Arquivo

Posts Tagged ‘Kyle Okposo’

29/09/2016 – Buffalo Sabres @ Toronto Maple Leafs – Pré-temporada 

sexta-feira, 30 setembro 2016 Deixe um comentário

Após a derrota contra os Senators, os Leafs voltaram ao gelo contra os Sabres. Devido à Final da Copa do Mundo de Hóquei, que foi no Air Canada Centre, o jogo foi marcado no Meridian Centre, em St. Catherines.

Mais uma vez sem Mike Babcock, que é o técnico da seleção canadense e disputava o título da Copa do Mundo contra o time Europa, os Leafs não jogaram bem. Foram dominados pelos Sabres no primeiro período e permitiram, faltando 4 minutos para o final do período, 10 chutes a gol dos Sabres, contra somente 2 dos Leafs.

Esse jogo foi o primeiro em que os irmãos William e Alexander Nylander se enfrentaram, após Alexander ser selecionado pelos Sabres no Draft deste ano. Alexander mostrou sua habilidade e chegou a levar perigo ao gol de Garret Sparks.

Ao final dos três períodos, nenhuma equipe marcou gol no adversário e, isso perdurou pela prorrogação. No shootout, na quarta rodada, Matt Moulsob marcou e deu a vitória aos Sabres. 

O time dos Sabres também contou com Cody Franson, ex-Leafs, contratado após o término da temporada 2015-16, assim como Kyle Okposo, que deixou os Islanders e enfrentou seu ex-companheiro de equipe, Matt Martin.

Hoje à noite as equipes voltam a se enfrentar, agora sob mando do Buffalo Sabres. 

Go Leafs Go

07/01/2014 – New York Islanders @ Toronto Maple Leafs

quinta-feira, 09 janeiro 2014 Deixe um comentário

Derrotados pelos Rangers, os Leafs receberiam outro time de New York, os Islanders, que vinham de um jogo na noite anterior, onde venceram os Dallas Stars.

Mais uma vez, apesar da derrota para os Rangers e de ter tomado os cinco primeiros gols, Jonathan Bernier seria o goleiro dos Leafs. Pelos Islanders o goleiro foi Kevin Poulin.

20140107_Islanders@Leafs_BannerEste foi o primeiro jogo de Tim Gleason como um Leafs, após ter sido adquirido numa troca com os Hurricanes.

O jogo começou bem para os Leafs, que pressionavam e pareciam estar “acordados” desde o primeiro minuto de jogo. Isso foi recompensado com um gol de Tyler Bozak aos 05m05s, desviando um chute de Paul Ranger. Os Leafs estavam próximos de terminar o primeiro período em vantagem, mas um chute de Kyle Okposo faltando apenas 43s para os times irem aos vestiários, parecia ser um chute de fácil defesa para Bernier, mas acabou entrando pois a visão de Bernier foi impactada.

20140107_Islanders@Leafs_ScoreNo segundo período, os Leafs continuavam bem, mas numa jogada infantil, Bernier foi controlar o puck ao lado do gol, aos 03m06s, com a vinda de Michael Grabner, um veloz patinador dos Islanders. Bernier acabou se atrapalhando e o puck acabou indo para a área em que ele não pode tocar o puck e Grabner foi muito rápido, controlando o puck e dando a volta por trás do gol, marcando o segundo dos Islanders enquanto Bernier não conseguiu retornar a tempo de impedí-lo. Os Leafs só chegaram ao empate aos 08m25s num gol de Mason Raymond, em powerplay, aproveitando um rebote de Poulin. Partida empatada novamente até o final do segundo período.

Com a decisão a ser definida no terceiro período, os Leafs começaram mal e parecia que eles é que haviam jogado na noite anterior. O time parecia cansado, sempre naquela tática do Dump and Chase, que é lançar o puck ao ataque e correr para controlá-lo antes da defesa limpar a jogada. Aos 03m41s, Frans Nielsen chutou forte, num powerplay e colocou os visitantes à frente do placar novamente. Aos 06m01s, Calvin de Haan foi ao ataque e deu um chute despretensioso, mas Bernier aceitou e deixou passar por baixo do braço. Os Leafs ainda tentaram uma reação e marcaram o terceiro gol com Joffrey Lupul aos 16m55s, permitindo aos Leafs ter uma esperança de empatar o jogo retirando Bernier nos minutos finais do período, para colocar mais um atacante. Mas essa esperança acabou quando os Islanders recuperaram o puck e passaram a Cal Clutterbuck que saía do banco, numa troca de linhas, para sozinho marcar o quinto gol dos Islanders e selar a vitória.

Desta vez, os ameaça chutaram mais ao gol de Poulin, algo raro nesta temporada e, apesar de receber poucos chutes à gol, somente 25, não foi a noite de Bernier, que já nos garantiu vitórias recebendo mais de 40 chutes!

Os Leafs precisam retornar às vitórias nesta segunda metade de temporada, pois sua classificação para os playoffs já começa a ficar ameaçada por times como os Rangers e os Hurricanes!

Go Leafs Gooooooo

Enhanced by Zemanta

28/02/2013 – Toronto Maple Leafs @ New York Islanders

sexta-feira, 01 março 2013 Deixe um comentário

Apesar da derrota para os Habs em pleno Air Canada Centre na noite anterior, os Leafs foram a New York enfrentar os Islanders e não demonstraram cansaço!20130228_Leafs@Islanders_Banner

Este jogo marcou a volta de James Reimer ao gol dos Leafs, deixando Ben Scrivens como backup, no banco de reservas.

O jogo começou melhor para o time da casa que abriu o placar logo aos 03m34s, numa jogada em que Kyle Okposo conduz o puck ao ataque, vai em direção ao gol e efetua um passe para trás, para a chegada de Josh Bailey, que chutou para colocar o primeiro gol no placar. Os Leafs mantiveram a calma e empataram aos 08m31s com Nazem Kadri, que recebeu um passe de Mark Frazer, foi ao ataque e se aproveitou que Clarke MacArthur forçava passagem pelo meio da defesa, para realizar um belo movimento e mandar o puck para o fundo do gol de Evgeni Nabokov. Este período também teve uma jogada em que Phil Kessel perdeu o puck para Michael Grabner, que o venceu na corrida e foi derrubado por Kessel que concedeu um pênalti shot para os Islanders. Para felicidade dos Leafs, Reimer efetuou uma defesa até fácil no chute de Grabner.

20130228_Leafs@Islanders_ScoreO segundo período viu os Islanders passarem novamente à frente do placar com um gol de Lubomir Visnovsky, aos 06m22s, que Reimer não conseguiu defender. Os Leafs correram atrás do prejuízo e viraram o jogo com o segundo gol de Nazem Kadri, que desviado pelo taco de Mark Streit, encobriu Nabokov aos 08m55s. James Van Riemsdyk também marcou o seu, aos 10m25s, chutando ao gol e aproveitando seu próprio rebote para colocar os Leafs à frente do placar. E, por fim, Nazem Kadri conduz o puck na zona neutra e vai ao ataque pelo lado direito, passando por dois defensores dos Islanders e conseguindo espaço entre os defensores para chutar forte no canto do gol de Nabokov. Com esse gol, marcado aos 14m12s, Kadri marcou o seu primeiro Hat Trick da carreira na NHL!

Com uma vantagem de 2 gols, os Leafs voltaram para o terceiro período confiantes, mas os Islanders voltaram com vontade de dar trabalho e assim o fizeram. Após terem dois gols anulados corretamente pelos árbitros, um de John Tavares e outro de Visnovsky, ambos revistos pela central da NHL em Toronto, os Islanders vão ao ataque e aos 05m31s Andrew MacDonald recebe o puck de Kyle Okposo e chuta forte, de primeira, vencendo James Reimer. O segundo gol dos Islanders no período, que empatou a partida, aos 10m08s, foi marcado do mesmo local do gelo, até parecia um replay. Mark Frazer perdeu o puck para Kyle Okposo que foi ao ataque e chutou forte. Reimer não defendeu. Apesar de ótimas jogadas no ataque, os Leafs eram parados por Nabokov e o placar se manteve empatado, levando os Leafs a sua primeira prorrogação da temporada.

A prorrogação mal teve início Grabner acertou a trave de Reimer. Aos 1m11s da prorrogação Dion Phaneuf recebe o passe de Grabovski, passa pelo seu marcador e vai em direção ao gol de Nabokov. Phaneuf chuta sem chances de defesa para Nabokov e determina o resultado do jogo! Vitoria dos Leafs por 5 x 4 na prorrogação!

23/12/2011 – Toronto Maple Leafs @ New York Islanders

sábado, 24 dezembro 2011 Deixe um comentário

Ontem os Leafs voltaram a vencer, contra os Sabres, em casa e, antes do Natal ainda viajaram a New York para enfrentar os Islanders.

Apesar de comentários indicarem que Gustavsson iniciaria a partida, quem defendeu o gol dos Leafs foi James Reimer, que já havia jogado na noite anterior. No gol dos Islanders estava Evgeni Nabokov.

Com a viagem, seria esperado ver o time dos Leafs sentindo o efeito do cansaço do jogo da noite anterior e da viagem, mesmo que curta, à New York, mas isso não ocorreu. Nos primeiros 11m15s da partida, os Leafs já tinham a liderançca no placar por 3 gols. Logo aos 01m43s, Clarke MacArthur recebeu um belo passe de Tim Connolly, que recebeu atenção de 4 jogadores dos Sabres e bateu para o gol, sem chances para Nabokov. Aos 4m22s foi a vez de Nazem Kadri marcar um gol em powerplay, o segundo gol de Kadri, no segundo jogo de sua volta à NHL. Aos 11m15s Carl Gunnarsson acerta um belo chute da linha azul. Somente aos 15m45s, Kyle Okposo diminui para o time da casa.

Os Islanders começaram o segundo período em powerplay e com menos de um minuto de partida, aos 40s, Frans Nielsen marcou o segundo dos Islanders. O penalty Killing dos Leafs é o pior da liga e merece uma atenção especial de Ron Wilson. Os Leafs cometeram novo penalti, porém aos 08m59s, Tyler Bozak e Joey Crabb partem para o ataque e fazem uma bela tabela, deixando Crabb somente para empurrar o puck para o gol, voltando a dar 2 gols de vantagem aos Leafs.

Somente na metade do terceiro período é que os Islanders diminuíram novamente a vantagem dos Leafs, colocando pressão no time dos Leafs, com John Tavares marcando aos 10m30s. Após isso, os Leafs conseguiram segurar o placar e, faltando apenas 9s para o término da partida, Joffrey Lupul consegue chutar ao gol, sem goleiro, Nabokov havia sido substituído por mais um jogador de ataque, na tentativa dos Islanders de empatar a partida, o puck bateu na parede atrás do gelo e Kessel aproveitou e passou novamente para Lupul marcar o quinto gol dos Leafs, fechando a partida.

Segunda vitória seguida dos Leafs! Segunda partida seguida com um gol de Nazem Kadri! Segunda vitória seguida de Reimer. Parece que os Leafs voltaram à direção das vitórias!

GO Leafs GO

%d blogueiros gostam disto: