Início > Air Canada Centre, NHL, NHL Game, Toronto Maple Leafs, Vitória, Vitória Shootout > 09/03/2016 – New York Islanders @ Toronto Maple Leafs

09/03/2016 – New York Islanders @ Toronto Maple Leafs

quinta-feira, 10 março 2016 Deixe um comentário Go to comments

Apesar de a sequência de jogos estar nos trazendo derrotas consecutivas, o Toronto  Maple Leafs e seus jogadores novatos têm jogado muito bem. Alguns erros são sempre esperados, mas Zach Hyman, William Nylander e Nikita Soshnikov têm impressionado Mike Babcock.

O New York Islanders foi ao Air Canada Centre vindo de uma sequência de vitórias, mas sem o seu goleiro titular, Jaroslav Halak, que sofreu uma contusão na noite anterior, num jogo contra o Pittsburgh Penguins. Halak ficará fora por até seis semanas! Em seu lugar jogou Thomas Greiss. Pelos Leafs, Garret Sparks defendeu o gol. 

John Tavares foi quem abriu o placar aos 08m08s, aproveitando o seu próprio rebote. Os Leafs empataram o jogo com Zach Hyman. O jogador que estava em seu quinto jogo na NHL, tem demonstrado uma vontade incrível de se manter na equipe dos Leafs e tem sido muito aplicado. Após um chute de Colin Greening, defendido por Greiss, Hyman estava no lugar certo na hora certa e aproveitou o rebote para marcar o seu segundo gol na NHL, aos 11m27s.

O segundo período vou novamente os Leafs e os Isles trocarem gols. O primeiro foi marcado por Morgan Rielly, aos 10m45s em um powerplay. Rielly acertou um belo chute que foi no ângulo do gol de Greiss. Aos 12m54s, Anders Lee empatou para os Isles, com um wrist shot, que Sparks não conseguiu defender. 

O jogo seguia empatado e muito disputado até que, aos 14m41s do terceiro período, Ryan Strome partiu num contra-ataque, onde um defensor dos Isles simplesmente limpou a jogada na zona defensiva, mas o puck acabou indo na direção de Strome, que aproveitou e foi pra cima de Sparks. O goleiro dos Leafs defendeu parcialmente o chute, mas o puck acabou deslizando lentamente e cruzou a linha de gol, colocando os Islanders à frente. Babcock então resolveu retirar Sparks e colocar um jogador de linha a mais, além do fato dos Leafs terem um powerplay a seu favor, o que os deixava com dois jogadores a mais no gelo. Quem estava no lugar certo agora foi William Nylander, que segundo Babcock teve seu melhor jogo na NHL. Nylander empatou para os Leafs faltando apenas 01m13s para o final. 

A prorrogação terminou sem gols e a decisão foi levada ao shootout, onde o único a marcar foi Nikita Soshnikov, o jovem jogador russo, que demonstra ter habilidade, velocidade e não se acanha frente aos jogadores já experientes da NHL. Ele venceu Greiss com um chute de backhand!

É isso aí! A vitória nos trás mais confiança e evitamos bater o recorde de derrotas consecutivas nesta temporada!

Parabéns a Nylander, Hyman e Soshnikov! 

Go Leafs Go

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: