Anúncios
Início > Derrota, NHL, NHL Game, Toronto Maple Leafs > 19/02/2013 – Toronto Maple Leafs @ Tampa Bay Lightning

19/02/2013 – Toronto Maple Leafs @ Tampa Bay Lightning

quarta-feira, 20 fevereiro 2013 Deixe um comentário Go to comments

Uma noite após ganhar do Florida Panthers, no segundo shutout seguido de Ben Scrivens, os Leafs aproveitaram a viagem e foram visitar o Tampa Bay Lightning.20130219_Leafs@Lightning_Banner

Apesar de jogarem bem e de chutarem mais à gol, o time da casa abriu o placar numa jogada em que os Leafs estavam saindo ao ataque e um passe errado foi interceptado e enviado a Vincent Lecavalier que chutou bem, vencendo Scrivens aos 09m25s. Após muito tentar, os Leafs acabaram por empatar aos 17m59s, com Mikhail Grabovski, num ataque em que Nikolai Kulemin chutou, o goleiro dos Lightning Anders Lindback deu rebote e Grabo aproveitou. Foi um gol que deu nova confiança aos Leafs que não deixaram os Leafs saírem do primeiro período em desvantagem no placar.

20130219_Leafs@Lightning_BannerO segundo período viu mais um erro da defesa dos Leafs que perderam um puck atrás do gol de Scrivens. O jogador dos Lightning passou o puck para Steven Stamkos, que marcou o segundo dos Lightning, sem qualquer chance para Ben Scrivens. De resto o período não apresentou nenhuma mudança, nem de placar, nem de característica de jogo de ambas as equipes.

O terceiros último período foi cheio de emoções. Logo nos primeiros minutos, ambas equipes tiveram oportunidades em contra-ataques com vantagem de 2 atacantes contra apenas 1 defensor, e ambas não foram aproveitadas. A primeira emoção real foi uma falha de Ben Scrivens que permitiu que Alexander Killorn marcasse o terceiro gol do time de Tampa Bay, aos 2m49s, num chute despretensioso e até mesmo fraco, mas que passou entre a luva e o corpo de Scrivens e entrou no gol bem lentamente. Aos 6m58s, Matt Carle recebe o puck próximo da linha azul e chuta forte, Korbinian Holzer acabou encobrindo a visão de Scrivens que nem viu o puck entrando no gol! Com o placar de 4 x 1 para os Lightning, Randy Carlyle retira Scrivens do jogo, substituindo-o por Jussi Rynnas. Esse período ainda veria a briga de Nazem Kadri e Victor Hedman e de Mark Fraser e Keith Aulie, antes de, aos 16m08s, James Van Riemsdyk desviar um chute de Phil Kessel e diminuir para os Leafs. Após esse gol, os Leafs pressionaram muito, incluindo um imenso tempo sem Rynnas no gol (Empty Net), em que os Leafs por pouco não marcaram novo gol e os Lightning, por uma vez teve um puck na trave e outro bem próximo do gol vazio dos Leafs. Fiquei muito feliz de ver a raça e vontade da equipe dos Leafs em, mesmo após terem tido um jogo na noite de ontem, buscarem de todas as formas a vitória, mesmo com o placar adverso.

Só quero deixar registrado que Ben Scrivens é um ótimo goleiro e que a falha dele no terceiro fol, não foi o fator preponderante para a derrota na noite de hoje. Nos três outros gols, houveram fatores que atrapalharam ele de fazer um bom trabalho. Pucks foram perdidos na zona defensiva dos Leafs e Holzer tapou a visão de Scrivens no quarto gol.

Parabéns Leafs. Perder na casa do adversário, na segunda noite de jogos consecutivos não é algo fora do comum e, portanto, nada alarmante. O time deve descansar para enfrentar os Sabres em Toronto na sexta-feira e ir à Ottawa no domingo.

GO Leafs GO

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: