Anúncios

Arquivo

Posts Tagged ‘Jacob Markstrom’

06/01/2018 – Vancouver Canucks @ Toronto Maple Leafs

segunda-feira, 08 janeiro 2018 Deixe um comentário

Mais um jogo em casa, dessa vez recebendo o Vancouver Canucks, que está em uma má fase. Era a chance de os Leafs garantirem mais dois pontos, mas o jogo não foi assim tão fácil, como na verdade é o padrão devido ao alto. O el dos jogadores e equipes na NHL.

Jacob Markström teve uma ótima performance, assim como Frederik Andersen e os goleiros fizeram muitas defesas decisivas na partida.

O jogo estava melhor para os visitantes durante o primeiro período, mas apesar disso o Toronto Maple Leafs não deixou de levar perigo ao gol de Markström. Como os goleiros se saíram melhor, não houve gols no primeiro período.

O segundo período veio e os Canucks continuaram melhor até os 10 minutos. Brock Boeser abriu o placar para os Canucks após falha de Connor Carrick aos 02m59s. Os Leafs bem que tentaram, mas novamente não conseguiam vencer Markström!

Veio o terceiro período e o volume de jogo dos Leafs começou a melhorar, mas foram os Canucks que chegaram ao segundo gol aos 06m34s, com Sam Gagner, num powerplay. Quando tudo indicava uma derrota, os Leafs renasceram das cinzas e Auston Matthews marcou para os Leafs, desviando um chute de Zach Hyman aos 08m23s. Depois disso, a apenas um gol do empate, continuamos buscando o gol, que veio aos 12m37s, quando Morgan Rielly deu um passe alto para Tyler Bozak, que dominou o puck ainda na zona neutra e partiu no contra-ataque, sozinho contra Markström, que defendeu o primeiro chute, mas deu rebote, que foi aproveitado por Bozak mesmo, empatando o jogo! A sensação de poder empatar uma partida após estar perdendo por dois gols no terceiro período é muito boa, mas nós dois minutos finais os Canucks dominaram e se não fosse por Freddie, teriam vencido a partida.

Na prorrogação tivemos um lance inusitado quando os Canucks chutaram e o puck bateu numa trave de Freddie, depois na outra trave e saiu. Os jogadores chegaram a comemorar a vitória, mas após revisão, o puck não entrou e o gol não foi confirmado. A decisão viria mesmo no shootout, o segundo seguido dos Leafs.

Mais uma vez Auston Matthews abriu as cobranças e marcou o seu gol. Os Canucks empataram na segunda rodada, com Gagner. Mas Tyler Bozak marcou na terceira rodada e Freddie defendeu o chute dos Canucks, para garantir a vitória de virada!

Vitórias assim dão muita confiança à equipe, que deu a chance ao defensor Travis Dermott de ter seu primeiro jogo na NHL, oportunidade que não foi desperdiçada, pois Dermott marcou seu primeiro ponto, uma assistência.

A partida também teve um lance que retirou Chris Tanev, jogador dos Canucks, do jogo. Tanev acabou sendo acertado na boca por um puck, e não retornou mais. Aparentemente chegou a perder dentes nesse lance!

Hoje recebemos o Columbus Blue Jackets!

Go Leafs Goooooo

Anúncios

02/12/2017 – Toronto Maple Leafs @ Vancouver Canucks

segunda-feira, 04 dezembro 2017 Deixe um comentário

No último jogo no oeste canadense, o Toronto Maple Leafs foi visitar o Vancouver Canucks. Vi dos de duas vitórias os Leafs esperavam conseguir vencer todos os jogos fora de casa, mas encontraram o goleiro dos Canucks, Jacob Markström muito inspirado na noite.

O primeiro período foi totalmente dominado pelos Canucks, com seu goleiro que fez defesas importantíssimas, com Auston Matthews não conseguindo chutar num gol vazio após um erro de Markström, com Frederik Andersen sem a mesma sorte e posicionamento do goleiro adversário. Os Canucks se aproveitaram e abriram dois gols de vantagem no placar em ótimos chutes de Markus Granlund, aos 04m52s, e de Alexander Edler, aos11m14s. Os Leafs, infelizmente não conseguiram reagir.

No segundo período o jogo foi totalmente outro e os Leafs passaram a jogar muito melhor, mas encontraram as defesas de Markström evitando a reação no placar. Essa reação e o ímpeto dos Leafs foi mantido até o final do terceiro período, quando Morgan Rielly teve chance de empatar, mas furou o chute. Na sequência, num outro chute de Rielly, James Van Riemsdyk desviou o chute, tirando o shutout do goleiro de Vancouver, faltando somente 02m52s para o final. Infelizmente para nós, não houve tempo parando empate e perdemos por 2 a 1.

Neste jogo houve uma comemoração no início da partida, para celebrar os 1000 pontos na NHL, marcados por Daniel Sedin no jogo anterior, em Nashville.

O próximo jogo dos Leafs será dia 6, quarta-feira, em casa, contra o Calgary Flames.

Go Leafs Goooooo

26/03/2013 – Florida Panthers @ Toronto Maple Leafs

quarta-feira, 27 março 2013 Deixe um comentário

Jogando o terceiro jogo em apenas 4 noites e vindo de uma batalha contra os Bruins, decidida no shootout, os Leafs receberam o Florida Panthers, atual último colocado na conferência leste.

Com Ben Scrivens no gol, os Leafs deram um descanso a James Reimer. Clarke MacArthur também não jogou, sentindo uma lesão. Para este jogo, Randy Carlyle deu uma “mexida” nas linhas, voltando Lupul à primeira linha com Kessel e Bozak.20130326_Panthers@Leafs_Banner

Os Leafs não começaram a partida muito bem. Pareciam sentir o cansaço de jogar na noite seguida ao jogo dos Bruins. O time começou lento, permitindo uma pressão dos Panthers logo no início. Aos 06m39s, Tomas Fleischmann abre o placar. Nem assim os Leafs conseguiram acordar e tomaram um sufoco no primeiro período, deixando Scrivens levar 16 chutes ao gol, enquanto os Leafs deram apenas 7.

20130326_Panthers@Leafs_ScoreNo segundo período, creio que Randy Carlyle deu uma sacudida na equipe, que voltou ao gelo mais determinada. O time igualou o jogo e começou a ter mais chances de gol, que acabou acontecendo. Dion Phaneuf, aos 09m41s, recebeu um passe de Carl Gunnarsson e simulou que ia chutar, com o movimento a defesa parou e o goleiro dos Panthers, Jacob Markstrom, ajoelhou, Dion então viu que o ângulo superior direito do goleiro ficou descoberto e chutou forte! O puck ainda resvalou na trave/travessão e entrou! Com o jogo empatado os Leafs continuaram com boas jogadas e James Van Riemsdyk quase marca num contra-ataque, mas foi desarmado no momento do chute pelo defensor dos Panthers, Erik Gudbranson. O período terminou com o empate em um gol, mas os Leafs conseguiram levar mais perigo ao gol do time visitante, com 15 chutes a gol contra 12 dos Panthers.

Mal começou o terceiro período e o placar foi alterado com o gol da virada dos Leafs, marcado aos 22s, por Joffrey Lupul. Aos 45s Shawn Matthias empata novamente para os Panthers. Felizmente Lupul e sua linha com Kessel e Bozak estavam muito bem na noite e Lupul marcou o gol da vitória aos 03m12s. No final do período os Leafs ainda sofreram muito com o ataque dos Panthers, que no Empty net ( sem goleiro, para a entrada de um atacante adicional na equipe, ofereceram muito perigo e dominaram a zona defensiva dos Leafs por quase um minuto! Ao final da partida, Ben Scrivens defendeu 40 dos 42 chutes à gol que recebeu, um número muito alto, mas considerando que a equipe vinha de dois jogos contra os Bruins e este era o terceiro jogo em 4 noites, temos que dar um crédito ao cansaço dos jogadores que não conseguiram diminuir ou bloquear as chances dos Panthers.

Parabéns Leafs por buscarem o resultado que começou a favor dos Panthers! Agora vocês merecem um descanso para recuperarem a energia e enfrentarem o Carolina Hurricanes, em Toronto, na quinta-feira!

Go Leafs Goooo

%d blogueiros gostam disto: