Anúncios

Arquivo

Posts Tagged ‘David Clarkson’

Garret Sparks terá nova chance de mostrar seu valor, mas no Vegas Golden Knights

sexta-feira, 26 julho 2019 Deixe um comentário

O Toronto Maple Leafs anunciou que em troca de Garret Sparks, a equipe recebeu uma escolha de quarta rodada do draft de 2020 e o atacante David Clarkson, que já jogou pela equipe de Toronto, do Vegas Golden Knights.

Sparks chegou aos Leafs embaixo de muita expectativa e, em seu primeiro jogo na NHL, conseguiu marcar um shutout (não sofreu gols). Apesar disso, ainda não tinha maturidade e experiência e foi levado a jogar por algumas temporadas na AHL, onde ganhou a Calder Cup na temporada 2017-18 com o Toronto Marlies. Com o sucesso dele nos Marlies, Kyle Dubas acabou por não renovar o contrato de Curtis McElhinney, goleiro backup de Frederik Andersen, para dar a oportunidade de Sparks jogar na NHL, entretanto Sparks não conseguiu ter uma boa performance quando os Leafs necessitaram dele durante a temporada e, por vezes, chegou a ser enviado aos Marlies, dando espaço para Michael Hutchinson ser o backup de Freddie. Infelizmente não há mais espaço para Sparks nos Leafs.

Clarkson, jogador de 35 anos, teve seu último jogo na NHL em março de 2016, quando sofreu uma lesão que terminou com sua carreira. Clarkson já jogou nos Leafs em sua carreira, mas também não apresentou a performance que o trouxe à equipe, após jogar pelo New Jersey Devils. 

Com o contrato de Clarkson válido por mais um ano, o jogador que não tem condições de jogar vai ser colocado na lista de LTIR (Long Time Injury Reserve) e o seu contrato não será aplicado contra o teto salarial dos Leafs. Junto com o contrato de Nathan Horton, que também tem mais um ano, os Leafs conseguem livrar praticamente 10.5 milhões de dólares de seu teto salarial após o início da temporada.

Kyle Dubas tem feito um ótimo trabalho usando todas as regras do teto salarial para gerar espaço para a contratação de Mitch Marner, além de outros bons jogadores. Realmente temos que valorizar o trabalho dele como Gerente Geral dos Leafs.

A Garret Sparks, desejamos muito sucesso em sua carreira, agora jogando pelo Vegas Golden Knights, onde ele terá que competir com Malcom Subban pela posição de goleiro reserva.

GO Leafs Gooooooo

Anúncios

08/11/2013 – New Jersey Devils @ Toronto Maple Leafs

domingo, 10 novembro 2013 Deixe um comentário

Após belos dias de descanso entre jogos, os Leafs voltaram ao gelo, em casa, contra o New Jersey Devils, antigo time de David Clarkson.

Os Devils visitaram Toronto para a noite de Hockey Hall of Fame, onde os novos membros são formalmente apresentados. Este ano, entre os novos membros estavam Chris Chelios, Brendan Shanahan e Scott Niedermayer.20131108_Devils@Leafs_Banner

Neste jogo os Leafs escalaram Jonathan Bernier para enfrentar Cory Schneider, ex-Canucks.

Os Leafs estavam muito bem na partida e! no primeiro período! quase David Clarkson consegue marcar o seu primeiro gol como Leafs! justo contra seu antigo time, mas por centímetros, o puck que resvalou nas pernas de Schneider, foi para fora. Clarkson ainda tentou recuperar o puck, mas os defensores chegaram e controlaram a situação. Houve ainda outra ótima chance de Clarkson, defendida por Schneider. Apesar de ambas equipes tentarem chegar ao gol, os goleiros e defesas estavam saindo ilesos, com belas defesas de Bernier e de Schneider.

20131108_Devils@Leafs_Score

O placar só seria alterado no terceiro período, quando aos 08m12s, Phil Kessel recebe o puck de Cody Franson e, desde a defesa segue passando por toda a equipe dos Devils, antes de disparar ao gol. Foi um belo gol de Phil Kessel! que disse que a equipe estava precisando daquele gol! O técnico dos Leafs! Randy Carlyle, comparou Phil Kessel a uma das lendas da equipe, Frank Mahovlich. O gol foi marcado em powerplay (vantagem numérica para os Leafs). Infelizmente numa jogada de sorte, também em powerplay, Michael Ryder marcou o gol de empate. No chute de Ryder, aos 15m15s, Jonathan Bernier colocou o taco no caminho do puck, mas o puck ricocheteou e acabou traindo Bernier, passando por cima de sua luva e indo parar no fundo do gol.

Com o empate, o jogo foi para a prorrogação, que terminou sem gols e, depois, penalidades. Os Leafs listaram Mason Raymond, Phil Kessel e James Van Riemsdyk, enquanto os Devils listaram Michael Ryder, Travis Zajac e Adam Henrique. Ao final, somente James Van Riemsdyk conseguiu marcar, dando a vitória aos Leafs.

Ótima vitória para a equipe, que na noite seguinte enfrentaria os Bruins.

Go Leafs Go!!!!

25/10/2013 – Toronto Maple Leafs @ Columbus Blue Jackets

sábado, 26 outubro 2013 Deixe um comentário

Esta data foi uma das mais esperadas pelos torcedores do Toronto Maple Leafs. Após a contratação de David Clarkson, na pré-temporada o jogador se envolveu numa briga, onde saltou do banco para proteger Kessel, num jogo contra o Buffalo Sabres. Resultado: 10 jogos da temporada regular de suspensão. Este jogo seria o início desta temporada para Clarkson.

No gol dos Blue Jackets, Sergei Bobrovsky e, pelos Leafs, Jonathan Bernier.26102013_Leafs@Blue_Jackets_Banner

Para a ironia de todos, David Clarkson cometeu penalidade enganchando (Hooking) Nick Foligno e, sua primeira penalidade do ano, rendeu ao time da casa, o primeiro gol, aos 04m55s do primeiro período, com Ryan Murray, um novato. Este foi o primeiro gol da carreira de Murray na NHL, um gol em powerplay. Ele se aproveitou de um rebote e foi rápido, chegando ao puck antes do defensor dos Leafs, Paul Ranger.

26102013_Leafs@Blue_Jackets_ScoreOs Leafs foram muito indisciplinados neste jogo e forneceram 8 oportunidades de powerplay para o Columbus Blue Jackets. Jogar assim dificulta muito qualquer reação, além de deixar o goleiro, Jonathan Bernier, tendo que fazer muitos mais milagres que os necessários. Só Nazem Kadri cometeu 3 penalidades na partida.

No início do segundo período, os Leafs chegaram ao empate com Phil Kessel, logo aos 40s. James Van Riemsdyk interceptou um passe na zona de ataque e chutou ao gol, Bobrovsky defendeu e deu o rebote a Tyler Bozak, que passou para Phil Kessel marcar o seu sexto gol da temporada.

O terceiro período foi o mais movimentado. Aos 03m12s, Marian Gaborik recebe um passe vindo detrás do gol dos Leafs e bate forte, sem defesa para Bernier. Columbus novamente à frente do placar. Aos 11m52s do terceiro período, os Leafs tinham uma chance de empatar a partida em 59 segundos com 4 contra 3, mas quem marcou foram os Blue Jackets. Brandon Dubinsky foi veloz no contra-ataque e chutou muito bem, alto, por sobre o ombro de Bernier, para marcar um gol em desvantagem numérica e dar dois gols de vantagem ao seu time. Somente aos 15m30s, Dave Bolland volta a colocar os Leafs a somente um gol do empate, mas os Leafs continuaram não aproveitado as poucas chances e, no último minuto, os Blue Jackets conseguiram marcar dois gols que definitivamente acabaram com a partida. Um deles foi marcado por Ryan Johansen aos 19m33s, com os Leafs em Empty Net. O outro foi de Nick Foligno, aos 19m53s, num belo chute.

Os Leafs voltam à Toronto para enfrentar o Pittsburgh Penguins hoje à noite.

Que os erros de ontem não sejam cometidos hoje, na frente de Crosby, Malkin, Letang e cia! Os Penguins vêm de derrota contra os Islanders.

GO Leafs GO!!! (Quem sabe hoje não teremos o primeiro gol de Clarkson pelos Leafs?!?!?!)

Kessel é punido com suspensão de 3 jogos

quarta-feira, 25 setembro 2013 Deixe um comentário

(Photo credit: Wikipedia)

Ontem à tarde, Phil Kessel teve uma audiência por telefone com o comitê disciplinar da NHL e a decisão tomada foi a de suspender Kessel, que foi um dos principais envolvidos e originadores de toda a confusão no jogo de domingo contra os Sabres, no Air Canada Centre, por 3 jogos.

Está suspensão deixa Kessel de fora dos últimos 3 jogos da pré-temporada, mas assegura que o teremos para o jogo de abertura da temporada regular, uma visita aos nossos rivais de divisão, o Montreal Canadiens.

O motivo da suspensão foi que Kessel deu duas tacadas nas pernas de John Scott dos Sabres que iniciou a briga e, aliás, não tomou nenhuma punição. Após algo em torno de 30 segundos, enquanto Scott estava sendo seguro por David Clarkson, que saiu do banco dos Leafs e por isso foi suspenso automaticamente por 10 jogos da temporada regular, Kessel ainda o acertou com o taco mais uma vez.

Achei a punição merecida e, realmente, Kessel não pode utilizar seu taco como arma, mesmo contra jogadores maiores que ele.

Ainda bem que o teremos já no nosso primeiro jogo!

Go Leafs Go

Clarkson tem sua estréia oficial pelos Leafs adiada

terça-feira, 24 setembro 2013 2 comentários

Como já dissemos aqui no Maple Leafs Brasil, o último jogo contra os Sabres foi palco de uma briga generalizada após John Scott, um dos enforcers dos Sabres, tentar chamar Phil Kessel pra briga. Como Scott era muito mais forte que Kessel, o que seria uma disputa desproporcional, todos os jogadores que estavam no gelo partiram em defesa de Kessel, incluindo o goleiro Jonathan Bernier, que brigou com Ryan Miller.

O fato inusitado é que, ao ver o que estava ocorrendo no gelo, David Clarkson se indignou ao ponto de deixar o banco dos Leafs e ir ao encontro de John Scott. Por regra, se um jogador deixa o banco e invade o gelo para iniciar ou participar de uma briga, este jogador recebe uma penalidade de 10 minutos por má conduta e, automaticamente, recebe 10 jogos de suspensão na temporada, sem receber pagamento por este período.

A conclusão de tudo isso é que Clarkson, com essa atitude impensada, somente estreará pelos Leafs em 25 de Outubro, quando os Leafs enfrentarão o Columbus Blue Jackets. E com essa punição, Clarkson deixará de receber mais de 200 mil dólares de seu salário, que vai ser pago para uma associação dos jogadores da NHL.

Foi uma besteira cometida por Clarkson e que Nazem Kadri só não fez igual pois Jofrey Lupul o segurou no banco. Em entrevista ontem, Kadri afirmou que já estava quase pulando ao gelo quando Lupul o impediu, porém ninguém conseguiu impedir Clarkson.

Hoje Phil Kessel terá uma audiência com a comissão disciplinar da NHL para decidir se ele também será alvo de alguma punição, já que ele desferiu tacadas em Scott, tentando se proteger de um oponente muito maior que ele e, depois, acabou “esperando” o mesmo jogador dos Sabres com o taco, enquanto o mesmo estava sendo seguro por Clarkson. Talvez venham um ou dois jogos de suspensão.

A confusão toda saiu caro para os Leafs! Mas é bom ver a equipe aguerrida para a temporada!!

Go Leafs Go

22/09/2013 – Buffalo Sabres @ Toronto Maple Leafs – Pré-temporada

segunda-feira, 23 setembro 2013 2 comentários

Na noite de ontem, os Leafs receberam a visita dos Sabres no Air Canada Centre. Estes mesmos times se enfrentaram no sábado, em Buffalo, e os Leafs saíram com a vitória após empatar por 2 gols no tempo regular e depois de disputarem 15 rodadas de pênaltis (shootout).

Para este jogo, os Leafs escalaram Jonathan Bernier no gol.

Phil Kessel marcou seus dois primeiros gols da pré-temporada e os Leafs conseguiram segurar um momento melhor para os Sabres no terceiro período, assegurando a vitória por 5 a 3.

Os Leafs também tiveram gols de Trevor Smith, Josh Leivo e Jake Gardiner enquanto Nikita Zadorov, Jamie McBain e Corey Tropp marcaram para Buffalo.

Kessel se envolveu na principal briga do jogo, quando aos 10m01s do terceiro período ele foi alvo do ataque do jogador John Scott dos Sabres, segundos após uma briga entre Jamie Devane dos Leafs e Corey Tropp dos Sabres.

Kessel fugiu de Scott enquanto desferiu duas tacadas nas pernas do forte jogador dos Sabres, antes que seus companheiros de equipe chegassem para segurar Scott, que em comparação com Kessel é muito mais alto e forte que o jogador dos Leafs.

Essa ação entre Kessel e Scott iniciou uma briga generalizada com David Clarkson, dos Leafs, saltando para o gelo, a partir do banco da equipe para se juntar aos outros jogadores, defendendo a integridade dística de Kessel, e uma briga entre os goleiros Ryan Miller dos Sabres e Jonathan Bernier dos Leafs.

Ao final do jogo, os bancos de ambas equipes estavam praticamente vazios após inúmeras penalidades aplicadas, com punição de 10 minutos fora do gelo.

Após o jogo, David Clarkson e Phil Kessel podem vir a ser punidos pelas brigas.

Foi muito bom ver Bernier brigando com Ryan Miller. Isso deu ao goleiro dos Leafs o apoio da torcida que sentiu que ele também quis defender Kessel e pode contar com ele.

Go Leafs Go!!!!!!!!!!!

Tyler Bozak renova com os Leafs e David Clarkson é o mais novo jogador de Toronto

sexta-feira, 05 julho 2013 Deixe um comentário

Getty Images from TSN.ca website

O Central Tyler Bozak permanece em Toronto e o ala direita David Clarkson está deixando o New Jersey Devils para juntar-se à ele em Toronto.O site TSN está reportando que o Toronto Maple Leafs acertou os termos de contrato com Clarkson por 7 anos e Bozak renovou com eles por 5 anos no valor de $21 milhões de dólares.

Clarkson é nativo de Mimico, Ontario, no subúrbio de Toronto. É a mesma cidade de Dave Bolland, recém-contratado central de  27 anos, contratado numa troca realizada no Draft da NHL de 2013.

Muitas pessoas pensaram que Bozak deixaria Toronto após a contratação de Bolland, mas agora os centrais das 3 primeiras linhas dos Leafs são Nazem Kadri, Bozak e Bolland.

Clarkson, 29, marcou 15 gols e 24 pontos em 46 jogos na temporada 2012-13. Ele marcou o recorde de gols de sua carreira, 30, na temporada 2011-12.

Bozak, 27, marcou 28 pontos em 46 jogos na temporada 2012-13 jogando com Phil Kessel, que liderou o time com 52 pontos em 48 jogos. Bozak tem 134 pontos em 238 jogos, todos pelos Maple Leafs.

——————————————————————————————————————————-

Seja bem vindo David Clarkson! Que suas características de disputar o puck e jogo físico tragam maior qualidade à equipe. Com certeza a torcida te apoiará e você conhecerá o que é ser um jogador do Toronto Maple Leafs, com toda a exposição da mídia, muito diferente de ser um jogador num mercado como o de New Jersey.

Ao Tyler Bozak, que seu hóquei se desenvolva ainda mais e que você contribua para, quem sabe, chegarmos à tão sonhada Stanley Cup!

GO Leafs GOOOOOOOO

%d blogueiros gostam disto: