Anúncios
Início > Derrota, NHL, NHL Game, Sent to the Marlies, Toronto Maple Leafs > 02/12/2015 – Toronto Maple Leafs @ Winnipeg Jets

02/12/2015 – Toronto Maple Leafs @ Winnipeg Jets

quinta-feira, 03 dezembro 2015 Deixe um comentário Go to comments

O Toronto Maple Leafs iniciou uma viagem com cinco jogos na agenda, sendo o primeiro deles uma visita aos Winnipeg Jets. 

No dia do jogo os torcedores dos Leafs receberam uma noticia que gerou diferentes sentimentos: Jonathan Bernier foi enviado ao Toronto Marlies, time afiliado aos Leafs na AHL, por um período de 10 dias, para recuperar forma física, já que vinha jogando pouco com a excelente performance de James Reimer, e para recuperar a confiança. Com isso, Garret Sparks ganhou a sua segunda partida na NHL.

Os Leafs começaram bem e logo aos 02m02s, Michael Grabner marcou seu primeiro gol pelos Leafs, recebendo um belo passe de Daniel Winnik. Mas os Leafs não mantiveram o bom momento e os Jets pressionaram, chegando ao empate aos 08m25s, com Drew Stafford. Após o gol os Leafs iniciaram uma queda de atenção e a defesa simplesmente deixava buracos para o ataque dos Jets aproveitarem, além da equipe começar a cometer penalidades. Numa dessas penalidades, aos 17m32, Drew Stafford marcou o segundo gol e virou o placar. Sparks foi para um lado do gol para fazer a defesa e o passe cruzou o crease, área do gol, chegando a Stafford, que chutou com o gol praticamente aberto.

O segundo período foi muito disputado, mas não produziu gols. Sparks efetuou boas defesas e manteve os Leafs na partida.

Não sei o que aconteceu, mas os Leafs voltaram muito mal para o terceiro período. A defesa não conseguia conter o ataque ou contra-ataque dos Jets e os chutes a gol acabaram deixando Sparks sozinho contra os jogadores dos Jets. Isso resultou em quatro gols no período, com Sparks podendo fazer muito pouco. O primeiro gol foi de Mark Scheifele aos 01m25s, chutando por cima da luva de Sparks. Os Leafs marcaram um gol, com Nick Spaling, mas após revisão, o gol foi anulado, pois foi considerado que Daniel Winnik interferiu na movimentação do goleiro da Jets, Connor Hellebuyck, outro novato em sua segunda partida na NHL, que está jogando após a contusão de Ondrej Pavelec. Na minha opinião, Daniel Winnik foi empurrado por Tyler Myers e não havia como ele evitar um contato inicial com Hellebuyck, mas essas decisões estão cada vez mais subjetivas. Depois marcou Andrew Ladd aos 02m43s, num belo chute por cima do ombro de Sparks. Bryan Little marcou aos 10m53s e Anthony Peluso fechou o placar aos 17m53s.

Aos Leafs restou apenas aceitar que jogaram mal e se preparar para o jogo de hoje à noite, contra o Minnesotta Wild. Sparks não deve ser avaliado somente por esse jogo, afinal a equipe o deixou na mão por diversas vezes e ele ainda é um goleiro novo, que está ganhando experiência na NHL.

Go Leafs Goooo

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: