Anúncios

Arquivo

Posts Tagged ‘Mike Blunden’

28/03/2016 – Toronto Maple Leafs @ Tampa Bay Lightning

terça-feira, 29 março 2016 Deixe um comentário

Saindo de seus domínios o Toronto Maple Leafs foi até a Flórida enfrentar o Tampa Bay Lightning. Apesar de não jogar mal, não conseguiu um meio de vencer o goleiro dos Lightning, Ben Bishop, que teve uma noite inspirada é simplesmente fechou o gol.

Não faltou esforço e chutes ao gol de Bishop, que ao final da partida chegou ao número de 34, contra apenas 18 dos Lightning sobre Garret Sparks, mas o time da casa parecia pronto a aproveitar as poucas chances concedidas pelos visitantes. 

No terceiro chute ao gol de Sparks, os Lightning fizeram uma jogada onde Victor Hedman deu um longo passe pra Eric Condra, na Blue Line. Condra levou o puck até atrás do gol de Sparks e deu um passe para Mike Blunden abrir o placar aos 07m34s. Nesse mesmo tempo os Leafa já tinham dado sete chutes ao gol de Bishop. Aos 14m29s, foi a vez de Ondrej Palat marcar, aproveitando um rebote de Sparks que simplesmente subiu e caiu em frente ao gol. Sparks não sabia onde estava o puck e quando viu Palat fazendo o movimento de bater no puck no ar, não teve tempo de defender e o puck entrou por entre suas pernas.

Os Leafs continuavam melhores, mas Bishop fazia defesas espetaculares. Numa delas Brad Boyes teve o gol aberto para chutar, mas além de pegar mal no puck, Bishop desviou o chute com seu taco. Aos 06m38s, Victor Hedman marcou o terceiro dos Lightning e fechou o placar ainda no segundo período, numa jogada onde Sparks acabou sendo atrapalhado pelo defensor dos Leafs que tentava tirar um jogador dos Lightning de frente do gol. 

Bishop ainda negou uma tentativa de Nazem Kadri. O jogador dos Leafs fez um ótimo movimento, mas Bishop defendeu parcialmente com a luva e o puck ainda bateu na trave antes de sair pela lateral do gol. 

Esse foi o 16º shutout de Ben Bishop na carreira e o sexto nesta temporada.” Ás vezes o shutout é conseguido com um perfeito jogo de equipe e, às vezes, conseguido somente pelo goleiro, como nesta noite!” Disse o técnico dos Lightning. Steven Stamkos também afirmou que não foi um jogo onde a equipe deu o suporte necessário a Bishop, mas o goleiro achou uma forma de levá-los à vitória.

Os Leafs aproveitam a viagem à Flórida pra enfrentar o Flórida Panthers hoje à noite! Os Panthers estão empatados com os Lightning na liderança da divisão, mas com um jogo a menos. Resta aos Leafs deixá-los empatados vencendo o jogo de hoje! 

Go Leafs Goooo

Anúncios

15/12/2015 – Tampa Bay Lightning @ Toronto Maple Leafs

quarta-feira, 16 dezembro 2015 Deixe um comentário

Após uma semana de descanso o Toronto Maple Leafs voltou ao gelo, no Air Canada Centre, recebendo a visita do Tampa Bay Lightning, de Steven Stamkos. Jogo que foi transmitido pela ESPN, que sempre divulga os esportes americanos e tem servido de fonte de informação para muitos torcedores conhecerem melhor o hóquei no gelo da NHL, por meio do Ari Aguiar, narrador, Thiago Simões, comentarista e agora de Renan do Couto, também narrador. Parabéns à ESPN! 

Stamkos é um ótimo jogador que tem contrato apenas até o final desta temporada e por ser nativo de Markham, Ontario, viveu toda sua infância torcendo pelos Leafs. Existe muita especulação se os Leafs poderão trazê-lo, caso ele não feche novo contrato com o Tampa Bay, mas isso ainda não está bem próximo de ser definido.

Pelo gol dos Leafs estava Jonathan Bernier, que retornou de 10 dias com o Toronto Marlies, para voltar a ter ritmo de jogo, onde venceu três jogos por shutout e perdeu um. Infelizmente Bernier continua sem uma vitória sequer nesta temporada.

Mal o jogo começou e Nikita Kucherov recebeu um ótimo passe na linha azul e entrou na zona defensiva dos Leafs à frente dos defensores, progrediu com o puck e venceu Bernier com um chute de backhand aos 02m59s, no segundo chute à gol do time visitante. James Van Riemsdyk chutou ao gol e Andrei Vasilevskiy deu rebote, permitindo a Tyler Bozak empatar a partida, marcando seu 100º gol, aos 10m40s. O mesmo James Van Riemsdyk colocou os Leafs à frente do placar aos 18m03s.

Leo Komarov e Morgan Rielly, logo após os Leafs matarem duas penalidades, incluindo mais de um minuto com dois jogadores a menos no gelo, partiram num contra-ataque e Rielly marcou o terceiro gol dos Leafs aos 11m34s do segundo período. Ao final do período Anton Stralman diminuiu para os Lightning, aos 19m24s. Num gol que deveria ter sido evitado, mantendo vantagem de dois gols para os Leafs no início do terceiro período.

O último período foi marcado pela virada dos Lightning que marcaram dois gols em menos de um minuto com Mike Blunden, aos 05m56s e Jonathan Marchessault aos 06m26s. Os Leafs ainda conseguiram empatar com Daniel Winnik, aos 13m28s, levando a decisão à prorrogação.

Na prorrogação, Vladislav Namestnikov marcou aos 02m01s, dando a vitória ao Tampa Bay Lightning. É este tipo de gol que todos esperam que o goleiro dos Leafs possa defender para nos manter na partida, mas Bernier parece não estar numa fase muito boa para isso. 

Para a próxima partida contra o San Jose Sharks, Mike Babcock ainda não decidiu quem será o goleiro titular dos Leafs, se Bernier, que ainda não venceu, ou o novato Garret Sparks, com três vitórias em quatro jogos na NHL. Uma revisão da partida é que vai determinar o goleiro, já que James Reimer está afastado por contusão. Os gols que Bernier sofreu no terceiro período acabaram sendo definitivos para o resultado.

Go Leafs Goooooo

%d blogueiros gostam disto: