Início > Derrota, NHL, NHL Game, Toronto Maple Leafs > 02/03/2016 – Toronto Maple Leafs @ Washington Capitals

02/03/2016 – Toronto Maple Leafs @ Washington Capitals

quinta-feira, 03 março 2016 Deixe um comentário Go to comments

O Washington Capitals recebeu os Leafs pela primeira vez após a troca realizada onde Daniel Winnik e Brooks Laich trocaram de equipe. Brooks Laich que jogou por 10 anos defendendo os Capitals foi ovacionado pelos torcedores, o que demonstra o ótimo jogador é pessoa que ele foi para a comunidade da capital dos Estados Unidos.

Com Jonathan Bernier no gol, o Toronto Maple Leafs enfrentou os Capitals de Alexander Ovechkin e, apesar de lutarem muito pela vitória, acabaram sendo derrotados por apenas um gol de diferença.

No primeiro período, faltando menos de dois minutos para o primeiro intervalo da partida, os Leafs cometeram erros que foram aproveitados pelos Capitals. Aos 18m15s, Taylor Chorney aproveitou o erro de Connor Carrick para abrir o placar. Menos de 30 segundos depois, aos 18m43s, foi a vez de Ovechkin aproveitar um passe que cruzou a defesa dos Leafs sem ser interceptado e mandar para o fundo das redes com um chute de Backhand. 

Terminar o primeiro período atrás no placar não era o plano dos Leafs, mas a equipe soube administrar e correr atrás do prejuízo. Logo no início do segundo período, Nikita Soshnikov, um dos novatos trazidos dos Marlies, marcou seu primeiro gol na NHL. Foi um belíssimo gol, um wrist shot, sem chances para o goleiro dos Capitals, Phillip Grubauer, marcado aos 01m37s.

Com fôlego para tentar o empate, os Leafs finalmente conseguiram o feito no terceiro período, quando Colin Greening, aos 08m16s, empatou a partida. Com o empate em mãos, mais uma vez os Leafs cometeram erros e dessa vez foi por meio de uma penalidade que deu aos Capitals o gol da vitória, no powerplay, marcado aos 09m31s, por Matt Niskanen. Após esse gol, não houve como os Leafs voltarem a empatar a partida.

Conforme entrevista de Mike Babcock, a equipe está jogando bem e seguindo o plano de reconstrução. Se analisarmos a temporada, a equipe foi derrotada muitas vezes por apenas um gol de diferença, o que indica que a distância entre o Toronto Maple Leafs e as outras equipes não é tão grande. São apenas detalhes a serem corrigidos, inexperiência que leva a erros, nervosismo dos novatos em situações decisivas … Tudo isso será tratado por Babcock que elogiou a performance de Nikita Soshnikov e Zach Hyman. 

É isso aí! Go Leafs Goooo

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: