Arquivo

Posts Tagged ‘Vancouver Canucks’

02/11/2013 – Toronto Maple Leafs @ Vancouver Canucks

domingo, 03 novembro 2013 4 comentários

Finalizando a sequência de jogos no Oeste Canadense, os Leafs foram visitar os Canucks em Vancouver. Vindos de três vitórias, os Leafs estavam confiantes de que poderiam conseguir a quarta vitória seguida, porém este foi um dos piores jogos da equipe na temporada.02112013_Leafs@Canucks_Score

Antes do início da partida houve uma homenagem à retirada do número de Pavel Bure, o número 10, que ficou para sempre no teto do Rogers Arena.

O jogo começou e os Leafs foram totalmente controlados pelos Canucks, tanto que os primeiros 11 chutes à gol da partidaforam sobre James Reimer. Numa delas, Reimer conseguiu defender com o pé, bem encima da linha. Reimer conseguiu segurar o ataque dos Canucks, mas não por muito tempo, já que aos 06m03s Daniel Sedin abre o placar durante um powerplay.

02112013_Leafs@Canucks_BannerNo segundo período, os Leafs continuaram jogando mal e ainda tiveram um duro golpe, Dave Bolland acabou deixando o gelo após um hit recebido de Zach Kassian. Após algum tempo, foi identificado que o tornozelo de Bolland acabou sofrendo um corte e o jogador teve que passar por uma cirurgia e deverá ficar de fora do elenco por algum tempo. Neste mesmo período, ainda vimos os Canucks aumentarem a vantagem com Zach Kassian, aos 02m07s e Chris Higgins, aos 05m05s. Os Leafs simplesmente não conseguiam gerar perigos no ataque e, quando geravam, paravam em Roberto Luongo que defendeu alguns chutes muito bons dos Leafs, impedindo qualquer reação. Foram apenas 5 chutes à gol dos Leafs neste período.

No último período, nada mudou e com apenas mais 5 chutes à gol, os Leafs não conseguiram sequer vencer a muralha que foi Roberto Luongo nesta partida. Parece que Luongo voltou a ser aquele goleiro que disputou tantos Troféus Vezina e que havia até sido parte de rumores de sua ida aos Leafs. Aos 14m28s, Dan Hamhuis marcou o quarto e último gol dos Canucks na partida.

Os Leafs terão muito tempo para pensar nesta derrota já que o próximo jogo será apenas na sexta-feira, em casa, contra o New Jersey Devils. Tomamos mais chutes à gol em 13 dos 15 jogos desta temporada. Nossos goleiros e jogadores de linha estão fazendo milagres com um ótimo aproveitamento, mas será que conseguimos manter isso pro restante da temporada?

GO Leafs GO.

Mason Raymond participará do training camp dos Leafs

segunda-feira, 09 setembro 2013 Deixe um comentário
Vancouver Canucks forward Mason Raymond during...

Vancouver Canucks forward Mason Raymond during training camp in 2009. (Photo credit: Wikipedia)

De acordo com o site oficial do Toronto Maple Leafs, o ala Mason Raymond, ex-Vancouver Canucks e atualmente um agente livre irrestrito, participará do training camp dos Leafs em busca de uma posição da equipe.

Dave Nonis afirma que existe espaço para Mason, desde que ele prove que ainda tem as qualidades que o levaram à NHL, incluindo sua velocidade. Ele pode ter espaço na terceira linha de ataque dos Leafs, onde Matt Frattin, que foi negociado com o Los Angeles Kings, para a vinda de Jonathan Bernier, jogava.

Mason Raymond tem 27 anos, é um ala esquerda com muita velocidade e já marcou 80 gols e 98 assistências em 374 jogos na NHL. Ele foi escolhido no draft de 2005 por Dave Nonis, enquanto gerente geral do Vancouver Canucks.

Nonis quer dar mais esta opção à Randy Carlyle.

Adicionalmente, ainda não há qualquer novidade quanto à renovação com Nazem Kadri ou Cody Franson. Conforme o training camp se aproxima, Nonis fica cada vez com menos tempo para acertar estes contratos, muito importantes para os Leafs.

Que Nonis, Carlyle e todos façam o melhor pelos Leafs com o dinheiro que ainda nos resta dentro do teto salarial vigente!

Assim que tivermos notícias, postaremos aqui.

Go Leafs Go!!!

18/02/2012 – Toronto Maple Leafs @ Vancouver Canucks

domingo, 19 fevereiro 2012 1 comentário

Com a vitória sobre os Oilers, os Leafs se mantiveram em oitavo na classificação da Conferência Leste, apenas 1 ponto à frente do Washington Capitals e com o Winnipeg Jets encostando! Os Leafs necessitam urgentemente voltar a vencer para se garantir nos playoffs deste ano!!!

Contra os Canucks, os Leafs não vencem desde 2003, quando Mats Sundin marcou o gol da vitória!!!

No primeiro período os Canucks comandaram a partida, aproveitando-se do fato de jogar em casa, em frente à sua torcida! Os Canucks fecharam o primeiro período com a vantagem de 2 a 0 no placar, com gols de Alexandre Burrows, aos 7m49s e Manny Malhotra aos 9m16s. Neste período os Leafs deram somente 4 chutes à gol!

No segundo período, a história continua e os Canucks aumentam para 3 a 0 com outro gol de Alexandre Burrows aos 3m18s, mas os Leafs conseguiram revidar com um chute de Phaneuf aos 6m02s e pareciam acordar para a partida. Mas só parecia mesmo, pois os Canucks ainda marcaram o quarto gol, com Daniel Sedin aos 11m14s. Foi neste momento que Reimer foi substituído por Jonas Gustavsson! Reimer sofreu 4 gols em 18 chutes!!! Os Canucks ainda conseguiram marcar mais um, num erro de Lombardi ao tentar tirar o puck da zona defensiva dos Leafs, errou o puck e deu um chute fraco, que caiu no stick de Sami Salo, que agradeceu e marcou o quinto gol dos Canucks, em powerplay.

Os Leafs ainda veriam mais um gol dos Canucks no terceiro período. Desta vez foi Kevin Bieksa que marcou, aos 8m25s. O restante do jogo os Leafs tentaram, tentaram, mas foram parados por Roberto Luongo. Faltando apenas 20 segundos para o término da partida, os Leafs marcaram seu segundo gol com Nikolai Kulemin, e saíram de Vancouver com uma derrota por 6 a 2.

O time não está conseguindo se achar no gelo. Não sei se existe uma certa pressão devido à possibilidade de trocas e negociações, mas Burke tem que resolver logo se troca algum jogador, ou se não vai agir este ano. Isso acalmaria os jogadores …

Uma notícia boa é que o time dos Capitals também não venceu e continua na cola dos Leafs, mas sem passar ou empatar conosco!!!

GO Leafs GO

[Off-Topic] Canucks na final da conferência.

terça-feira, 10 maio 2011 Deixe um comentário

Ontem, num jogo disputado, os Canucks conseguiram sobrepujar os Predators. Venceram o jogo 6 em Nashville, por 2 a 1 e acabaram com as chances dos Predators de avançar.

O Vancouver Canucks é o único time canadense ainda ativo na pós-temporada (Canucks é Canadá na Stanley Cup) e aguarda a decisão entre San Jose Sharks e Detroit Red Wings, cujo jogo 6 será transmitido hoje às 21h de Brasília na ESPN. O San José lidera a séria por 3 a 2, mas os Red Wings não vão deixar a classificação escapar tão facilmente.

No final da conferência Leste, Boston Bruins e Tampa Bay Lightning aguardam o início da série.

————————————————————————————————————————–

Pessoal, nesta pós temporada, como as notícias dos Leafs são escassas, o número de posts também cai, porém peço que se mantenham atentos às nossas atualizações pelo twitter ou por e-mail, pois sempre que houver novidades nos Leafs, elas estarão aqui no Maple Leafs Brasil.

Obrigado pelos acessos durante a temporada 2010-2011. Para a próxima temporada vou tentar alterar o visual do blog para deixá-lo mais com a “cara” dos Leafs.

13/11/2010 – Vancouver Canucks @ Toronto Maple Leafs

domingo, 14 novembro 2010 5 comentários

Bom … o que eu posso falar aqui? Gostaria de falar que a sequência de derrotas terminou, mas essa não seria a verdade … Porém quero olhar este jogo com um olhar otimista e me ater aos pontos positivos!

Fomos derrotados sim, dentro de casa, mas na minha visão os Leafs mostraram algo diferente neste jogo … mais vontade … mais garra …

Os Canucks são uns dos times mais experientes e que possuem chances reais de disputar a Stanley Cup neste ano e jogar contra eles é sempre difícil, mesmo com a ajuda da torcida e ainda mais quando estamos em uma sequência grande de derrotas, que prejudica o psicológico dos jogadores.

O Toronto Maple Leafs iniciou a partida de forma espetacular, animando todos os torcedores com um gol de Fredrik Sjostrom e, finalmente, um gol em powerplay de Phil Kessel, abrindo 2 a 0 no placar!! Mas, ainda no primeiro período, o ótimo time dos Canucks empatou a partida com gols de Daniel Sedin, em powerplay (high-sticking de John Mitchell), e Ryan Kesler. E assim terminou o primeiro período.

Nem bem começou o segundo período e os Canucks conseguiram marcar, em um powerplay concedido por Mikhail Grabovsky, logo aos 56s de partida, com novo gol de Ryan Kesler. Durante este período, Mike Brown e Tanner Glass trocaram alguns socos onde a camisa do Glass foi rasgada por Mike Brown. Somente aos 11m44s Grabovsky se redimiu do penalty que deu a liderança aos Canucks e marcou o gol de empate.

Houve também algumas chances para os Leafs em breakaways, com John Mitchell e Kris Versteeg, mas que não se converteram em gols.

Vancouver Canucks goaltender Roberto Luongo du...

Image via Wikipedia

As equipes estavam jogando de igual para igual e, no terceiro período os Leafs viram suas chances de vitória aumentar com um maior número de chutes ao gol de Roberto Luongo, porém aos 13m36s Mason Raymond, em um chute despretensioso, além do círculo esquerdo da zona de defesa dos Leafs, conseguiu um gol, vergonhoso para Jean-Sebastién Giguere, que entrou por baixo do stick e no meio das pernas do experiente goleiro do Toronto. O gol tomado, apesar de vergonhoso, não chega nem de perto à um gol que Vesa Toskala tomou, em que o puck veio pulando no gelo e acabou entrando por cima de seu ombro. Pode até ser considerado um gol normal … às vezes acontece. Mas tinha que ser nesse jogo? E tinha que ser contra os Leafs? Porque não foi o Luongo que tomou um gol desses? HEHEHE

Bom … com os Canucks à frente, os Leafs continuaram pressionando e Luongo foi obrigado a defender 2 chutes à queima-roupa e, no último minuto da partida, com os Leafs sem o goleiro, para colocar um atacante adicional no gelo, em uma jogada para defender os Canucks, Dan Hamhuis no meio de  vários jogadores, conseguiu mandar o puck para longe, e infelizmente para os Leafs, o puck foi exatamente na direção do gol, anotando o quinto gol dos Canucks. Atrás do puck estava Kris Versteeg que, com o gol dos Canucks, acabou descontando a frustração, com um golpe de seu stick sobre o gol dos Leafs, quebrando o stick.

Como eu disse, os Leafs jogaram de igual para igual e, em partidas contra times bons como os Canucks, mínimos erros decidem a vitória. Foi isso que aconteceu, no terceiro período, com os Leafs.

Deixo aqui o link para quem gostaria de assistir o resumo do jogo, em seis minutos, disponível do site oficial dos Leafs.

Sim … estamos a 8 jogos sem vitórias, mas aparentemente o time melhorou … agora é aguardar por terça-feira, quando recebemos o Nashville Predators em Toronto, para voltarmos a marcar 2 pontos e deixar essa “Zica” de lado!

GO Leafs GO

P.S.: Ahhhh… ia me esquecendo … outra coisa positiva na partida foi que tanto Nazem Kadri quanto Keyth Aulie jogaram bem … não foram erros deles que foram decisivos para a derrota e, Kadri deu bons passes que poderiam ter sido convertidos em gols para os Leafs!!!

%d blogueiros gostam disto: