Anúncios

15/04/2017 – Toronto Maple Leafs @ Washington Capitals – NHL Playoffs 2017 – 1a rodada -Jogo 2

domingo, 16 abril 2017 Deixe um comentário

Após ser derrotado com um gol de Tom Wilson na prorrogação do jogo 1, o Toronto Maple Leafs retornou ao gelo no Verizon Center, para o jogo 2 da série contra o Washington Capitals.

A equipe continuava sem o defensor Nikita Zaitsev, ainda se recuperando de uma contusão sofrida no último jogo da temporada regular, contra o Columbus Blue Jackets. 

Os Leafs mostraram aos Capitals que não possuem experiência nos playoffs da NHL, mas têm vontade e velocidade para jogar de igual para igual com os Caps. 

O primeiro período viu os times voltando ao gelo com um jogo muito físico, mas viu os Leafs saírem na frente no placar novamente, com um gol de James Van Riemsdyk aos 17m34s. 

O segundo período viu os Caps empatarem com Alexander Ovechkin aos 03m47s, num powerplay. E viu John Carlsson virar o placar aos 11m06s, também num powerplay. Os Leafs têm sido vítimas de si mesmo e deixado lideranças no placar serem perdidas, mas a equipe não se dá por vencida. Aos 14m25s Kasperi Kapanen se posicionou em frente ao gol de Brayden Holtby e conseguiu vencer o ótimo goleiro dos Caps, empatando a partida. Ainda perto do final do período, os Leafs ganharam um powerplay e não desperdiçaram. Morgan Rielly colocou os Leafs à frente aos 19m46s, num chute da linha azul, no meio do tráfego de jogadores em frente a Holtby. 

Infelizmente Roman Polak acabou contundido numa jogada em que levava o puck ao ataque e recebeu um hit de Brooks Orpik, que o fez girar no ar e acabar caindo com mal jeito em cima de seu pé direito! Essa contusão tirou Roman Polak do elenco dos Leafs pelo restante da temporada. Obrigado Polak por tudo o que fez e pela sua importância na defesa dos Leafs até aqui! 

O terceiro período foi de muita emoção com os Leafs sendo defendidos por Holtby em suas tentativas de chegar a mais um gol e com os Caps buscando o empate, que chegou aos 12m39s, num ataque que dominou a defesa dos Leafs por mais de um minuto, não deixando os Leafs trocarem de linha. Niklas Backstrom acabou marcando após ver o puck chutado por Dimitri Orlov sobrar para ele após Jame Gardiner não dominar o disco. 

O jogo empatado foi à prorrogação e não bastou uma para definir o vencedor. As equipes trocaram inúmeras chances de gol e disputavam cada ataque como sendo o vencedor! Os goleiros estavam espetaculares na noite e negavam cada chute dos atacantes! Frederik Andersen foi excepcional e manter os Leafs no jogo simplesmente fechando o gol! 

Somente na segunda prorrogação, aos 11m53s Brian Boyle dominou o puck e foi para trás do gol de Holtby, que esperando que ele desse a volta, se posicionou do outro lado, quando Boyle escutou Kasperi Kapanen gritando, pedindo o puck. Boyle passou para trás e Kapanen chutou no gol aberto, dando a vitória aos Leafs!! 

A série está empatada e continua amanhã em Toronto, no Air Canada Centre, com toda a torcida apoiando!

Go Leafs Gooooooo – Se os Capitals foram os melhores da temporada regular, vão ter que mostrar isso nos playoffs para passar pelos Leafs! 

Anúncios

13/04/2017 – Toronto Maple Leafs @ Washington Capitals – NHL Playoffs 2017 – 1a rodada – Jogo 1

sexta-feira, 14 abril 2017 2 comentários

Após a tão esperada classificação aos playoffs de 2017, o Toronto Maple Leafs enfrentará a melhor equipe da temporada, vencedora do troféu dos presidentes, o Washington Capitals de Alexander Ovechkin.

Não será uma tarefa fácil vencer os Capitals nessa série de playoffs, mas os Leafs são jovens, têm muita velocidade e podem dar muito trabalho ao time de Washington. 

Para este jogo o defensor dos Leafs, Nikita Zaitsev não estava bem, após uma contusão no último jogo da temporada regular e, em seu lugar, foi chamado Martin Marincin. 

Os Leafs começaram bem, jogando com Frederik Andersen no gol e se impondo também no jogo físico contra os Capitals! Logo aos 01m35s, Mitch Marner marca o primeiro dos Leafs aproveitando o rebote de um chute que resvalou na trave de Brayden Holtby. Aos 09m44s, Jake Gardiner marca o segundo dos Leafs, gol que foi avaliado após pedido de Mike Babcock pois o juiz de linha havia anulado o gol por interferencia de Nazem Kadri no goleiro. Após a revisão o gol foi confirmado pois Kadri não chegou a encostar em Holtby. Os Leafs então cometeram duas penalidades dando 1m30s de vantagem em 5 contra 3 para os Capitals e o forte time de Washington não desperdiçou. Os Leafs até se defenderam em 5 contra 3, mas no 5 contra 4, acabaram não limpando o puck em frente ao gol de Andersen e levaram o primeiro gol, marcado no powerplay por Justin Williams aos 12m24s. 

Veio o segundo período e os Leafs e Caps deram uma diminuída no ritmo de jogo. Andersen e Holtby faziam defesas incríveis, mas aos 16m00s,  Andersen havia defendido o chute de Matt Niskanen, que estava entre seus pads, mas Andersen acabou por não saber onde o puck estava e, desesperado por tentar parar um puck que estivesse passando por debaixo de suas pernas, acabou se levantando e deixando  o puck livre para Justin Williams marcar e empatar a partida.

O terceiro período viu os Caps melhores e Andersen fechando o gol. Holtby também defendeu os Caps muito bem e a partida acabou indo para a prorrogação. Na prorrogação, ambas equipes tentaram buscar a vitória, que veio da forma mais surpreendente possivel. Aos 05m15s, Martin Marincin tentou limpar o puck da defesa dos Leafs, jogando o puck pela borda do gelo, Tom Wilson, um jogador de quarta linha dos Caps, interceptou o puck com as mãos e colocou em jogo, chutando forte e vencendo Andersen por cima do ombro no cantinho do gol! Foi o primeiro gol de Tom Wilson nos playoffs em sua carreira e o primeiro jogador na história dos Caps a marcar seu primeiro gol nos playoffs, na prorrogação. 

Os Leafs apresentaram muitas coisas boas e acabaram errando algumas outras, mas mostraram que conseguem jogar de igual para igual com os Caps, um time muito mais experiente! Ovechkin e TJ Oshie foram anulados no jogo!

Babcock deve corrigir as falhas para o próximo jogo e esperamos que Zaitsev possa voltar à equipe. 

Hunwick e Polak jogaram muito bem, assim como Boyle, Marner e Nylander. Matthews não teve muito espaço e acabou meio apagado no jogo de ontem.

Agora é esperar pelo jogo dois amanhã para vermos se os Leafs conseguem empatar a série!

Go Leafs Gooooooooo

09/04/2017 – Columbus Blue Jackets @ Toronto Maple Leafs

segunda-feira, 10 abril 2017 Deixe um comentário

No último jogo da temporada o Toronto Maple Leafs recebeu a visita do Columbus Blue Jackets, buscando vencer para enfrentar, na primeira rodada dos playoffs, o Ottawa Senators ao invés do Washington Capitals, que  venceu o President’s Trophy, dado à melhor equipe da temporada regular.

Somente a derrota no tempo regular faría os Leafs enfrentarem os Capitals.

Com Frederik Andersen se recuperando da lesão sofrida no dia anterior, Curtis McElhinney voltou ao gol dos Leafs e Garret Sparks foi chamado para ser seu reserva. 

Os Leafs começaram bem e dominaram o primeiro período, jogando muito focados e levando perigo ao gol de Joonas Korpisalo. Entretanto não conseguimos abrir o placar. 

O segundo período viu os Leafs deslancharem no placar com dois gols de James Van Riemsdyk, aos  02m03s e aos 06m36s. Mas também viu Nikita Zaitsev não voltar ao jogo após um hit sofrido no primeiro período, e Roman Polak lesionar o pé e também deixar o jogo. Com apenas 4 defensores, os Leafs tentaram se manter na partida, mas passaram a não jogar bem, dando mais espaço para os Blue Jackets, que aproveitaram e simplesmente viraram a partida com gols de Matt Calvert, Josh Anderson e Cam Atkinson, esse último shorthanded.

O problema na defesa realmente impactou a equipe, que não conseguiu reagir no terceiro período e saiu derrotada da partida. 

Com isso, enfrentaremos o Washington Capitals na primeira rodada dos playoffs. Se não tivéssemos vencido os Penguins na noite anterior, não haveríamos nos classificado, pois Isles e Lightning também venceram seus últimos jogos! 

Teremos uma primeira rodada muito difícil, mas que também nos servirá para dar experiência aos jogadores novatos e colocará todo o peso sobre os ombros dos Capitals, que terão a obrigação de vencer. Se eles vencerem, já é o esperado, mas se nós vencermos, seremos os azarões! 

Não custa manter a crença de que playoffs é outra história e que, a partir de agora, cada jogo é um jogo! Vamos entrar focados em cada partida e em ganhar experiência jogando de forma mais leve! 

Go Leafs Gooooo, o primeiro passo já foi dado! Playoffs aí vamos nós!! 

08/04/2017 – Pittsburgh Penguins @ Toronto Maple Leafs

segunda-feira, 10 abril 2017 Deixe um comentário

Na briga pela vaga nos playoffs, o Toronto Maple Leafs recebeu o Pittsburgh Penguins no Air Canada Centre. A única vaga nos playoffs ainda sem ser definida era a que os Leafs, Lightning e Isles disputavam. Para os Leafs, bastava vencer sua própria partida e a classificação tão esperada seria garantida.

Os Leafs saíram atrás do placar com um gol de Phil Kessel sobre Frederik Andersen, aos 06m11s. A noite parecia que ia se complicar para os Leafs, mas James Van Riemsdyk empatou aos 06m40s. Ao final do primeiro período, Tom Sestito acabou por atingir Frederik Andersen ao passar pela crease e deixou o goleiro dos Leafs contundido e meio zonzo. Andersen deixou o gelo e não retornou mais e, em seu lugar, Curtis McElhinney foi acionado. 

O segundo período viu os Leafs virarem o placar aos 03m30s, quando Tyler Bozak recebeu um lindo passe de William Nylander durante um powerplay e não desperdiçou. Os Penguins, atuais campeões da Stanley Cup, não são fáceis e não desistem na partida. A equipe empatou aos 07m55s também num powerplay, com um gol de Sidney Crosby. 

No terceiro período, os Leafs estavam com 20 minutos para garantir sua classificação e começamos mal, com Jake Gardiner desviando um chute cruzado de Guentzel, que acabou se tornando um gol contra. Como não existe gol contra no hóquei, o gol foi marcado para Guentzel aos 06m51s. Agora os torcedores dos Leafs começavam a se sentir desesperados, pois os Lightning e Isles estavam vencendo na noite de ontem. Mas tudo mudou aos 14m30s, quando Kasperi Kapanen empatou a partida com seu primeiro gol na NHL. Connor Brown virou a partida aos 17m12s e levou o Air Canada Centre à loucura! Era gol da classificação aos playoffs! Mas os Penguins bem que tentaram estragar a festa poucos minutos depois quando McElhinney defendeu um chute de Crosby, à queima roupa! Foi a defesa da noite!! Os Leafs ainda marcaram mais um com Auston Matthews, o gol de número 40 na temporada, com os Penguins já com Marc-Andre Fleury no banco (empty-net).

Fim de jogo! Penguins 3, Leafs 5. Os Leafs voltam aos playoffs que não viam desde 2013!!! Na noite seguinte ainda havia o jogo contra o Columbus Blue Jackets que decidiria a posição dos Leafs e o adversário nos playoffs. Uma derrota nos faria jogar contra o Washington Capitals, mas a vitória ou empate no tempo regular, nos faria enfrentar o nosso rival de província, Ottawa Senators, que era o que todos em Toronto desejavam! 

A classificação aos playoffs tirou o peso dos ombros dos jogadores que Leafs! Agora é focar e, quem quer que seja o adversário, jogar da melhor forma possível pois cada jogo é um jogo!

Go Leafs Goooo! De volta aos playoffs, dessa vez para ficar!! 

06/04/2017 – Tampa Bay Lightning @ Toronto Maple Leafs

domingo, 09 abril 2017 Deixe um comentário

Esse jogo foi a chance do Toronto Maple Leafs de vencerem o Tampa Bay Lightning e se classificarem aos playoffs, mas aparentemente essa pressão está agindo sobre o jovem elenco dos Leafs e a equipe não jogou bem, não conseguindo se impor.

Os Lightning simplesmente estavam com as costas contra a parede, pois qualquer derrota já os tira dos playoffs, mas a equipe atuou de forma perfeita, controlando o jogo e , com a ótima atuação de Andreij Vasilevski, conseguiu sair vitoriosa em Toronto. 

Brayden Point abriu o placar no segundo período, mas Nazem Kadri conseguiu empatar apenas 02m08s depois, desviando um chute de Matt Hunwick. Com o jogo empatado, os Leafs jogaram a pressão sobre os Lightning, que teria que correr atrás do prejuízo, mas Nikita Kucherov passou no meio de três jogadores dos Leafs, que não ofereceram qualquer resistência a ele, que chutou e marcou o segundo gol dos Lightning. 

O terceiro período ainda viu os Leafs totalmente acuados, sem poder de reação, o que também levou os Lightning a marcar mais dois gols, com Brayden Point e Matt Bournival, fechando o placar.

Com a vitória, os Lightning ficaram a somente três pontos dos Leafs com 2 jogos ainda por jogar. Por outro lado, os Senators e Bruins jogaram e os Sens venceram no shootout, o que os colocou 3 pontos à frente dos Leafs na classificação, classificando-os aos playoffs deste ano. 

A situação agora é a seguinte: o Tampa Bay Lightning joga hoje contra o Montreal Canadiens. Se perderem, dão adeus aos playoffs. Os Islanders também venceram na noite de ontem e estão com a mesma pontuação que os Lightning, e também dependem de todas as vitórias para se classificar, sem contar torcer pela derrota dos Leafs nos jogos contra os Pittsburgh Penguins e Columbus Blue Jackets neste final de semana. 

Que a equipe se recomponha e Go Leafs Goooo sempre!!! Estamos com um pé nos playoffs, mas não podemos escorregar!!! 

04/04/2017 – Washington Capitals @ Toronto Maple Leafs

quarta-feira, 05 abril 2017 Deixe um comentário

O Toronto Maple Leafs teve a chance de selar a classificação aos playoffs na noite de ontem, quando receberam o Washington Capitals que disputa o Título de melhor time da temporada. 

Infelizmente a equipe foi dominada banpartida por um jogo muito físico dos Capitals, que distribuíram hits (trancos) sem economia. Os Capitals entraram no gelo mais preparados e mais focados, além de não permitir o jogo rápido dos Leafs. Aos 14m34s do primeiro período, Lars Eller abriu o placar vencendo Curtis McElhinney.

No segundo período os Leafs voltaram melhor, com mais gás e até chegamos a pressionar os Capitals, mas cometemos penalidades que não podíamos. O segundo gol dos Capitals saiu aos 10m00s com Kevin Shattenkirk, num powerplay para os Capitals. Após esse gol os Capitals voltaram a dominar a partida. 

O terceiro período ainda viu Nate Schmidt e Tom Wilson ampliarem a liderança para 4 a 0 e Mitch Marner diminuir aos 18m52s, num powerplay para os Leafs, apenas para retirar o shutout de Phillip Grubauer.

Com a derrota os Leafs voltaram à vaga de Wild Card, já que tanto o Ottawa Senators, quanto o Boston Bruins venceram seus jogos! Os Bruins aliás, venceram os Lightning e a vitória dos Leafs teria garantido a vaga nos playoffs para a equipe de Toronto. Agora é aguardar até quinta-feira e vencer os Lightning para garantir de vez a vaga nos playoffs! Os Leafs precisam de apenas 1 ponto nos três últimos jogos para ir aos playoffs, mas não vai ser fácil, pois enfrentaremos os Lightning, que disputam essa mesma vaga conosco, depois recebemos o Pittsburgh Penguins e por último o Columbus Blue Jackets, equipes fortes e que já estão classificadas aos playoffs! 

Go Leafs Goooooo – Falta Pouco!!!! 

Esse jogo marcou o jogo de número 100 de William Nylander na NHL. 

03/04/2017 – Toronto Maple Leafs @ Buffalo Sabres

terça-feira, 04 abril 2017 Deixe um comentário

Voltando de Detroit o Toronto Maple Leafs foi visitar o Buffalo Sabres antes de chegar em casa. Os Sabres levaram a melhor no jogo anterior e os Leafs têm um certo problema para vencer jogos na casa dos Sabres, conforme o recorde histórico nos mostra. 

Esse jogo teve ainda mais um fator inusitado que foi a estréia de Alex Nylander, irmão de William Nylander, jogando pelos Sabres. Ou seja, havia uma daquelas disputas com irmãos jogando em lados diferentes do gelo. 

Os Leafs começaram o jogo de forma alucinante e dominaram os Sabres que só deram 2 chutes ao gol de Frederik Andersen no primeiro periodo. A equipe de Toronto conseguiu marcar três gols em apenas 43s, quase batendo o recorde da equipe que é de 39s, mas de uma época em que não havia televisão para gravar tal feito. Leo Komarov abriu o placar aos 04m26s, recebendo uma assistência de Nazem Kadri. Aos 05m01s, William Nylander deu um passe de costas para Auston Matthews que marcou o seu gol de número 39. Com a assistência, Nylander chegou aos 60 pontos assim como outros quatro jogadores da equipe. Aos 05m09s, James Van Riemsdyk marcou o terceiro dos Leafs logo após um face-off na zona ofensiva. Com este gol, Robin Lehner foi retirado do jogo e substituído por Anders Nilsson. 

No segundo período, os Leafs estavam em powerplay com chances de ampliar o placar, mas o puck acabou perdido na zona neutra e Jame Gardiner ao invés de patinar ao encontro do puck, patinou para trás para cobrir a defesa e deixou Ryan O’Reilly dominar o puck e partir em velocidade, vencendo Gardiner e também vencendo Andersen, aos 01m51s, marcando um gol shorthanded. Jake Gardiner precisa estar mais atento a essas jogadas e ser mais agressivo, pra dominar o puck. 

No terceiro período, Nazem Kadri continuava em sua disputa territorial no ataque e, após ser empurrado por Ristolainen e Anders Nilsson, ficou livre para receber o puck e marcar o quarto gol dos Leafs, em powerplay, aos 05m50s. Com o jogo já vencido, aos 19m04s, a defesa dos Leafs teve mais um erro e Jack Eichel acabou marcando o segundo gol dos Sabres.

Auston Matthews, quebrou o recorde de pontos marcados por um jogador novato dos Leafs na temporada de estréia, com 67 pontos! 

Para nossa alegria, o Ottawa Senators perdeu na noite, no shootout, o que nos fez abrir um ponto deles na classificação para os playoffs! 

Hoje, sem muito descanso, enfrentaremos o Washington Capitals em Toronto. 

Go Leafs Gooooooo

%d blogueiros gostam disto: