Archive

Posts Tagged ‘Joonas Korpisalo’

22/03/2017 – Toronto Maple Leafs @ Columbus Blue Jackets

quinta-feira, 23 março 2017 Deixe um comentário

O Toronto Maple Leafs foi à Columbus enfrentar uma equipe muito forte, que buscava a liderança da NHL, para empatar com o Washington Capitals. O Columbus Blue Jackets vinha de 4 vitórias seguidas e acabaram por não conseguir vencer em casa, num jogo em que os Leafs foram muito aplicados taticamente. 

Aos 08m55s, Nazem Kadri se aproveitou de um erro do defensor dos Blue Jackets e passou para Leo Komarov abrir o placar. Auston Matthews também deixou o dele, o gol de número 33, aos 10m54s, com os Leafs em powerplay. Matthews está a apenas um gol do recorde de um jogador novato nos Leafs, que é de Wendel Clark. Muito provavelmente ele deve passar essa marca com 10 jogos ainda por jogar! 

No segundo período o time da casa voltou com muita energia e logo aos 43s, David Savard marcou para os Blue Jackets que ainda empataram a partida aos 06m58s com Brendan Saad. Os Leafs não se abalaram e continuaram jogando bem até que, aos 13m32s, os Leafs recuperaram o puck na zona defensiva e William Nylander estava na zona neutra em boa posição. Nylander recebeu o passe, controlou o puck e partiu sozinho contra Joonas Korpisalo, que não conseguiu defender o ótimo chute do jogador dos Leafs, que colocou o time de Toronto novamente à frente do placar. 

O terceiro período mal havia começado e Roman Polak cometeu um pênalti “major”, de maior risco ao jogador adversário, e recebeu 5 minutos de penalidade em que Polak não jogaria o restante da partida e os Leafs permaneceriam com um jogador a menos durante os 5 minutos completos. Por um erro, a equipe não colocou ninguém no penalty box, erro que fez com que, após matar os 5 minutos de penalidade, os Leafs ainda permaneceram mais 01m54s com um jogador a menos, pois a partida não havia sido interrompida. Foi um chute de Brian Boyle que foi parar no banco dos Blue Jackets que fez os Leafs voltarem a jogar em 5 contra 5.  Mike Babcock disse que esse erro vai servir para que ele nunca mais o cometa no futuro. Neste período, Nazem Kadri marcou aos 15m46s, numa jogada em que foi analisada a posição dele ao entrar na zona de ataque, mas que confirmou que não houve impedimento, e Nikita Zaitsev marcou aos 17m13s, chutando o puck desde a zona defensiva dos Leafs no gol aberto dos Blue Jackets que já jogavam em Empty-Net, tentando diminuir o placar com um jogador a mais no gelo. 

A vitória dos Leafs foi importantíssima pois foi contra uma equipe muito forte, fora de casa, e os colocou na terceira posição da divisão, passando o Boston Bruins. 

Os Leafs nem terão descanso, pois recebem o New Jersey Devils hoje, em Toronto.

Go Leafs Gooooo

Anúncios

15/02/2017 – Toronto Maple Leafs @ Columbus Blue Jackets

quinta-feira, 16 fevereiro 2017 Deixe um comentário

Após uma vitória avassaladora sobre o New York Islanders, os Leafs já partiram para Columbus, para enfrentar o Columbus Blue Jackets na noite seguinte. 

Jogar em noites consecutivas não é fácil e talvez isso tenha afetado o resultado da partida. 

Com Curtis McElhinney no gol, dando descanso a Frederik Andersen, que havia jogado na noite anterior, os Leafs enfrentaram Joonas Korpisalo no gol dos Blue Jackets. Somente para lembrar, McElhinney veio ao Toronto Maple Leafs após ser colocado na lista de dispensa (waivers) pelos Blue Jackets.

Infelizmente o time de Toronto começou a partida sendo dominado pela forte equipe dos Blue Jackets, que jogava em casa no Nationwide Arena. Apesar de chegarmos ao gol adversário, Korpisalo fez um ótimo período e não deixou que os Leafs marcassem gols. Pelo lado dos Blue Jackets, Josh Anderson marcou aos 04m30s e Boone Jenner aos 11m15s marcaram no primeiro período. O gol de Josh Anderson foi revisto e confirmado pela arbitragem, mas em uma jogada muito parecida, Nikita Soshnikov teve seu gol anulado em outra partida, o que deixou os torcedores dos Leafs furiosos. 

Veio o segundo período e os Blue Jackets continuaram pressionando e conseguiram mais dois gols, abrindo 4 a 0 no placar. Os gols foram marcados por Oliver Bjorkstrand aos 01m32s e Nick Foligno, que acabou desviando o puck sem querer após o chute de Zach Werenski, em powerplay, aos 09m56s. Após uma desvantagem de 4 gols, fica muito difícil reagir, mas os Leafs iniciaram a reação com Nazem Kadri aos 17m28s, finalmente vencendo Korpisalo. 

O último período viu os Leafs correrem atrás do prejuízo e os Blue Jackets se segurarem no placar. Nazem Kadri diminuiu a vantagem para somente dois gols aos 06m19s, mas a reação parou por aí e, com os Leafs sem goleiro, já no final da partida, tentando pressionar ainda mais, os Blue Jackets marcaram seu quinto gol, aos 17m39s, com Matt Calvert, que chutou de sua zona de defesa e acertou o gol dos Leafs.

Um fato inusitado da partida é que Josh Leivo, que havia perdido um gol com o gol aberto no jogo contra os Islanders, teve a mesma chance e também desperdiçou na noite de ontem, contra os Blue Jackets. O controle do puck não foi total e o movimento de chute não pegou o puck por completo, fazendo o disco Bayer na lateral do gol de Korpisalo. 

Mitch Marner acabou deixando Antártida no terceiro período com alguma contusão. Não houve nenhum posicionamento dos Leafs quanto à gravidade da lesão. Esperamos que não seja nada grave e ele possa voltar a nos dar alegrias nesta temporada. 

O próximo jogo dos Leafs é a famosa batalha de Ontario no sábado! 

Com o dia limite para trocas e negociações de jogadores se aproximando (1º de Maio), a atenção de todos fica voltada a ver qual será a postura dos dirigentes dos Leafs, Brendan Shanahan e Lou Lamoriello, sobre a contratação de alguns jogadores de outras equipes o que pode envolver a negociação de alguns de nossos jogadores. Vamos ver o que acontecerá! Espero que se mantenham no plano de reconstrução e não negociem nenhum jogadores jovem e promissor. 

Go Leafs Gooooo

13/01/2016 – Columbus Blue Jackets @ Toronto Maple Leafs

quinta-feira, 14 janeiro 2016 Deixe um comentário

Após a viagem à Califórnia onde o Toronto Maple Leafs perdeu contra os Kings e os Sharks e venceu os Ducks, os Leafs voltaram para casa para jogar contra o Columbus Blue Jackets, que havia perdido os últimos cinco jogos.

Desta vez, James Reimer estava no gol dos Leafs e pelos Blue Jackets, Joonas Korpisalo, goleiro chamado da AHL, pois os dois goleiros titulares dos Blue Jackets estão contundidos. A partir deste jogo os Leafs estão sem James Van Riemsdyk, que teve uma fratura no pé e vai ficar fora do time pelo período de 6 a 8 semanas. Para seu lugar foi chamado Josh Leivo, que estava nos Marlies.

Os Leafs jogaram bem e dominaram o jogo em número de chutes a gol e domínio da partida, entretanto essa foi a noite de Korpisalo. O goleiro dos Blue Jackets simplesmente fechou o gol e negou todas as tentativas dos Leafs. 

O primeiro gol só veio no segundo período, quando Boone Jenner aos 15m08s, desviou um chute de Seth Jones, abrindo o placar. Os Leafs ainda viram Alexander Wennberg ampliar o placar aos 16m17s, se aproveitando de um rebote de Reimer.

Com dois gols de desvantagem no placar os Leafs retornaram ao terceiro período com “o puck entre os dentes” e desferiram 17 chutes ao gol de Korpisalo, contra apenas 5 dos Blue Jackets, mas Korpisalo parecia um goleiro veterano e somente aos 17m33s, Brad Boyes conseguiu vencer a muralha do goleiro de Columbus e jogar água fria na chance dele de obter seu primeiro shutout na NHL. Com apenas um gol de desvantagem no placar os Leafs retiraram Reimer, mas Dion Phaneuf não conseguiu controlar o puck e, pra evitar o gol dos Blue Jackets, cometeu uma penalidade (hooking), fazendo os Leafs perderem a vantagem numérica. No finalzinho, faltando apenas 0,9s, os Leafs saiam para o último ataque e o passe para trás acabou no taco do capitão dos Bkue Jackets, Brandon Dubinsky, que não desperdiçou o gol aberto dos Leafs. 

Os Leafs não jogaram mal, somente não conseguiram vencer o goleiro adversário que defendeu 41 chutes a gol na partida.

É deixar estas três derrotas seguidas para trás e correr atrás do prejuízo!

Go Leafs Gooooo

%d blogueiros gostam disto: