Arquivo

Posts Tagged ‘Connor Carrick’

01/11/2018 – Dallas Stars @ Toronto Maple Leafs

domingo, 04 novembro 2018 Deixe um comentário

O Toronto Maple Leafs não vêm jogando bem após a contusão de Auston Matthews, que o tirou de jogo por pelo menos 4 semanas, mas tiveram pela frente o time do Dallas Stars, no Scotiabank Arena, vindo de 3 vitórias nos últimos 4 jogos.

Os Stars são uma equipe perigosa com ótimos jogadores, como Jamie Ben, Jason Spezza e Tyler Seguin. Eles também são o novo time de dois ex-defensores dos Leafs, Connor Carrick e Roman Polak. Carrick acabou sendo um dos jogadores que não atuou na noite, mas acabou recebendo uma homenagem dos Leafs pelo tempo que jogou em Toronto.

A noite também teve uma outra celebração antes do início da partida: essa foi a partida número 1000 na carreira do defensor Ron Hainsey, e os Leafs o homenagearam, junto com sua família, entregando a ele um taco comemorativo desse feito!

A partida começou com Anton Khudobin no gol dos Stars e Frederik Andersen no gol dos Leafs. Khudobin, que não jogava a duas semanas, estava dando um descanso a Ben Bishop, que é o goleiro titular e vem jogando muito bem.

A partida foi muito disputada e Khudobin atuou de forma muito sólida, impedindo muitos gols dos habilidosos jogadores dos Leafs. Freddie também não jogou mal, mas acabou levando seu primeiro gol no segundo período, aos 11m55s, desviando um chute de Tyler Seguin.

No terceiro período, Devin Shore, ampliou para os visitantes quando os Stars realizaram uma excelente troca de passes, que deixou Shore sozinho para marcar, aos 04m43s. Os Leafs só conseguiram marcar seu gol de honra aos 16m51s, num powerplay, com Patrick Marleau, mas já era tarde demais para uma reação e acabamos sendo derrotados por 2 a 1.

Mas os Leafs já tiveram que superar a nova derrota, pois o próximo jogo seria contra o poderoso Pittsburgh Penguins, fora de casa!

Go Leafs Goooooooo

15/03/2018 – Toronto Maple Leafs @ Buffalo Sabres

sexta-feira, 16 março 2018 Deixe um comentário

Somente uma noite após a vitória no shootout contra o Dallas Stars e os Leafs voltaram ao gelo para enfrentar o Buffalo Sabres, na casa deles.

Como Frederik Andersen está contundido após Alexander Radulov ser empurrado por Roman Polak e cair encima do goleiro dos Leafs no jogo contra os Stars, Curtis McElhinney foi o goleiro titular com Garret Sparks como seu reserva.

Mais uma vez, James Van Riemsdyk foi decisivo na noite e marcou aos 03m39s e novamente aos 06m39s. O primeiro gol foi um chute praticamente da linha do gol, que acabou entrando em algum espaço deixado por Robin Lehner. O segundo foi aproveitando um rebote de Lehner, se colocando na posição perfeita para esperar pelo puck. Com dois gols no placar em menos de 7 minutos do primeiro período, o Toronto Maple Leafs parecia dominar a partida, mas aos 14m29s, Sam Reinhart diminuiu para os Sabres num powerplay.

O segundo período viu gols de Connor Carrick aos 06m22s, e Tyler Bozak, num powerplay aos 14m10s, dando muito mais conforto aos Leafs. Jason Pominville marcou o segundo dos Sabres aos 19m01s, após Nazem Kadri cometer uma penalidade totalmente desnecessária. Kadri ficou nervoso após receber um hit de um jogador dos Sabres e, simplesmente o atingiu por trás. Algo a ser trabalhado em seu temperamento.

O último período teve apenas mais um gol, de Patrick Marleau, aos 19m16s, com os Sabres em Empty-Net. Marleau dominou o puck na zona neutra e partiu na velocidade, vencendo o defensor e marcando num gol totalmente aberto.

Mais uma vitória dos Leafs! A terceira consecutiva! Marleau marcou um gol e uma assistência na noite e passou Darryl Sittler em número totais de pontos na carreira, com 1122, ocupando agora a posição de número 58. Ele também jogou o jogo de número 1564 na NHL, empatando com Niklas Lidstrom na 11ª colocação!

Os Leafs marcaram um total de 80 gols no primeiro período nesta temporada, sendo a primeira na Liga.

O próximo jogo será amanhã, no Air Canada Centre, contra o Montreal Canadiens.

Go Leafs Gooooooo

20/01/2018 – Toronto Maple Leafs @ Ottawa Senators

segunda-feira, 22 janeiro 2018 Deixe um comentário

Vindos de 4 derrotas seguidas, sendo a última contra o Philadelphia Flyers, que gerou pesados comentários de Frederik Andersen sobre o comprometimento da equipe com a vitória, o Toronto Maple Leafs buscava voltar a vencer e foram à Ottawa, enfrentar o rival de divisão e de Província, os Senators, em mais uma edição da Batalha de Ontário.

Os Senators não estão em boa fase e até mesmo existem boatos de que podem vir a negociar Erik Karlsson.

O primeiro período foi melhor para os Leafs, que abriram o placar com Zach Hyman, aos 07m26s. Os Leafs conseguiram pressionar o Ottawa Senators e o goleiro Craig Anderson. Foram 12 chutes à gol dos Leafs contra apenas 4 dos Sens.

Infelizmente temos visto que os Leafs não conseguem manter lideranças de até mesmo dois gols, quem diria que manteriam de apenas um? Os Senators vieram melhores no segundo período e viraram a partida com gols de Erik Karlsson aos 03m08s, num powerplay, Mike Hoffman aos 07m12s e de Tom Pyatt, num powerplay para os Leafs, aos 18m05s. Foi o segundo gol shorthanded que sofremos em jogos seguidos!

Aparentemente o clima no vestiário dos Leafs foi quente entre o segundo e o terceiro período pois até mesmo o experiente Patrick Marleau acabou discursando para todos ouvirem e o sermão fez efeito, os Leafs voltaram com a faca entre os dentes para o último período. Auston Matthews diminuiu para 3 a 2 com um gol aos 02m53s. Mitch Marner empatou aos 04m21s, em powerplay, numa ótima jogada, vencendo Johnny Oduya na velocidade e controlando o puck em frente à Craig Anderson. Aos 08m58s, Connor Carrick marcou o gol da virada dos Leafs com um forte chute da linha azul! Que jogo!! Ao final os Leafs controlaram a partida e garantiram a vitória.

Erik Karlsson realmente não está em uma boa fase e por vezes acabou sendo batido na velocidade por jogadores dos Leafs, mas continua sendo um jogador que pode decidir a partida!

Os Leafs agora recebem o Colorado Avalanche hoje à noite em Toronto, e esperamos ver o time jogar como no terceiro período em Ottawa!

Go Leafs Gooooooo

19/12/2017 – Carolina Hurricanes @ Toronto Arenas

quinta-feira, 21 dezembro 2017 Deixe um comentário

No jogo que marcou o centenário do primeiro jogo do Toronto Maple Leafs, que em 1917 eram o Toronto Arenas, na NHL, os visitantes dessa vez foram o Carolina Hurricanes.

A 100 anos atrás, os Arenas perderam para o Montreal Wanderers por 10 a 9, mas não deram chance dos Canes de fazer o mesmo feito em 2017. Os Leafs já foram Arenas entre 1917 e 1919, St. Pats entre 1919 e 1927, antes de Conn Smythe, o então dono da equipe, mudar o nome para Toronto Maple Leafs, homenageando uma divisão do exército canadense do qual ele mesmo fez parte.

A prefeitura de Toronto decretou o dia 19 de dezembro como sendo o Toronto Maple Leafs Day, celebrando toda a história desta equipe que representa a cidade a 100 anos! É uma grande homenagem à uma equipe entre as mais vencedoras na NHL, mas que não tem tido o mesmo sucesso nos últimos 50 anos!

Com o puck no gelo, os Leafs simplesmente se impuseram e aos 02m52s, com os Canes em powerplay, Leo Komarov partiu para cima de Scott Darling, que não conseguiu defender o chute do atacante dos Leafs, que abriu o placar com um gol shorthanded, o primeiro dos Leafs na temporada e o quarto da carreira de Komarov na NHL. Mitch Marner que teve uma noite excelente e acabou anotando 4 pontos no jogo, marcou o segundo dos Leafs aos 05m33s num powerplay. Os Canes até tentaram dificultar, mas paravam em Frederik Andersen. Somente aos 09m07s, Jeff Skinner fez uma ótima jogada e conseguiu vencer Freddie num chute que resvalou em Ron Hainsey. Apesar disso, os Leafs ainda marcaram com James Van Riemsdyk aos 10m34s, em outro powerplay, e Tyler Bozak, aos 13m28s, abrindo 4 a 1 no placar no primeiro período. O gol de JVR foi-nos gol de número 20.000 na história! Mais um marco deste excepcional e comemorativo jogo!

A equipe parecia estar muito mais “ligada” no jogo que ocorreu às 14:00 em Toronto, entretanto o segundo período não viu gols de ambas equipes, mas viu belas defesas tanto de Freddie quanto de Darling.

O terceiro período viu os Leafs voltarem novamente focados e definindo o placar e o jogo. Patrick Marleau marcou aos 09m25s e, apenas seis segundos depois, Kasperi Kapanen marcou outro. William Nylander também acabou com a sua “seca” e marcou aos 14m05s. Para fechar a partida, outro jogador que não marcava a muito tempo, Connor Carrick, marcou aos 18m33s, num powerplay.

Que vitória marcante num jogo comemorativo de 100 anos na NHL! Foram oito gols marcados por oito jogadores diferentes! Bozak e Marner tiveram 4 pontos na partida, 1 gol e 3 assistências cada!

Pena que Auston Matthews ainda está se recuperando de lesão e não pode participar. Quem sabe implicar não seria ainda maior com ele no gelo?!?

Hoje à noite os Leafs já enfrentam o Columbus Blue Jackets, fora de casa! Que essa vibe da vitória de ontem seja mantida!!

Parabéns Toronto Maple Leafs pelos seus 100 anos na NHL! Parabéns pela vitória!

Go Leafs Goooo

Toronto Maple Leafs @ Montreal Canadiens – 27/09/2017 – Pré-temporada 

quinta-feira, 28 setembro 2017 Deixe um comentário

Após vencer o Montreal Canadiens no Ricoh Coliseum, o Toronto Maple Leafs foi visitar os Habs, dessa vez no Videotron Centre, em Quebec, casa do Quebec Remparts.

No gol dos Canadiens estava Carey Price, que sempre é um grande problema a ser vencido pelo time adversário. No gol dos Leafs, Curtis McElhinney. 

Apesar de os Leafs terem um melhor volume de jogo no primeiro período, foram os Habs que saíram com vantagem no placar, com gols de Jonathan Drouin, num contra-ataque matador, e Andrew Shaw, que se utilizou de um erro da defesa dos Leafs, que o deixou sozinho em frente à McElhinney. Carey Price foi perfeito no primeiro período e manteve todos os chutes dos Leafs sob controle. 

No segundo período acredito que Mike Babcock tenha acertado a equipe no intervalo, pois a equipe retornou melhor no gelo e conseguiu virar o jogo, com gols de tres defensores, Connor Carrick, Andreas Borgman e Martin Marincin. A defesa dos Leafs mostrou poder de fogo e que pode sim ajudar a equipe no ataque!

O terceiro período viu os Leafs fecharem o placar logo no começo, com um gol de Andreas Johnsson. 

Essa foi a sexta derrota seguida dos Habs na pré-temporada, onde a equipe ainda não sentiu o gosto da vitória. Mas como é pré-temporada e a equipe ainda está se acertando, isso tem muito pouco a nos dizer sobre como vai ser a equipe quando os jogos forem pra valer, pois as linhas não serão as mesmas e varios jogadores novatos não serão mantidos na equipe. 

O próximo adversário dos Leafs será o Detroit Red Wings!

Go Leafs Goooooo

%d blogueiros gostam disto: