalou na mão e caiu no gelo aos pés de Rielly, que protegeu o puck com o corpo e deixou Mitch Marner recupera-lo e chutar alto, para continuar a jogada, até que Kerfoot marcou. Eu não vejo como essa jogada poderia ser considerada Hand Pass, pois Rielly não controla o puck com a mão e o jogo ao chão. Após o contato com o taco, o puck resvala, se é que resvala, na mão dele e vai ao gelo. Não houve qualquer controle do puck ou direcionamento do mesmo ao Marner. Mas enfim, o gol foi anulado e ainda levamos mais um, com o gol sem goleiro, Empty Net, marcado por Lawson Crouse, em outra jogada em que os defensores dos Leafs dormiram e tiveram um passe interceptado. Final de partida, Coyotes 4 – Leafs 2.

Eu diria que foi uma derrota merecida. A equipe não apresentou nada de forma consistente. Keefe tem muito trabalho pela frente para ajeitar esse time. Adicionalmente, pode ser que tenhamos perdido Jake Muzzin por algum tempo, pois ele sentiu uma lesão, provavelmente no pescoço, e não voltou ao gelo para o terceiro período. Não que Muzzin estivesse jogando super bem, mas é um dos nossos defensores mais experientes. Com Liljgren, Dahlstrom e Jordy Ben contundidos, a lista de defensores disponíveis está cada vez menor!

O próximo jogo será contra o Dallas Stars, ainda no Scotiabank Arena, no dia 20/10. Que Sheldon Keefe encontre alguma solução para fazer com que esse grupo trabalhe bem e de forma estruturada e organizada no gelo!

Go Leafs Goooooo – Pelo Amor de Deus, Goooo!

2 Vitórias e 2 Derrotas até agora!

  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: